Geral

Missão Técnica Sebrae está na Equitana pelo terceiro ano

15 empresários da equideocultura brasileira visitam a maior feira do setor no mundo

Visando fornecer fonte de informação, conhecimento e negócios para o fomento e desenvolvimento da cadeia produtiva do cavalo no Distrito Federal, a 3ª edição da Missão Técnica Sebrae/Equitana está na Alemanha. A feira acontece de 9 a 17 de março em Essen.

Segundo Heron Garcia, consultora técnica que estruturou a Missão junto a Patrícia Ferreira, gestora do Sebrae DF, os participantes foram selecionados por cumprirem os requisitos exigidos pelo Sebrae. De volta ao Brasil, eles precisam emitir relatórios sobre tudo que viram e as suas perspectivas de aplicação em seus negócios, assim como as expectativas cumpridas.

“A missão viabiliza aos participantes uma aproximação ao mercado equestre europeu, para o fortalecimento dos grupos que representam. Serão cinco dias de atividades intensas na Alemanha e procuramos neste período ter contato com diferentes áreas do mundo do cavalo, não só na feira, mas também visitando haras e conhecendo entidades”.

No programa deste ano o grupo terá encontro com organizadores da feira objetivando entender como é organizado um grandioso evento, sua logística, os profissionais envolvidos, estrutura, fornecedores, dentre outros detalhes.

Está programada também uma visita técnica a um haras alemão, para conhecer a operação diária de um haras, o manejo dos animais, processos reprodutivos, programas sanitários e alimentares, mecanização da propriedade, sistemas de treinamento de cavalos e atletas.

Outro interesse do grupo é conhecer a Federação Hípica Alemã, onde querem saber mais sobre o espaço, centros de treinamento, funcionamento da entidade, seus programas, atuação junto aos criadores, treinadores e praticantes, além de saber também sobre as possibilidades de parceria Alemanha/Brasil para treinadores e troca de experiências.

“Durante a feira queremos nos aproximar de treinadores de cavalos para saber mais sobre seus métodos e técnicas, vendo a possibilidade de intercâmbio com o Brasil. Junto aos fornecedores de produtos e serviços, iremos tentar parcerias de exportação e importação com o nosso país. Na área de veterinária, a ideia também é viabilizar intercâmbios com nossos profissionais brasileiros, e participar de palestras e workshops dentro da própria Equitana”, explicou Heron.

A Missão deste ano reúne veterinários, diretores de Associações de raça, criadores de cavalo, atletas de Enduro Equestre, Ranch Sorting e Team Penning; zootecnistas especialistas em Cavalos, empresário do ramo de vestuário para equideocultura, além do responsável pelo programa de Equideocultura na EMATER – Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Governo do Distrito Federal, dentre outros.

Para Heron, o ambiente da Equitana é muito fértil em todas as áreas do cavalo e, mais um ano, deverá atender todos os interesses dos participantes, que chegam no dia 12 de março e ficam até 17, quando retornam ao Brasil.

“Esta missão começou há seis anos e sempre traz muito resultado, pois sabemos que o Sebrae não costuma investir em missões internacionais mais do que uma vez, e esta já é a terceira que teremos. Isto mostra o sucesso da feira para os brasileiros interessados em tecnologia, produtos e o conhecimento em si do que existe de melhor no mundo equestre. Na minha opinião, é uma felicidade enorme saber que as pessoas querem participar cada vez mais da Equitana, e, a cada ano, é muito importante recebermos novos empresários do ramo, pois sabemos que voltam com novas ideias para seus segmentos, com a ajuda do Sebrae. Agradecemos todos envolvidos pela missão e estamos à disposição para atender as solicitações na feira”, disse Patrícia Opik, representante da Equitana no Brasil.

A parceria entre Opik e Heron já vem de alguns anos na realização de alguns projetos em Brasília voltados à feira e ao cavalo em si. “Sempre que preciso, a Heron me ajuda muito na assessoria dos projetos em Brasília, junto aos órgãos governamentais e entidades em geral. Aproveito para agradecer pela parceria”.

Colaboração: Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação