Os times estão fazendo todas as estratégias para vencer a equipe brasileira na próxima etapa da Copa do Mundo de Montaria em Touros

Atual campeão de Montaria em Touros pela PRCA, Sage Kimey ganhou recentemente o Calgary Stampede. Sua performance em um dos maiores palcos do rodeio mundial, é apenas mais um exemplo do porquê Justin McBride, técnico do Team USA Eagles, pode considerar o talentoso atleta de Oklahoma para ser titular da próxima etapa da PBR Global Cup.

Ao vencer pela terceira em Calgary, no Canadá, Kimzey, 24 anos, derrotou o atual número 1 do mundo pela PBR, o brasileiro José Vitor Leme. Também deixou para trás o atual número 2, Jess Lockwood. E ainda o canadense líder da PBR Canadá, Jared Parsonage. Na final, o pentacampeão mundial pela PRCA marcou nada menos que 92,5 pontos em Night Moves.

Competindo ao lado dos melhores do mundo, Kimzey mais uma vez se mostrou firme. Foi uma trajetória e tanto no Stampede. Empatou com José Vitor em primeiro lugar na fase classificatória, com destaque para sua montaria de 91 pontos em Nickle Package. Chegou a 78,50 em Panda Haus na primeira rodada da final e arriscou em não aceitar o re-ride.

Com isso, deixou de fora da decisão nomes como Cody Teel, Chase Outlaw e Ryan Dirteater. Independentemente de como ele chegou lá, o Calgary Stampede foi apenas mais um exemplo da capacidade de Kimzey em competições com formatos diferenciados, os melhores touros, grandes competidores.

Ele não é estranho no circuito da PBR, já que participa há alguns anos como convidado da final da Velocity Tour. No mês passado, Kimzey esteve junto de Cooper Davis e Outlaw no Desafio de Equipe de Chad Berger, em Bismarck, Dakota do Norte, onde venceu. Depois de ser nomeado treinador dos Eagles pela quarta vez no final de junho, McBride disse que definitivamente consideraria Kimzey para o time na Copa do Mundo.

EUA na PBR Global Cup
Sage Kimzey

O ídolo mundial defendeu as cores dos Estados Unidos de última hora em fevereiro desse ano. Foi chamado para substituir Jess Lockwood. “Eu amo como Sage se comporta na arena. Vamos ter que olhar para o cronograma e ver qual é a sua disponibilidade”, comentou o técnico. Em Bismarck, Kimzey afirmou que certamente faria parte do time, desde que sua agenda permitisse.

A próxima etapa da PBR Global Cup acontece em fevereiro de 2020 em Arlington, no auge da temporada de inverno da PRCA. Porém, a oportunidade de tentar ajudar a equipe dos Estados Unidos a levar a taça da Copa do Mundo é algo que significaria muito. O Brasil venceu as duas últimas etapas – Austrália 2018 e Estados Unidos 2019 – e os americanos apenas a primeira etapa – Canadá 2017.

“Espero que o cronograma de rodeios não entre em conflito. Definitivamente, estaria disponível para a Copa do Mundo”, afirmou Kimzey. “Com certeza gostaria de usar meu talento para que a equipe dos Estados Unidos saísse com uma vitória. Fora que o evento por si só é muito interessante de participar, defendendo as cores do meu País”.

No último mês, ele não apenas ganhou Calgary e Bismarck, mas também teve 100% de aproveitamento em Reno, Nevada. Está a caminho de conquistar seu sexto título mundial pela PRCA, de forma consecutiva. Lidera o ranking mundial com US$ 146.834,65, contra US$ 123.907,27 de Trevor Kastner. Na PRCA vale a quantidade de dinheiro ganho na temporada, enquanto na PBR o título mundial é decidido por pontos.

Kimzey está focado na PRCA no momento. Entre as metas, aspira quebrar o recorde de oito campeonatos mundiais de Donnie Gray. “A PBR tem sido ótima para mim, mas ainda não tenho planos de seguir a temporada regular principal. Não até eu conquistar meu nono título mundial. Mas tudo pode acontecer, estou sempre aberto a mudanças. Enquanto isso, poder representar meu País por um final de semana vai ser muito legal se acontecer.”

Por Justin Felisko/PBR
Tradução e adaptação: Luciana Omena
Fotos: PBR

Escreva um comentário