Além de um atleta premiado, ele também tornou-se garanhão, sendo pai de inúmeros cavalos ganhadores

Zan Parr Bar era um garanhão de castanho, filho de Par Three – filho do membro do Hall of Fame da AQHA Three Bars -, um garanhão puro-sangue. Sua mãe era Terry’s Pal, filha de Poco Astro. Zan Parr Bar foi criado por Bobbie Silva, de Tulare, Califórnia, nascido em 30 de abril de 1974.

Aos quatro meses de idade, foi comprado por Bill Gibford, professor da California Polytechnic State University, que lhe deu o nome de Zan Parr Bar, inspirado nos nomes de seus ancestrais, como Zantanon, na linha paterna, seu pai e avô. Quando formado, media cerca de 15 palmos (1,55m) e pesava ,3 mãos de altura e pesava 1250 libras (cerca de 500kg).

Gibford levou Zan Parr Bar para a pista de Conformação aos dois anos de idade. Ganharam títulos de Grande Campeão e também Grand Reservados Campeões em diversas provas. Em uma dessas prova, a criadora de Gainsville, Texas, Carol Rose, viu Zan Parr Bar e achou ele o cavalo mais lindo. Tentou comprá-lo, conhecia Gibford, mas ele não vendeu.

Um mês depois, Gibford telefonou para Carol e informou-a de que tinha mudado de ideia. Ela imediatamente voou para a Califórnia e finalizou o acordo. Nas palavras de Carol, “eu estava em um avião às oito da manhã do dia seguinte e às 17h30 o negócio estava terminado. Às seis horas apareceu outra pessoa que fez uma oferta”.

Ela o levou para o Texas e deixou em treinamento com seu marido, Matlock Rose. Zan Parr Bar continuou sua carreira na Conformação, ao mesmo tempo que passou a se apresentar em Western Pleasure. Ganhou mais pontos na AQHA para essa nova modalidade até o final de 1977, o suficiente para ficar com Registro de Mérito em Performance. Em 1978, o garanhão começou a fazer provas de Laço, ganhando título como maior pontuador em Steer Roping e o de campeão AQHA.

Durante sua nova carreira, ganhou AQHA Champion, Performance Register of Merit, Superior Halter Horse e Superior Steer Roping Horse. Ele foi o garanhão de Conformação mais pontuado de 1977 e ainda Campeão Mundial na categoria Three Year Old Stallion. Já em 1979, ele foi campeão mundial Aged Stallion em Conformação, assim como maior pontuador como cavalo de Steer Roping. Repetiu em 1980 o título mundial na categoria Aged Halter Stallion.

Zan Parr Bar se aposentou das pistas depois de 1980, tornando-se garanhão em tempo integral. Como pai, ele gerou uma série de cavalos campeões do mundo, incluindo Reprise Bar, Zan Parr Jack, Zans Playgirl, Zans Par, Zanza Skip, Zans Bueno Bar, Zan Gold Jack, Zans Sunflower, Amazan, Zippin Zanita, Zanador, Zans Parson, Biarritz Bar, Parr Skip Bar, Zan Parr Barb e Zans Showdown. Do cruzamento com Diamonds Sparkle, Zan Parr Bar produziu Sparkles Rosezana, Zans Diamond Sun e Sparkles Suzana.

Muitos de seus filhos foram destaque, mais de 12 gerações nasceram, inúmeros campeões AQHA e campeões mundiais, em várias disciplinas. Não só em Laço e Conformação, mas também em Apartaçãpo e Working Cow Horse. Ele morreu de colite X, uma doença tóxica não contagiosa que leva ao choque severo, em 25 de novembro de 1987. E foi enterrado na Southwest Stallion Station, em Elgin, Texas. Entrou para o Hall da Fama da AQHA em 2010.

Entre suas características marcantes, combinava uma conformação impecável com talento comprovado dentro das pistas. Seus filhos herdaram não só a sua conformação, mas também sua incrível habilidade atlética, nascendo, assim, sua reputação invejável de grande garanhão de cavalos performance. Ele deixou 652 filhos.

Fonte e Fotos: Wikipedia

Escreva um comentário