A velocidade depende de força e agilidade, esta agilidade é necessária em muitas modalidades equestres

O atleta humano trabalha para desenvolver três itens dentro do condicionamento físico: força muscular, resistência e flexibilidade. Os treinadores do equino atleta, muitas vezes, priorizam o desenvolvimento muscular e cardiorrespiratório deixando o quesito flexibilidade em segundo plano.

A velocidade depende de força e agilidade, esta agilidade é necessária em muitas modalidades equestres. Em algumas, chega até ser essencial. Podemos perceber quando analisamos fotografias tiradas no momento da virada nos tambores, por exemplo.

alongamento em equinos
Pescoço

A elasticidade dos músculos, tendões e ligamentos permite movimentos mais rápidos e ajuda a prevenir lesões. Uma ferramenta muito eficaz quando pensamos no aumento da elasticidade muscular, tendínea e ligamentar é o alongamento do equino atleta.

Os alongamentos proporcionam:

Aumento da amplitude dos movimentos articulares;

Aumento do comprimento funcional dos músculos;

Melhora da performance;

Diminuição da incidência de lesões.

alongamento em equinos
Posteriores

Temos duas formas de alongamentos que podem ser feitos nos cavalos:

Alongamento ativo: exercícios específicos feitos pelo cavaleiro montado;

Alongamento passivo: feito com a ajuda de uma pessoa.

Qualquer pessoa pode alongar seu cavalo, basta seguir alguns cuidados:

Use trações gentis: pegue o membro, guie-o até sentir uma leve tensão e o mantenha na posição durante alguns segundos (ao redor de cinco a oito segundos). Depois, gentilmente, permita a volta à posição original. Cada alongamento pode ser repetido três vezes;

Não puxe o membro de uma vez forçando o alongamento, isto pode produzir micro lesões;

Preste atenção ao nível de conforto do animal;

alongamento em equinos
Anteriores

Não tente ganhar amplitude em uma ou duas sessões, isto pode levar algumas semanas;

Os alongamentos podem ser realizados todos os dias;

Para os alongamentos de pescoço e coluna utilize algo que seu cavalo goste como cenouras, feno ou capim, isto irá incentivá-lo para realizar os movimentos. Você vai notar que conforme ele for aprendendo, mais qualidade vai existir nos alongamentos. O ideal é, por exemplo, quando for feito o alongamento da cabeça entre os membros anteriores, é que a cabeça esteja reta.

Por Monica Platzeck
Médica Veterinária, especialista em Fisiologia do Exercício pela USP e em Biomecânica pela UGF, sócia da Sociedade de Terapia Brasileira
Fonte: Editora Passos
Fotos: Cedidas

Escreva um comentário