Evento será realizado de 16 a 19 de janeiro, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio/RS

Além de celebrar o início do novo ano, os laçadores de todo o país também têm outro motivo para comemorar: é que a grande final do Crioulaço está próxima. Afinal, o evento será realizado de 16 a 19 de janeiro, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio/RS.

De acordo com a Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulo (ABCCC), a final do Crioulaço terá novamente o tão conhecimento ambiente de confraternização da família crioulista. Além disso, a a premiação da prova deve ultrapassar a marca de R$ 95 mil.

Acesso ao parque

Antes de mais nada, a entrada para a final do Crioulaço é gratuita. Desse modo, os visitantes e participantes poderão ingressar no parque a partir desta quarta-feira (15). A entrada será pelo Portão 7 (via Av. Celina Kroeff), inclusive para quem deseja acampar durante o evento.

No entanto, o Portão 8 (também via Av. Celina Kroeff) é destinado ao desembarque dos animais. Clique aqui e confira o mapa do parque para o evento.

Inscrições

Os competidores das categorias não oficiais ainda podem se inscrever pessoalmente no dia do evento. Contudo, as inscrições para as categorias oficiais (Crioulaço Duplas Forças A, B e C e Laço Criador A e B) foram feitas por meio do site da ABCCC e já estão encerradas.

Porém, ainda de acordo com a entidade, os participantes que forem classificados na etapa extra de Esteio deverão se inscrever à final – em sua respectiva força – até o meio-dia de sexta-feira (17), no Setor de Eventos no parque.

Camping

No Parque de Exposições Assis Brasil, a ABCCC irá disponibilizar gratuitamente dois espaços para acampamento. A primeira será na área em frente à Praça de Alimentação, próximo da pista principal, e o segundo lugar será ao lado do pavilhão do Cavalo Crioulo, que fica ao lado das cocheiras e do restaurante.

A entidade alerta que não é necessário se inscrever para acampar. A entrada é permitida a partir de quarta-feira (15) pelo Portão 7. Já o desembarque dos animais deve ser feito pelo Portão 8 – ambos com acesso pela Av. Celina Kroeff.

Lojas e alimentação

Durante todo o evento, os visitantes poderão consumir produtos e serviços. O restaurante do Cavalo Crioulo, por exemplo, inicia o seu funcionamento na quarta-feira (15). A loja oficial do Cavalo Crioulo, assim como as lojas no Boulevard do Cavalo Crioulo, funcionarão normalmente durante toda a programação do Crioulaço.

Já as correarias Selaria Ulguim e Piá Guerreiro estarão junto à Praça de Alimentação, que terá quatro food trucks à disposição: Doctor Lanches, Chopp Bender, Ice Truck e Tunikus Lanches.

Transmissão ao vivo

Para quem estiver longe de Esteio, a final do Crioulaço estará a um clique de distância. A partir de quinta-feira (16), as provas serão transmitidas no site da ABCCC, assim como no canal no YouTube e no Facebook da entidade, em parceria com o Canal Campeiro.

Leia mais notícias sobre o cavalo Crioulo

Dessa forma, será possível acompanhar também os bastidores e outras informações em tempo real através da cobertura nas redes sociais, sobretudo nos stories do Instagram (siga @cavalocrioulooficial).

Confira a programação completa:

16 de janeiro (quinta-feira)
13h – Recepção dos visitantes e convidados
15h – Revisão dos animais da Classificatória Extra
17h – Início da Classificatória Extra ao Crioulaço

17 de janeiro (sexta-feira)
8h – Início das inscrições das modalidades NÃO OFICIAIS e entrega dos coletes
9h – Provas de Laço: Veterano, Irmãos, Senhor, Pai e Filho, Pai e Filha, Piá, Guri e Copa Cabanhas do Laço (uma inscrição por dupla)
20h – Tertúlia livre

18 de janeiro (sábado)
7h30 – Provas de Laço: Criador (classificatória), Prendinha, Prenda, Inclusivo e Dupla Final Nacional (classificatória)
12h – Pausa para o Almoço (descanso do gado)
– Provas de Laço: Dupla Final Nacional (classificatória) e Potros de Ouro
19h00 – Abertura Oficial da Final Nacional do Crioulaço

19 de janeiro (domingo)
7h30 – Finais das Provas de Laço: Criador, Força C, Força B e Força A

Fonte: ABCCC
Crédito da foto: Felipe Ulbrich