O brasileiro Franco Bertolani repete quarto lugar do ano passado na categoria Open Futurity

A segunda maior prova de Rédeas para potros nos Estados Unidos definiu seus campeões de 2018 no sábado, 6 de outubro. O All American Quarter Horse Congress, que celebra seus 52 anos de existência, premia com US$ 3 milhões, acontece desde o dia 2 e vai até o dia 28 de outubro, no Ohio Expo Center, em Columbus, Ohio.

As arquibancadas ficaram cheias para ver as promessas da Rédeas para esse ano. Potros de três anos escolhidos a dedo pelos melhores treinadores dos Estados Unidos. US$ 140.000,00 foi a premiação do NRHA Congress Reining Futurity Open. O evento recebe cerca de 23 mil inscritos e mais de cinco mil competidores em todas as modalidades e é exclusivo para a raça Quarto de Milha.

Franco Bertolani
Casey Deary e Americas Supermodel. Foto: Shane Rux

O destaque ficou para Casey Deary, de Weatherford, Texas, em sua primeira participação nessa prova. O primeiro e o segundo lugares do Level 4 foram dele, treinador Million Dollar Rider pela NRHA. Com Americas Supermodel marcou 227 pontos e levou de prêmio US$ 32.929,10. Americas Supermodel é de propriedade de Marie Whitmarsh e filha de Americasnextgunmodel, égua apresentada por ele seis anos atrás. Deary também ficou com o segundo posto ao marcar 224 com Gunnarickashay. O prêmio foi de US$ 20.043,80.

Foi a segunda vez que Deary apresentou Americas Supermodel. Tulsa tinha sido a primeira. “Ela foi muito bem. Adorei o evento e o público que lotou a arquibancada. Mas me preocupei um pouco que isso pudesse incomodá-la. Felizmente, ela não pareceu prestar atenção a isso. Minha intenção era fazer boas passadas e construir sua confiança. Americas Supermodel se parece muito com sua mãe e age ainda mais como ela. Fisicamente ela é também bem forte e realiza bem todas as manobras”, disse o campeão.

O terceiro lugar ficou Andrea Fappani e Money Carlo, de propriedade de C Ross Conner. Ao marcar 223,5 pontos, a premiação foi de US$ 15.032,85. A Rédeas, fixada sempre no começo da vasta programação do Congress, realiza provas pela AQHA, nas categorias Aberta Junior e Senior, Amador, Jovem, e pela NRHA, em diversas divisões, entre o NRHA Open Reining Futurity.

Franco Bertolani
Franco Bertolani, Foto: Alden Corrigan

Na principal prova da modalidade dentro do evento, o melhor brasileiro foi novamente Franco Bertolani. Com 221 pontos e apresentando Wind Up Whiz Kid, do Cardinal Hill Training Center, ficou com a quarta posição. Franco, que vem fazendo uma boa pré-temporada de futurities, também fez a final com Gunnasnip. A classificatória de Rédeas aconteceu no dia 3.

Ano passado, o brasileiro foi quarto lugar com Masked Gun e em 2016, com Dun It For Whizkey, foi o campeão. Os treinadores estão na reta final de preparação para o NRHA Futurity, que acontece final de novembro/começo de dezembro. Cada profissional pode inscrever até três cavalos e são os pré-futurities que ajudam a defini-los. O treinador observa o que apresentam em casa somado à performance nas provas.

Até o momento, que seja do nosso conhecimento, a Rédeas foi a única prova com brasileiro na disputa. Além de Franco, dos 124 conjuntos que se inscreveram apenas para o Futurity Open, Gabriel Borges também competiu. Mas não esteve entre os 40 finalistas. O campeão do Level 3 foi Gabriel Diano, com Renda Gunna Shine, de Maria Buey Arietti, e a nota 219.

Outros resultados: NRHA Open Futurity Level 2 – MMB Spook Gotta Girl – Francesco Martinotti – 217,5; NRHA Open Primetime Futurity – Deadly N Dangerous – Todd Sommers – 219,5; AQHA Senior – Dun Alotta Chics – Matthew N Palmer – 223,5; NRHA Open – Tinseltown Flash – Robin Schoeller – 226; AQHA Level 1 Amateur – Reeboks Diablo – Christina Doner – 216; AQHA Level 1 Youth – Whizenboonsmal – Madison Hayden Rafacz – 213,5.

Franco Bertolani
Gabriel Diano. Foto: Shane Rux

A inspiração para que o Congress nascesse veio do já falecido Blair Folck, membro da Ohio Quarter Horse Association. Ele foi a um evento de gado e voltou com a ideia de que tinham que criar algo semelhante para o QM. O primeiro aconteceu de 3 a 5 de novembro de 1967, com pouco mais de cinco mil inscritos.

Hoje, mais de 50 anos depois, o Congress é ainda um sucesso, o maior show de cavalos de uma única raça no mundo, com mais de 20 mil inscritos e que recebe cerca de 7500 mil cavalos. As provas seguem e podem ser assistidas ao vivo pelo site www.iquine.com. O evento oferece ainda lojas de 250 expositores comerciais e espera atrair 650 mil pessoas durante as três semanas.

Por Luciana Omena
Fonte: AAQHC

1 Comentário

  1. I haven¦t checked in here for a while because I thought it was getting boring, but the last few posts are great quality so I guess I will add you back to my daily bloglist. You deserve it my friend 🙂

Escreva um comentário