Geral

Gotta Gold Chain tem linhagem aberta para diversas modalidades

Ganhador de US$ 89.571,00, possui o gene Splash. Chegou ao Brasil para modernizar a genética da linhagem de Trabalho

O palomino Gotta Gold Chain chegou ao Brasil e fez sucesso durante o Campeonato Nacional ABQM ano passado, na Galeria de Garanhões da Central Equus. O garanhão foi importado pelos criadores Alessandro Almeida – Alpakatha Ranch, Anderson Bernal – EJB Ranch, Giovani Bernardo Soares – GBS Ranch, e Junior Isique, formando um condomínio Gotta Gold Chain.

De acordo com os proprietários, Gotta Gold Chain chama atenção por sua conformação e beleza.  Mas o que realmente se destaca nele é seu pedigree e performance. “Eu conheci o Gotta Gold Chain no NRBC. Estava competindo e me impressionou pela beleza e sua estrutura óssea diferenciada, habilidade extrema, um cavalo maravilhoso”, conta Luiz Paulo Ramos, da Central Equus.

Sem saber quem era e nem sua genética, Luiz Paulo foi buscar mais informações. “Me dirigir baia para conhecê-lo de perto. Me atualizei sobre linhagem, que é extraordinária. Sobretudo, família de mãe e pai consagrados. Sangue que não tinha nenhum individuo no Brasil. Passou quase um ano até que conseguir realizar a compra”.

Linhagem

Seu pai, Jacs Electric Spark, produtor de mais de US$ 3,5 milhões. Assim sendo, ganhador de US$ 85.907,00 em Rédeas.  Melhor Reprodutor dentre os filhos do lendário Shining Spark e 12° Melhor Reprodutor de todos os tempos em Rédeas pela NRHA.

Do mesmo modo sua mãe, Snip O Chex. Produtora de mais de US$ 320 mil, filha da lendária Snip O Gun -All Time Reining Producer, com mais de US$ 900 mil em ganhos de seus filhos. Uma das melhores linhagens maternas de Rédeas.

Gotta Gold Chain possui o gene ‘Splash’, aumentando assim a probabilidade em até 50% dos seus filhos terem manchas brancas. É ganhador de US$ 89.571,00 em Rédeas.

Desse modo, o garanhão tem no currículo: AQHA International High Point Jr Reining Horse; Top 10 no NRHA Open Futurity; campeão German American 4YO Open Futurity; reservado campeão French Open Futurity; medalha de Bronze FEI WorldChampionship Open por Equipes; ‘top 10’ NRHA European Open Derby e NRBC 7up Open Challenge; entre outros.

“Suas principais características são: habilidade atlética, estrutura, morfologia muito forte, balanceada. Ele tem 1,58m de cernelha, 1,95m perímetro torácico 23cm de canela. Realmente um indivíduo único nas suas proporções. Uma nobreza, uma expressão racial fantástica e um cavalo de caráter extraordinário”, detalha Luiz Paulo.

Gotta Gold Chain tem linhagem aberta para diversas modalidades

Reprodução

Como reprodutor, Gotta Gold Chain tem poucos filhos ainda. Alguns nos Estados Unidos e outros na Europa. Todos com estreia para 2020 e 2021.

No Brasil, por ter uma genética de Trabalho, veio para servir o plantel nacional em diversas modalidades. A saber: Team Roping, Laço Comprido, Rédeas, Laço Individual e Vaquejada.

“Ele vai contribuir muito, não só para a linhagem de Rédeas, como também de forma geral para os cavalos de Trabalho, principalmente de Laço e Vaquejada. Ficaram impressionados com ele”.

De acordo com Luiz Paulo, logo após sua apresentação foram vendidas 150 coberturas para todas as modalidades.

Premiação Extra

Com a primeira geração programada para estrear esse ano, ao mesmo tempo em que promove o cavalo, o condomínio Gotta Gold Chain tem um projeto de distribuir uma bolsa de R$ 2,5 milhões em premiações extra para seus filhos.

Terá a duração de cinco anos para os potros do futuro da ABQM e da ANCR. O prêmio será distribuído entre as classes Aberta e Amador da seguinte maneira: campeão – R$ 20 mil, reservado campeão – R$10 mil e terceiro colocado R$5 mil.

O projeto contempla, sobretudo, as modalidades Laço Cabeça, Laço Pé, Laço Individual Técnico, Laço Comprido, Vaquejada e Rédeas.

Gotta Gold Chain será lançado oficialmente no Brasil em grande estilo no Leilão Alapakatha, no dia 27 e 28 de março de 2020, no Apakatha Ranch, em Itapira/SP. Outras informações: (17) 99784-3544 com Junior Isique.

Por Verônica Formigoni
Fotos: Gerson Verga

Veja mais notícias da modalidade Rédeas no portal Cavalus