Sua dedicação é tanta que um de seus patrocinadores já fretou até avião para levar o atleta para competição

 Walter Luís Silveira Garcia, 44 anos, descobriu o Ranch Sorting no Texas em dezembro de 2015, em uma de suas viagens anuais para acompanhar as finais mundiais da Apartação, provas do NCHA Futurity e Mercuria World Series. “Percebi que seria possível montar e com chance de vitórias! Sem falar que achei o esporte muito empolgante”, conta ele.

No Congresso desse ano, quando marcou tempo recorde na modalidade

Quem o vê em seu ambiente de trabalho não imagina o quanto este advogado paulista é entusiasmado com a modalidade esportiva que pratica. Representante de grandes empresas nacionais, Walter é o atual detentor do recorde do Quarto de Milha de Ranch Sorting e campeão nacional na modalidade. Em 25 de abril desse ano, durante o 28° Congresso Brasileiro da ABQM, montando Xantic Smart Ful PZ, em dupla com Wellington Siqueira e Annie Smart Oak, marcaram impressionantes 28 segundos.

“Desde de outubro de 2016, quando comecei, monto a égua Xantic, que se consagrou campeã do Potro Futuro da ABQM e é uma das nossas recordistas nacionais”. Sobre o recorde, ele diz que foi uma mistura de sorte, empenho e oportunidade. “Na hora, pensei: é um presente de Deus”. Wagner prometeu, na ocasião, que voltaria para casa com um presente para a esposa e acabou voltando com a égua, os troféus e mais um recorde.

Treinando na Estância da Mata

Xantic é da criação de Paulo de Tarso Abdala Zeme e vem de uma sólida linhagem de animais de Apartação. Tanto para Walter como para Wellington Siqueira dos Santos, seu treinador na Estância da Mata, os cavalos de Apartação vêm com esses genes ‘de fábrica’, demonstrando facilidade para correr o Ranch Sorting.

Os animais ficam na Estância da Mata, onde ele realiza sua rotina de treinos. Além da égua recordista, ele monta também um irmão dela, o Yellow. E têm mais três potras que irão competir no potro do futuro esse ano: Gabi, Zeta e Aisha. Wagner é só elogios para a Estância da Mata: “neste local temos toda a estrutura necessária para a modalidade Ranch Sorting, com duas pistas, sendo uma coberta”.

Seu treinador, Wellington Siqueira, também recebe palavras alegres de Walter: “Ele se tornou uma referência nacional pelos títulos que conseguiu de outubro de 2016 para cá, ainda mais ganhando grande parte destes títulos ao lado de um Amador, o que prova sua capacidade de preparação dos animais”. Inclusive, ele sempre brinca que está de ‘intruso’: “comecei no esporte e deu certo. Embora seja uma competição muito dura, técnica, me traz muita alegria”.

Com Yellow, Walter também já foi campeão no Mato Grosso do Sul. Com confiança total de seus patrocinadores, ele já teve ajuda de um deles em dois momentos importantes. “A Allnova não hesitou em fretar avião para me ajudar quando meu filho estava para nascer. Fui e voltei no mesmo dia para Avaré e também em Campo Grande, quando vencemos a competição do Potro Futuro”, relembra.

A modalidade já tem tantos adeptos que será incluída no rodeio Rio Preto Country Bulls, em julho. A Cia Paulo Emílio adicionará em sua programação o Ranch Sorting, o que será muito importante, já que o Country Bulls é um dos maiores rodeios do país. “O Paulo Emílio viu que o esporte pode ser praticado por pessoas das mais diferentes gerações”, reforça Walter, que conta com três grandes patrocinadores, a Allnova, a Jácomo e a Chiari.

Entre os planos para o futuro, está o fortalecimento cada vez maior no esporte. “Sempre quisemos ser um Centro de Treinamento Especializado em Ranch Sorting e com o crescimento da modalidade, nosso treinador tem clientes de vários cantos do País, com o foco de preparar animais para competição. Também percebemos que houve um crescimento muito grande de clientes que pretendem participar com os filhos, o que nos traz muita satisfação e a certeza de que estamos só no começo”, finalizou.

Colaboração: Assessoria de Imprensa e ABQM
Fotos: Arquivo Pessoal

Escreva um comentário