Em torno de 60% das claudicações nos equinos são causadas por osteoartrites

As osteoartrites – um tipo de artrite que ocorre quando o tecido flexível nas extremidades dos ossos se desgasta – podem ocorrer precocemente em cavalos de esporte ou com o avanço da idade. Estresse físico, alteração da angulação articular, fraturas e micro fraturas no osso subcondral, são alguns dos fatores que sobrecarregam principalmente as articulações metacarpo falangeanas e do carpo.

Sabendo que a matriz extracelular da cartilagem articular contém 60% de colágeno e apenas 30% de proteoglicanos (proteínas intracelulares ligadas à glicosaminoglicanos), o conceito do colágeno pode ser considerado de última geração no auxilio dos tratamentos articulares, pois somado ao efeito de redução da dor, proporciona flexibilidade e reconstrução dos tecidos das articulações. Esse efeito revolucionário do colágeno na versão Peptídeo Bioativo foi comprovado em inúmeros estudos internacionais.

Os Pedtídeos Bioativos são peptídeos (partes da proteína de colágeno) que atuam de duas formas na matriz articular: uma estimulando os condrócitos a produzirem mais colágeno para extremidade da matriz; e outra na forma de deposição dos peptídeos de colágeno na porção colagenosa da articulação. Dessa forma, podemos dizer que o Peptídeo Bioativo atua em 100% da matriz articular diferentemente da condroitina e da glucosamina, que apesar de ser muito eficiente no tratamento das enfermidades articulares vão agir somente naos condrócitos, em 30% da matriz articular.

Mas o colágeno é bem absorvido? O colágeno por si só é uma proteína grande de difícil e grosseira absorção. Porém, o colágeno composto pelo peptídeo do colágeno (fragmento de colágeno hidrolisado), pelo fragmento da proteína, tem absorçã de 100% do produto ingerido. Agindo, consequêntemente, em 100% da matriz articular.

A condroitina e a glucosamina, além de agir somente em 30% da matriz articular (região proteoglicana), como já mencionado, tem sua absorção reduzida nos equinos, fator esse que os colocam em desvantagem quando administrados via oral.

Para uma maior eficácia, há produtos que são enriquecidos com Vitamina C, para reduzir a ação da colagenase na destruição do colágeno e na absorção do Magnésio. Fato que auxilia no tratamento de artroses, atrites e tendinites. O Cobre Quelatado presente no colágeno participa da síntese do colágeno e elastina, auxilia a metabolização do ferro e fortalecimento dos ossos, além de ter a função antioxidante e antinflamatória.

Por Allan Rômulo
Medico Veterinário, empresário fundador da Univittá Saúde Animal, pós-graduado em administração de empresas pela FGV. Formulador e desenvolvedor de tecnologias para nutrição animal, com experiência em marketing veterinário e venda de produtos de conceito
Foto: Cedida

Escreva um comentário