Rodeio

CNR encerra temporada 2019!

Campeonato de Três Tambores faz parte da programação de grandes rodeios do Paraná

A quinta e última etapa do CNR 2019 contou com a presença de 50 competidoras. Foi um sucesso total, coroando uma temporada de muitas conquistas. A diretoria do Campeonato Nacional de Rodeio registrou amazonas de Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo na final.

“Dessa forma, colocamos uma limite de vagas para a classificatória a fim de garantir que todas as meninas ficassem muito bem acomodadas. Tivemos disputa por vagas, graças a Deus! Nenhuma competidora queria perder a final”, comenta Amanda Gelly, idealizadora do CNR.

Antes de tudo, foi uma prova recheada de emoções. A diferença entre a líder do ranking até então, Beatriz Matos, e a própria Amanda, então segunda colocada, era de apenas dez pontos. Tudo podia acontecer no final de semana durante a Expoloanda, de 29 de novembro a 1° de dezembro.

Ranking final

De acordo com o regulamento, para que as campeãs fossem definidas, precisariam passar pela última etapa e somar pontos. Já que o ranking final só seria atualizado após a última passada na arena de Loanda/PR.

Beatriz Matos

O título acabou ficando mesmo para Beatriz Matos, que somou 720 pontos. A diferença entre ela e Amanda Gelly, que confirmou a segunda posição no ranking final, continuou sendo de dez pontos. Amanda, portanto, somou 710 pontos.

“E finalmente chegou a tão esperada final do Campeonato Nacional de Rodeio – CNR. Foi um ano de lutas, sem dúvidas, de fé e exaustão. Exigi de mim mesma o melhor durante todo o ano e valeu a pena! Receber o título de campeã do CNR vai além de tudo que ousava sonhar”, comemora Beatriz.

A atleta passou a acompanhar o CNR ano passado. “Me apaixonei de cara! Tudo muito bem organizado, competidores de alto nível, profissionais gabaritados. Some a isso animais muitíssimo bem tratados, amizade, parceria. Além disso, muito, mas muito amor pelo esporte”.

Foram cinco etapas mais uma etapa bônus. Confirme Beatriz conta, uma mistura de emoções e muita superação. “Fico feliz por ter passado, junto com meu cavalo, Líder, por etapas com mais de 80 competidores e termos sempre obtido bons resultados”.

CNR encerra temporada 2019!
Pódio do Campeonato

Beatriz avalia que foi um desafio passar a correr e participar do CNR. “Agradeço a Deu, que pe bom o tempo todo, por não ter sido fácil, pois o conhecimento e o amadurecimento que tive foram as melhores recompensas.  Vencer o CNR me trouxe a certeza de que estamos no caminho certo”.

A competidora por fim agradece a toda sua equipe, pai, treinador, namorado, mãe, irmãos, primos e tios. “E parabéns a todos os organizadores, foi show! Que venha o CNR 2020.”

Etapa

No primeiro dia de classificatória, o menor tempo de toda a prova foi marcado. 13s499 de Maria Clara Spoladore Rojas e The Creekinator Jet. Na semifinal, entretanto, o destaque foi Maria Julia Rocha Meneguetti, com Quebec Wars. Marcaram 13s913 ganhando vaga para a final.

Maria Clara fez, novamente, o menor tempo da segunda classificatória, 13s668, e da segunda semifinal, 13s780. Carimbou, portanto, sua vaga na final. Beatriz Matos conseguiu também se classificar para a final com um terceiro lugar na noite de sábado, 13s811.

Esse resultado apertou um pouco mais a disputa no ranking geral. Se Amanda Gelly não classificasse na terceira semifinal, tudo ficaria mais tranquilo para Beatriz. No domingo, o destaque foi para Amanda Honório Macedo e Nikita Dash Dee, 13s860.

CNR encerra temporada 2019!
Maria Julia Meneguetti

Mariana Bastos fez o menor tempo da última semifinal, com Streakin Cody, 13s986. Com 14s333, Amanda Gelly ficou com uma das vagas. Assim sendo, a decisão da etapa ficou ainda mais emocionante.

Beatriz Matos tinha uma somatória de tempos melhores do que a de Amanda Gelly, 27s680 contra 28s260. Contudo, a disputa da etapa estava mesmo nas mãos de Maria Julia e Maria Clara.

O título da quinta etapa ficou para Maria Julia Meneguetti, cravando o menor tempo da final, 13s639, e somando 41s581. Maria Clara encerrou a disputa em segundo lugar, garantindo a terceira posição no ranking geral, 625 pontos.

A classificação final da etapa permitiu que Beatriz confirmasse o título do campeonato, com Amanda como vice-campeã no geral.

Pódio da Etapa

Temporada

Para a organizadora Amanda Gelly, o ponto mais alto da temporada 2019 do CNR foram as competidoras. “Fizemos vídeos motivacionais, entrevistas , lives e elas se engajaram bastante. Queremos mostrar para o nosso público como as competidoras treinam, competem, a vida no dia a dia. E deu muito certo”.

Não só Amanda, mas também todos que participam do CNR atestam: a qualidade nas escolhas para todos os quesitos de organização faz a diferença. “Nos preocupamos com a pista, em tratar as competidoras da melhor maneira possível, cada detalhe é importante quando vamos produzir uma das etapas”.

Além disso, Amanda conta que o público reage muito bem a tudo que é proposto. “Queremos proporcionar sempre um show ao público. Por isso, movimentamos as arquibancadas, fazemos a nossa própria abertura. E as competidoras se sentem, assim, valorizadas”.

Para esse ano, o CNR implementou algumas mudanças. De fato, pelo sucesso, já estão programando novidades para o ano que vem. “Teremos várias mudanças e premiações ainda maiores. Porém, ainda não podemos divulgar. Todas novidades irão sair em janeiro. Peço que aguardem, pois o campeonato do CNR em 2020 promete”.

CNR encerra temporada 2019!
Juliano Sfalcini, melhor treinador

E Amanda finaliza contando que já está com três etapas marcadas, faltando apenas algumas negociações para divulgar a agenda completa de 2020.

Acesse mais conteúdo sobre Rodeio no portal Cavalus

O ranking final e demais informações estão à disposição no fb/cnrtrestambores.

Por Luciana Omena
Fotos: Retough Fotografias