Hipismo

Brasileiros mantêm bons resultados durante o WEF na Flórida

Competição milionária de Salto nos Estados Unidos cancelou duas últimas semanas por crise mundial da COVID-19

A 10ª semana do Winter Equestrian Festival – WEF seguiu normalmente seu curso no Palm Beach International Equestrian Center. Foram anunciados US$ 13 milhões em prêmios para 12 semanas de competição. Contudo, por conta da crise do Coronavírus, as duas últimas semanas foram canceladas.

Dessa forma, logo na abertura da rodada (11 a 15/3), durante o Douglas Elliman Real Estate 1.45m CSI3*, com US$ 37.000,00 em prêmios, tivemos no Top 10. Yuri Mansur montou Casaktie para ficar com o sétimo lugar. O brasileiro marcou duplo zero em 34s54.

Em seguida, veio Rodrigo Lambre com Easy Girl. Conjunto que também marcou um duplo zero, em 34s95 para garantir o nono lugar. Por fim, Eduardo Menezes levou H5 Elvaro ao décimo posto, duplo zero em 34s96. Os campeões desse GP foram Bertram Allen, do Canadá, e Lafayette van Overis (32s46).

Rodrigo Lambre voltou ao pódio no sábado, em 12° lugar, com Catokia 2. Marcou três faltas no desempate em 39s23. Yuri Mansur também obteve colocação em outro GP. Domingo foi 10° lugar com Casaktie. Uma falta na primeira volta em 73s49.

A semana teve, sobretudo, patrocínio da Horseware Ireland e foi reconhecida pela Federação Equestre International como CSI3*. Assim sendo, entre os destaques da semana, o $37,000 Equinimity WEF Challenge Cup Round 10 CSI3*, na quinta (12), o $137,000 Horseware Ireland Grand Prix CSI3*, no sábado (14), e o $37,000 CaptiveOne Advisors 1.50m Classic, no domingo (15).

O mais bem pago da semana foi Darragh Kenny com Scarlett du Sart Z no Horseware Ireland Grand Prix, fechando o ‘Saturday Night Lights’ em 33s54.

Fonte: PBIEC
Foto: Divulgação/Sportfot

Veja mais notícias da editoria Internacional no portal Cavalus