Ranch Sorting

Confira os cuidados primordiais de manejo para o bem-estar do gado

Conversamos com Walter Garcia, da Estância da Mata, que possui um CT referência pela estrutura montada para o Ranch Sorting

Dois cavaleiros montados, do lado contrário do gado na linha de tempo, precisam apartar um lote no menor tempo possível. Dessa forma, no Ranch Sorting, vence a equipe que separar o maior número de bois em menor tempo.

Para a prática do Ranch Sorting, portanto, a cada apresentação usa-se dez bois numerados de 0-9 e um sem número, 11 no total. E foi pensando neles que fomos conversar com Walter Garcia, do CT Estância da Mata. Confira!

Gado

“Devido a quantidade de bois que precisamos para cada passada, e com um ritmo intenso de treinos, sempre mantemos um rebanho com 30 cabeças aqui no CT Estância da Mata. Preferencialmente fêmeas, de cruzamento industrial, pesando de oito a dez arrobas. Este tipo de gado é o mais utilizado nas provas e nos demais centros de treinamento por ‘aceitarem’ bem a lida com os animais. Sem falar que tem ganho de peso mais rápido e não ‘investem’ contra os competidores.

Como o nosso foco sempre foi o treinamento dos cavalos atletas, a questão do gado se tornou importante. Antes de mais nada, o ideal é trocá-lo com uma frequência de 60 a 75 dias.

Confira os cuidados primordiais de manejo para o bem-estar do gado

Período que aperta um pouco, pois a nossa região foi tomada por canaviais e seringueiras. Portanto, ficou muito difícil encontrar gado para reposição.

Em virtude disso, resolvemos firmar parcerias com pecuaristas que se interessaram em nos fornecer o gado em troca de pasto e ração. Assim sendo, fazemos este giro constante do gado, no tempo ideal, mantendo sempre dez cabeças mais mansas para os amadores e 20 mais frescas para os treinos dos animais que participarão de provas na categoria aberta!

Este modelo tem funcionado muito bem há 12 meses. Nos dá não só tranquilidade para os treinos, bem como a satisfação para os pecuaristas. Fica evidente que as bezerras que trabalham têm maior facilidade para o ganho de peso. Inclusive, temos depoimentos de pecuaristas neste sentido.

Por fim, vale registrar que não existe risco algum para o gado. Dessa maneira, esta é mais uma das razões do franco crescimento do Ranch Sorting”.

Leia mais sobre Ranch Sorging no portal Cavalus

Manejo

“O nosso manejo respeita regras básicas de boas instalações, comida e água a vontade para o gado. Contudo, o mais importante no manejo do nosso gado está no seu descanso. De tal sorte que os nossos treinos ocorrem somente as terças e quintas à noite e aos sábados pela manha.

Dessa forma, o gado só trabalha cinco horas por semana. Ou seja, o descanso ajuda muito no seu desempenho em pista e para o ganho de peso.

Sobretudo, observamos as regras sanitárias, sempre mantendo em ordem as vacinações previstas. E ainda a suplementação alimentar necessária.

Nossa diferença em relação aos demais centros esta na possibilidade de troca rápida dos animais. Dessa forma, mantemos o gado sem stress e com ótimo rendimento.

Prestamos uma grande atenção no bem-estar animal, sem maus tratos, alimentação balanceada e regrada. A ração que usamos é AllNova e o corpo técnico deles nos fornece todo suporte.

Outro ponto bastante relevante está no nosso controle rotineiro de peso. Fica fácil comparar o ‘gado atleta’ frente ao gado que não veio para a Estância da Mata. Antes de tudo, os estudos de resultados da AllNova ficam a disposição para qualquer esclarecimentos.

Todo gado que entra no CT chega com o GTA identificando sua origem e dados iniciais. Com base nisto, recebem os vermífugos e demais suplementos. Com o passar do tempo, são observadas as medidas e crescimento desse gado.

Em resumo, são resultados que impressionam. A ponto de bezerras ganharem mais peso do que as demais do mesmo pecuarista. Por tal motivo, não raro, parte do lote de fêmeas que a gente trabalha é vendida posteriormente para servir de receptoras”.

Colaboração: Assessoria de Imprensa
Fotos: Cedidas

X