Nesse meio tempo, entre o encerramento da temporada regular e a National Finals Rodeo, a PRCA realiza as finais dos regionais

Trey Moore III venceu a etapa final do Southeastern Circuit, em Davie, Flórida. Todo participante da PRCA pertence a um circuito: Badlands, Califórnia, Columbia River, First Frontier, Great Lakes, Maple Leaf, Montana, Mountain States, Prairie, Southeastern, Texas, Turquoise e Wilderness.

Portanto, mesmo pontuando para o campeonato mundial da PRCA, a participação nos rodeios da sua região forma um ranking paralelo para cada competidor. Desde 1975 a PRCA dividiu os Estados Unidos em 12 circuitos – que agora são 13 desde 2018. E o que define qual circuito o atleta pertence é o seu estado de cadastro.

Por exemplo, quem mora em qualquer cidade do Texas, participa do campeonato mundial e nos rodeios do circuito do Texas pontua para o ranking regional. Assim sendo, para o Southeastern Circuit estão habilitados competidores em todas as modalidades dos estados de Flórida, Luisiana, Arkansas, Tennessee, Mississip Kentucky, Geórgia e Missouri.

Os regionais também ajudam quem não pode viajar por todo o país pontuando para o mundial. Muitos competidores, portanto, conseguem acompanhar apenas as etapas nos estados mais próximo de casa. Em suma, pode ser um atleta ativo também.

Apesar de odiar o Bareback Riding quando começou a competir nos rodeios escolares, Trey Moore III agora é apaixonado. Sorte dele que tomou a sábia decisão logo após concluir o ensino médio. Deixou todas as outras modalidades para trás para focar só em uma.

Sagrou-se campeão da final do Southeastern Circuit, dias 7 a 9 de novembro, por somar 253,5 pontos em três montarias. É seu primeiro título regional, que lhe rendeu vaga para a final Nacional

Outros campeões

Os resultados das finais dos regionais classificam dois competidores em cada modalidade para a final Nacional: o campeão da etapa e o campeão do ranking. Além de Trey Moore III, no Bareback também vai Taylor Broussard. “Eu não poderia pedir mais para um final de ano. Estou muito feliz”, afirma Moore.

A RAM National Circuit Finals Rodeo está marcada para abril do ano que vem, em Kissimmee, Flórida. Ganharam em Davie e são campeões da etapa com vaga para a Nacional também: Mose Fleming (12s3) – steer wrestling; Kaston Peavy/Jason Hill (23s4) – team roping; Bradley Harter (247 pontos) – saddle bronc; Andrew Burks (27s2) – tie-down roping;  Julie Thomas (45s06) – barrel racing; Gray Essary III (83.5 pontos) – bull riding.

Confira outras notícias de Internacional no portal Cavalus

Para completar o calendário de finais regionais, a PRCA programou: Great Lakes – 14 a 16 de novembro, em Louisville, KY; Maple Leaf – 27 a 30 de novembro, em Regina, SK; First Frontier 9 a 11 de janeiro, em Harrisburg, PA; Columbia River – 10 a 12 de janeiro, em Yakima, WA; Montana, 10 a 12 de janeiro, em Great Falls, MT.

Ranking 2020

Encerrada a temporada regular, as etapas da PRCA de outubro abriram o ranking 2020. Portanto, contam para o ranking mundial os rodeios de outubro de um ano a setembro do próximo.

Desse modo, todas as finais dos regionais e outras etapas menores nessa época já estão somando para a nova temporada. O único evento que não conta é a National Finals Rodeo, a final mundial mais cobiçada do rodeio, que acontece de 5 a 14 de dezembro.

Portanto, começar uma nova temporada no topo pode ser importante para a continuidade do campeonato. Só para exemplificar, já foram mais de 39 competições com a distribuição de US$ 2,5 milhões em prêmios.

Lideram no momento o ranking mundial: Bareback Riding – Winn Ratliff, $8,990; Steer Wrestling – Cade Goodman, $7,669; Team Roping Heading – Dustin Egusquiza, $7,029; Team Roping Heeling – Colton Brittain, $7,180 – Saddle Bronc Riding – Wyatt Casper, $14,095; Tie-down Roping – Shad Mayfield, $14,925; Steer Roping – Trevor Brazile, $15,385; Bull Riding –  J.T. Moore, $16,058.

Fonte: PRCA
Foto: Trey Moore III, crédito Mike Rastelli