Crioulo

Vendas para a Europa são destaque em leilão de cavalos Crioulos

Dois exemplares da raça da Cabanha Mapocho serão exportados para a Itália

A venda de dois cavalos da raça Crioula para a Europa foi destaque do leilão virtual de redução de plantel da Cabanha Mapocho, de Pelotas/RS. O pregão foi realizado no dia 1º de abril e comercializou 38 lotes do criatório que iniciou sua seleção na década de 1990.

De acordo com os organizadores do evento, a comercialização dos animais da Cabanha Mapocho atingiu um faturamento de R$ 755 mil e chegou aos R$ 21 mil em média. Dessa forma, o grande destaque, sem dúvidas, ficou por conta da venda de dois potros para a Itália.

Ainda de acordo com os organizadores do pregão, um dos compradores é o presidente da associação da raça na Itália, Giuseppe Bonacina, que é proprietário da La Allegra. O outro é o criador Vittorio Raboni, da La Matilde, um dos participantes do primeiro Freno Europa, ocorrido no ano passado. Os animais adquiridos ainda passarão por um período de doma no Brasil, informaram os promotores do leilão.

Leilão superou as expectativas

Segundo o leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, Gonçalo Silva, além da liquidez, as vendas para diversos estados brasileiros e para o exterior deram o tom da comercialização, superando as expectativas.

“Foi um leilão maravilhoso, com um material ofertado muito bom, com clientes mantendo aquecido o remate. Vendemos também para proprietários que tem criatórios no Brasil, mas moram em outros países como a China e a Indonésia”, ressaltou.

O exemplar mais valorizado da noite foi a égua Tropeada Mapocho, Grande Campeã e Melhor Exemplar do Passaporte de Chapecó para a Expointer 2019. O valor da venda foi de RS 110 mil.

Fonte: AgroEffective
Crédito da foto: Divulgação/JG Martini/

Veja mais notícias do cavalo Crioulo no portal Cavalus