Internacional

Keyla Polizello ganhou seu primeiro rodeio nos Estados Unidos

Amazona brasileira, super campeã, está morando no Texas
Keyla e Spotligh Ta Fame em Fort Worth.
Foto: cedida

Após pouco mais de um ano de uma nova vida, Keyla Polizello, competidora que tem um currículo vasto, são 26 anos de carreira e seis títulos do Barretos Internacional, cinco vezes campeã do Rodeio de Jaguariúna, cinco vezes campeã em São José do Rio Preto, bicampeã Nacional pela ANTT, entre outros, teve sua primeira vitória em um rodeio nos Estados Unidos.

No final de semana, 21 e 22 de outubro, ela competiu em um rodeio aberto na cidade de Fort Worth, TX, o reduto do velho oeste americano, e foi a campeã nos Três Tambores. Montando sua égua Spotligh Ta Fame (aka Índia), marcou 14s1. “Foi muito especial! Uma vitória que ainda não tinha acontecido aqui. Faz um ano que estou  nos Estados Unidos lutando e ela só veio neste domingo. Sem dúvida, teve sabor muito especial”, conta ela.

Keyla começou a ir aos rodeios e provas há cerca de seis meses apenas. Para competir nos maiores rodeios da PRCA, por exemplo, é preciso do Card, que só é possível quando se tem um valor em premiações. Até 15 dias atrás, ela só podia correr nos rodeios onde o Permit (o acesso que a PRCA concede a quem esta chegando) é aceito.

“Com um terceiro lugar no rodeio de Rosemburg /TX, eu ganhei 1.600 dólares e acabei comprando meu Card há pouco tempo.  Essa vitória em Fort Worth acabou vindo para coroar esse momento tão bacana. Até então, eu corria apenas nos rodeios que o Marcos (Marcos Alan Costa, competidor de tie-down roping, seu noivo) ia e que eu podia competir com o Permit. A partir de agora, vou poder competir em todos os rodeios. Então, as coisas estão acontecendo de forma gradativa. É uma vida totalmente diferente da que eu estava acostumada no Brasil, mas estou muito feliz.”

Por Luciana Omena