Hipismo

Zé Roberto Reynoso é tetra de campeonato brasileiro de Salto

Competição faz parte do Ranking Brasileiro Senior Top

“O Campeonato Brasileiro é o momento mais importante da temporada”, comenta José Roberto Reynoso Fernandez Filho. Ele vem mantendo uma incrível performance ao longo da temporada 2019. Montando Azrael W, portanto, conquistou o bi consecutivo e tetracampeonato do brasileiro (2015/2016/2018/2019).

“A gente veio de tricampeonato no GP do Internacional Indoor aqui na Hípica Paulista. E depois com um bom desempenho no GP do Haras Agromen. Agora consolidamos os resultados com o título brasileiro”, lembra.

Assim sendo, para o cavaleiro ter quatro títulos brasileiros na categoria de alto rendimento é algo muito gratificante para sua carreira. Além disso, dos quatro, três foram com o Azrael. “Mais uma vez só tenho elogios a ele”, reforça o campeão, 39 anos.

Azrael W é um sela holandês de 14 anos, que está com o cavaleiro desde os três. Resultados completos do campeonato, clique aqui.

Zé Roberto Reynoso

Ranking Brasileiro

O Campeonato Brasileiro Senior Top 2019, esse ocorrido na Sociedade Hípica Paulista, de 6 a 10 de novembro, é uma prova dentro do calendário do Ranking Brasileiro Senior Top. Foi a sétima de nove etapas.

José Reynoso lidera a temporada, portanto, com 288,5 pontos. Seguido por Marcello Ciavaglia, 252 pontos, Flávio Grillo Garaujo, 195,5 pontos. A próxima etapa será no Rio de Janeiro. Durante o 81º Aniversário da Sociedade Hípica Brasileira, entre 21 e 24 de novembro.

Leia mais sobre Hipismo no portal Cavalus

“Agora vamos trabalhar rumo ao GP do Rio de Janeiro e fica aqui meu muito obrigado a todos que torceram por nós”, complementa Reynoso.

A final do Ranking Brasileiro está marcada para 5 a 9 de dezembro, durante o Concurso de Salto Nacional Top Riders, também na SHP.

Marcello Ciavaglia

Presenças ilustres

No mesmo final de semana, estiveram em jogo três títulos: Senior Top, a 1.55m (rendimento máximo), que teve a vitória de Reynoso; Senior, 1.45m, e Senior Especial, 1.30m. Todas com armação do course-designer internacional argentino Ivan Tagle.

“Acho que temos que agradecer o armador convidado argentino Ivan Tagle, que armou muito bem colocando a altura e as dificuldades esperadas”, finaliza o campeão.

Entre o público destaque para a presença de Philippe Guerdat, técnico do Time Brasil de Salto rumo a Toquio 2020. Ele acompanhou a disputa de perto e deu dicas a vários cavaleiros. Sobretudo para ele, que acompanhou algumas etapas, “o grau de dificuldade do Brasileiro estava bom e os cavaleiros vêm evoluindo bastante”.

Outra boa notícia revelada no campeonato foi o convite a Marcello Ciavaglia, carioca radicado em São Paulo. “Recebi um convite para me juntar ao grupo que está treinando na Europa visando os Jogos Olímpicos”, destaca. “Quando lembro que nasci em uma favela do Rio de Janeiro e hoje ter chegado onde cheguei, me deixa muito feliz.”

Fonte: Assessoria CBH
Fotos: Luis Ruas

X