Internacional

Main Street Boon muda missão original ao se tornar campeão no Laço

Campeão mundial AQHA de Team Roping e do The American nasceu para ser um cavalo de Apartação

Afinal, Main Street Boon nasceu em 2004 nas mãos de dois dos principais criadores e proprietários de cavalos de Apartação, Phil e Mary Ann Rapp, de Weatherford, Texas. Então, desde potro, parecia destinado a se tornar um campeão da modalidade, assim como seu pai e mãe.

Em vez disso, Main Street Boon, filho de Peptoboonsmal e Playboys Ruby (por Freckles Playboy) – sangue nobre da Apartação – tornou-se campeão mundial de Laço Pé pela American Quarter Horse Association em 2015, sob a sela de Joseph Harrison.

Cinco anos depois, aos 16 anos, ‘Street’, como é chamado, e Harrison venceram a modalidade Team Roping ganhando US$ 100.000,00 no prestigiado The American.

O pai de Street, Peptoboonsmal, foi montado pelo cavaleiro Gary Bellenfant, treinador ganhador de mais de US$ 3 milhões de acordo com o Equi-Stat Elite. Os dois foram campeões do NCHA Open Futurity de Apartação em 1995. Enquanto competidor, o garanhão somou mais de US$ 180.487,00. Como pai, Peptoboonsmal tem em ganhos de seus filhos mais de US$ 27 milhões (Equi-Stat Elite).

Sua mãe, Playboys Ruby, que morreu em outubro de 2011, foi montada por Phil Rapp, treinador ganhador de mais de US$ 9 milhões, de acordo com o ranking Equi-Stat Elite. Nas pistas, a matriz somou US$ 268.441,00, tendo produzido 21 filhos com ganhos de US$ 1.923.248,00.

Main Street Boon muda missão original ao se tornar campeão no Laço Campeão mundial AQHA de Team Roping e do The American nasceu para ser um cavalo de Apartação

História

Três vezes classificado para a National Finals Rodeo no Team Roping, Joseph Harrison, de Marietta, Oklahoma, se uniu ao cabeceiro Luke Brown, de Lipan, no Texas, para a disputa do The American desse ano. Sobretudo, foi a terceira participação dele nesse rodeio, a segunda montando Main Street Boon.

Harrison, que trabalha para o treinador Bobby Lewis, disse que o castrado tinha cerca de seis anos quando Lewis o comprou no Waco Bend Ranch. Uma vez que haviam adquirido o potro por US$ 100.000,00 durante o NCHA Super Stakes Cutting Sale de 2005, dos criadores Phil e Mary Ann Rapp.

Antes de realmente chegar para a sela de Lewis e Harrison, Main Street Boon foi domado por Scott Venable, um bom amigo deles. Aos oito anos, o cavalo foi de fato para sua atual casa. “Acredito que não era para ele ser um cavalo de Team Roping, mas estou feliz que isso tenha acontecido”, diz. “Ele tem sido incrível para mim”.

Fonte: Quarter Horse News
Tradução e adaptação: Luciana Omena
Crédito das fotos: Cortesia/ The American Rodeo

Veja mais notícias da editoria Internacional no portal Cavalus

X