Cerca de duas mil participações em 42 provas marcam as festividades do 84º Aniversário do Clube Hípico de Santo Amaro

 Na abertura do Concurso de Salto Nacional 4* do 84º Aniversário do Clube Hípico de Santo Amaro, em São Paulo, nessa quarta-feira,  4 de setembro, a principal disputa foi a 1.45 metro. Válida como qualificativa para o GP e 4ª etapa do ranking brasileiro senior top. A vitória ficou com o sempre competitivo brasiliense Luiz Felipe Pimenta Alves (foto), montando Cullinan GMS, pista limpa, 63s44.

Com ótima participação de 70 conjuntos, 17 fizeram pista limpa no percurso disputado direto ao cronômetro. Em segundo lugar chegou o carioca que defende São Paulo Marcello Ciavaglia, com Conto RJ. E a terceira colocação ficou com o paulista José Luiz Guimarães de Carvalho, com Lousiania Jmen, ambos sem faltas, em 64s34 e 66s21.

Marcello Ciavaglia com Conto RJ

Os classificados encaram o Grande Prêmio, 1,55 metro, que acontece no sábado, 7 de setembro, de manhã. Após três de nove etapas do ranking brasileiro sênior, da qual o GP contará como quarta etapa, José Roberto Reynoso Fernandez Filho, campeão do ranking em 2018/2015/2016, lidera com 98,5 pontos. Seguido de perto por Marcello Ciavalgia, 95,5 pontos, e Flávio Grillo Araujo, 85,5 pontos.

Além de se firmar na liderança do ranking, José Roberto busca o hexa no GP, uma vez que venceu em 2006, 2013, 2015 e 2016. E ainda em 2000 e 2001, quando a principal disputa foram Derbys. O cavaleiro pan-americano Artemus de Almeida, é tricampeão – 2011, 2017, 2018 -, podendo garantir o tetra e a terceira vitória consecutiva no GP.

Artemus de Almeida com MECG Casillero a1.40m na classificatória do LXTC

Ronaldo Bittencourt Filho, presidente da Confederação Brasileira de Hipismo, e Pedro Paulo Lacerda, chefe de equipe do Time Brasil de Salto, estão acompanhando a competição. Vale lembrar que o hipismo brasileiro garantiu o hexacampeonato por equipes e ouro individual nos Jogos Pan-americanos Lima 2019, carimbando o passaporte do país para Toquio 2020.

Ao todo, o Aniversário do CHSA tem 42 provas de 1 a 1.55 metro e distribuirá R$ 330.000,00 em premiação. Na quinta-feira, 5, o ponto alto foram as três qualificativas da quinta etapa do Longines Extreme Teams Challenge, inédita disputa por equipes, idealizada pelo medalhista olímpico Doda Miranda. A decisão entre os classificados acontece sábado, 7 de setembro, final da tarde.

Maria Luiza Martha Vieira com Wonder Z a 1.30m também na disputa do LXTC que premiará com dois milhões ao final da temporada

Formada pelos cavaleiros Artemus de Almeida, Gabriel Gouveia e Bruno Pessanha, que competiram na Q3 da série de 1,40 metro, Bruno Limongi e Maria Luiza Martha Vieira, na Q2 da série de 1,30 metro, e novamente com Maria Luiza Martha Vieira e Thais Balbino de Souza na Q1 da série de 1,20 metro, a equipe Artem venceu as provas qualificatórias.

Das quatro equipes que não perderam pontos por faltas nos obstáculos, a Artem ganhou porque seus cavaleiros foram os mais rápidos na terceira rodada, com o tempo de 139s30, contra 147s12 da Crystallini, 149s23 da equipe Fortuna, e 152s07 da Vitae.

Também líder do novo e badalado certame LXTC por equipes, a equipe Artem, que tem ima vitória durante o CSN D Maio no Clube Hípico de Santo Amaro é a favorita para a prova final. Haverá na decisão a participação das oito melhores equipes entre as 13 que disputaram as classificatórias ontem.

Colaboração: Assessoria CBH
Fotos: Luis Ruas