A ideia da Elite Team Roping é promover provas abertas com 100% do valor das inscrições revertidos para premiação

Buscando a valorização do profissional de Laço em Dupla, a Elite Team Roping surgiu. Logo ganhou a adesão das maiores provas e campeonatos da modalidade e dos treinadores por todo o Brasil. “A cada etapa a ETR vem se solidificando. Acho que daqui dois ou três anos vamos ter muitos mais profissionais no Laço em Dupla por conta desse fomento. A ideia da ETR de fortalecer o Laço através dos profissionais é uma realidade”, reforçou Juliana Balbo, uma das administradoras.

Com sete etapas realizadas na temporada 2019, a ETR já distribuiu R$ 355 mil em prêmios. A mais recente aconteceu em Goiás, no TA Quarto de Milha, do Thiago Ávilla. “Foi uma prova ótima, mais inscritos do que esperávamos. Mas como o estado de Goiás é forte no Laço em Dupla, não foi nenhuma novidade estarmos em um evento tão bem organizado e com boa adesão dos treinadores”, complemente Ju Balbo.

Edvaldo Martins, que lidera o ranking ETR na Laço Cabeça, foi campeão em dupla com Anderson Proença (foto de chamada). O segundo lugar ficou com Gabriel Lima e Felipe Cunha. Em terceiro, Pedro Junior Gratão e Rodrigo de Matos Sobreira. Pedro Borges e Rubinho Resende foram quarto lugar. Edvaldo assumiu a liderança do ranking com essa vitória. Rodrigo Calderan, que liderava, agora está em segundo lugar.

No Laço Pé, a liderança do ranking ETR se manteve com Adriano Rodrigues. Caio Nakano vem em segundo lugar no momento. Em 2018, foram 22 etapas, passando pelas principais provas dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Goiás e Paraná. Ao final, os competidores que somaram mais premiação foram considerados os melhores laçadores de cabeça e pé da temporada.

Desde que a ETR foi lançada, entrando agora no seu quarto ano de existência, o título tornou-se importante para o currículo dos treinadores de Laço em Dupla. É uma prova bastante disputada a cada etapa, com a presença dos melhores do Brasil, portanto somar uma quantidade de prêmios que leve os laçadores ao topo da lista é essencial para a carreira deles. Credencia-os ainda mais entre os top’s.

A 5ª Prova TA Quarto de Milha, realizada dias 15 e 16 de março, em Nerópolis/GO, já virou tradição no calendário nacional da modalidade. Responsabilidade ainda maior por acontecer em um estado tradicional e de grandes eventos. Mais de R$ 100 mil em prêmios foram distribuídos para as somatórias #6 e #4 e suas subdivisões.

Lucas Canaã e Wesley Caldeira foram os campeões da #4 com 5s573, levando para casa R$ 20 mil, a maior premiação do final de semana. Com R# 10 mil em jogo para os campeões, a melhor dupla da #6 foi Lucas Cardoso e Guido, média de 6s210. Também foram campeões: Bruno Priori e Thales Sinésio, 7s493, #3,5; Andim e Matheus TA, 8s120, #2,5; Neto Vianópólis e Miguel Silvania, 8s315, #2.

“Muito obrigado a todos pela confiança. Nos dois dias de evento corremos 1460 inscrições e distribuímos R$ 117.000,00 em prêmios. Nosso novo projeto, o Shopping TA, também foi um sucesso, com a venda de cinco animais! Nos desculpem os imprevistos, mas podem estar certos que 2020 faremos uma prova ainda melhor! Que Deus abençoe a todos vocês e suas famílias”, falou Thiago Ávilla, o anfitrião, em seu Instagram. Convidando a todos para o dia 9 de novembro, quando realizará a segunda edição do Mega Match TA.

Por Luciana Omena
Fotos: Cedidas

Escreva um comentário