O campeonato abrirá o segundo semestres no final de julho com etapas em Alagoas e Bahia

Assim como no futebol, as mulheres também estão se destacando na vaquejada como atletas da sela. Já é grande o número de vaqueiras que fazendo bonito nas pistas, demonstrando índices técnicos equiparados, e às vezes até superior, a muitos homens.

Segundo os organizadores, o Campeonato Portal Vaquejada vem incentivando essas meninas, abrindo espaço para que elas concorram no maior e bem mais organizado certame do Brasil. A disputa na categoria Feminina agrega alto valor às suas carreiras. No final do ano, a maior pontuada levará o mais cobiçado troféu da modalidade na festa do Prêmio Melhores do Ano.

Com apenas 15 anos, a pernambucana Giovana Ferreira já é uma das mais conhecidas vaqueiras do Brasil. Atual líder do CPV 2019, ela tem certa folga em relação a suas concorrentes. Sua boa sequência de vitórias lhe deixou com a soma de 225 pontos. São 110 pontos a mais do que a segundo colocada, Jenniffer Emanuelle.

Giovana Ferreira vaquejada

Desta forma, a jovem vaqueira fechou a primeira metade da temporada com uma larga vantagem. O CPV deu uma pausa após Petrolina, no início de junho. E só retorna no finall de julho com suas etapas. Atualmente, representando o Grupo Maria das Neves, Giovana vem apresentando uma excelente performance entre as melhores da categoria.

Montando o seu cavalo Black Bingo, a jovem conta sempre com o incondicional apoio dos pais, Iremaya Santana e Gercyer Gomes. Ela começou muito cedo a montar a cavalo, na fazenda da família. Logo, estava montando nas vaquejadas, em companhia da égua Estrela. Entrou de cabeça mesmo no CPV quando assistiu a categoria Feminina em uma etapa perto da sua cidade.

Foi paixão à primeira vista! Giovana avisou aos pais na mesma hora: “é isso que eu quero para minha vida. Vou ser vaqueira e ganhar muitos prêmios!”. Em pouco tempo competindo, e apesar dos seus 15 anos, a atleta já é uma craque. E como todo competidor de destaque, passou por muitos desafios até chegar ao êxito na temporada 2019.

Giovana Ferreira vaquejada

“No começo, as pessoas me olhavam meio de lado, e até me criticavam de forma direta, dizendo que eu nunca iria ser vaqueira. Aquilo me deixava triste e muitas vezes chorei. Mas, por outro lado, tudo isso só me fortaleceu, Fez com que eu aumentasse ainda mais a minha fé em Deus. Tinha certeza de que um dia eu chegaria lá”.

Para conseguir ‘calar’ a boca das pessoas que a criticaram, Giovana redobrou a rotina de treinos. “Dediquei-me ao máximo. E, além da prática, fui buscar a teoria e aprimorar a técnica em cursos de rédeas e doma, com os melhores professores do Brasil. Quanto mais as dificuldades aumentavam, mas eu me agarrava com Deus e me esforçava para fazer acontecer”.

Giovana lida diretamente com a máxima ‘força, foco e fé’ para explicar porque chegou onde está hoje. E avisa: “quero ir mais longe!.Este ano, minha principal meta é ser a Melhor do Ano pelo Campeonato Portal Vaquejada. Para isso, tenho recebido apoio dos meus pais e de pessoas amigas, como o Dr. Fernandinho e Seu Zé Ozório, do Grupo Maria das Neves”, finalizou

Giovana Ferreira vaquejada

Passado os festejos juninos, o Campeonato Portal Vaquejada volta à ativa. Abrirá o segundo semestre de 2019 com uma rodada envolvendo dois Estados vizinhos, Alagoas e Bahia. Serão as etapas de Inhapí/AL, no Diamante Parque Show, de 18 a 21 de julho; e de Paulo Afonso, no Parque de Exposição Djalma Wanderley, de 25 a 28 de julho. Fique ligado!

Colaboração: Portal Vaquejada
Foto: Renan Leoncio

Escreva um comentário