Um dos pré-futurities mais aguardados da temporada e também provas importantes para cavalos mais velhos

O High Roller Reining Classic existe desde 2008 e é realizado no South Point Equestrian Center. As pistas fazem parte de um complexo que possui hotel e cassino. Para Amanda Brumley, da Brumley Management Group LLC, que promove o HRRC, a Rédeas é um dos principais esportes do mundo e a intenção é colaborar com seu crescimento e fortalecimento. Eles também promovem o Cactus Reining, Reining by the Bay, o Wild Card Reining Challenge e o recém-criado The Run For a Million.

As primeiras grandes disputas do High Roller Reining Classic são sempre as provas para cavalos mais novos. Nesta edição, foram realizadas duas disputas. O Futurity 4YO, para cavalos que foram potro do futuro ano passado, e o Futurity para cavalos de três anos, que são potro do futuro esse ano. Ambas, nas categorias Non Pro e Open.

Big Addy Tude e Mirjam Stillo

Big Addy Tude apresentado por Mirjam Stillo foram campeões do Tamarack Ranch 4YO Wild Card Futurity com 219 pontos. Mirjam e Big Addy Tude também ficaram com os prêmios do Nível 3 e Nível 2. Os campeões do Nível 1 foram Mjg Hollywood Jersey e Giada Campars, com a nota 215. O melhor brasileiro nessa categoria foi Eduardo Salgado com Cool Hand Spook, com 215,5 pontos, quarto no Nível 4 e terceiro no Nível 3.

Andrea Fappani terminou um dos eventos mais esperados da Rédeas nos Estados Unidos como campeão e reservado HRRC Silver Spurs Equine Futurity. Marcou 221 pontos com Whizin Off With Guns e 218,5 pontos com Gotta Get Diamonds. O brasileiro de destaque dessa categoria foi Franco Bertolani com Mister Grey Wolf sétimo lugar no Nível 4 com a nota 215,5. Snip Of Jac apresentado por Jesse Beckley marcaram 218 pontos e ficaram com os títulos dos Níveis 1, 2 e 3.

Cool Hand Spook e Eduardo Salgado. Foto: Waltenberry

O campeão dessa prova ano passado, que é um dos pré-futurities mais importantes da temporada, foram Jason Vanlandingham e A Vintage Smoke, conjunto que meses mais tarde ficou com o título do NRHA Futurity de Rédeas. Essas provas para cavalos de três anos são o suprassumo da modalidade e momentos onde os treinadores experimentam fora de casa os cavalos que estão treinando a pelo menos um ano. Denver, Tulsa e agora Las Vegas servem para esse teste.

Depois de um respiro, os treinadores voltaram para a pista para as disputas do Derby (para cavalos de quarto, cinco e seis anos hípicos) e do Stakes (para cavalos de quatro anos hípicos). Os cavalos de quatro a seis anos correm todos numa mesma ordem de entrada, mas ao final, existe uma classificação separada.Uma geral, o Derby, e uma somente para os cavalos de quatro anos, o Stakes.

Whizzen Off With Guns e Andrea Fappani. O treinador também ganhou o pré-futurity de Tulsa esse ano

Jimmy Van Der Hoeven com Guaranteed A Magnum (foto) foram os campeões do Derby Open ao anotarem 227 pontos, a maior nota do evento. O conjunto vem garantindo ótimos resultados, sendo campeões, inclusive, do NRHA Derby 2018 e 2019. Gunna Stop e Kole Price e Modern Gun com Andrea Fappani empataram no segundo lugar do Nível 4 com 224,5 pontos. Com mais de 60 cavalos, essa categoria teve a presença dos brasileiros Franco Bertolani e Lorinaldo Gomes.

Com 223 pontos, Xtra Wimpys Catalyst e Trevor Dare foram os campeões da Open Nível 3. Também voltaram para casa premiados Gunners Special Glo e Daniel Schloemer, 221,5 pontos campeões Open Níve 2; Midnite Whizkey Run Linde com Von Koeding e Magnum Style com Josh Tishman, 217,5 pontos campeões Open Derby Nível 1. Contando com grandes cavalos já premiados, pelo Stakes, quem levou a vitória foi Gunna Stop e Kole Price, 224,5 pontos.

Gina Maria Schumacher e Alittlewhitetrash

Deixando A Vintage Smoke e Jason Vanlandingham em segundo no Stakes Open Nível 4, 223,5 pontos. Lembrando que os cavalos fazem uma passada apenas e os indivíduos de quatro anos são premiados também no Stakes, Xtra Wimpys Catalyst e Trevor Dare foram campeões também no Nível 3. No nível 2, vitória de Custom Olena e Adam C Hendrickson, nota 218; e no Nível 1 quem ganhou foi Midnite Whizkey Run e Linde Von Koeding, nota 217,5.

Realizado de 6 a 14 de setembro, o HRRC contou com vitória de Gina Maria Schumacher, montando Alittlewhitetrash, no Non Pro Derby com 222,5 pontos. Nota que lhe deu o título também no Non Pro Stakes, prova que ela ficou com o reservado ao montar Oh Starry Nite e marcar 218,5 pontos. Resultados completos, clique aqui.

Por Luciana Omena
Fotos: Cedidas

Escreva um comentário