Geral

Buttermilk fez sucesso nas telinhas e telonas ao lado de Dale Evans

Publicado

⠀em

Um astro dos filmes no gênero western nasceu em 1941 e desapareceu em 1972

Dale Evans deve ter se sentido muito sortuda por ter Buttermilk ao seu lado! O Quarto de Milha buckskin tem uma história fascinante. Como potro, foi resgatado por um fazendeiro a caminho de um matadouro. Depois disso, foi treinado para Laço e Apartação. Ele acabou sendo comprado por Glenn Randall, um lendário treinador de Hollywood. Randall, mais tarde, emprestou Buttermilk para Dale Evans … e o resto é história!

Mas podemos contá-la um pouco. O buckskin Quarto de Milha estava prestes a ser abatido quando foi resgatado para se tornar um dos cavalos mais famosos do mundo dos filmes e da televisão. Entre outros sucessos, Buttermilk foi montado por Evans na série de televisão de 1950 – The Roy Rogers Show – que ela estrelava ao lado do marido Roy Rogers, que montava seu Palomino Trigger.

Ambos os cavalos eram extremamente populares e se tornaram um sucesso de marketing com réplicas feitas de ferro fundido e plástico e dezenas de outros produtos comprados por adultos e crianças. Depois que ele morreu, itens e réplicas ficaram expostos no Roy Rogers and Dale Evans Museum, em Victorville, California. Depois foram transferidos para Branson, Missouri. Fechando as portas em 2010, todos os itens foram vendidos.

Buttermilk era um potro jovem quando ele foi resgatado por um criador de gado em seu caminho para o matadouro. O fazendeiro comprou-o de um comerciante de cavalos e como ele foi severamente abusado, tinha comportamento muito cruel. Os novos donos rapidamente começaram a trabalhar com ele. Com muita dedicação e cuidado, Buttermilk acabou por se tornar um cavalo amigável, carinhoso e brincalhão.

Randall colocou seu nome de Soda e o apresentou a Dale Evans. Ela precisava de uma nova montaria, já que não estava dando certo com seu outro companheiro de cenas, Koko. Dale se apaixonou por Soda e comprou-o imediatamente. Deu a ele o nome de Buttermilk. O montou em quase todos os filmes de Roy e em todos os seis episódios da série Roy Rogers Show, que foi ao ar de 1951 a 1957.

Um verdadeiro Quarto de Milha, Buttermilk exibia explosões de velocidade e podia ultrapassar Trigger com facilidade. No set, Roy pediu a Dale que segurasse um pouco as rédeas de seu cavalo, para que pudessem emparelhar. Afinal, Trigger era o astro principal. Mesmo depois de sua morte aos 31 anos, ele era um cavalo valioso. Como Trigger, Roy Rogers e Dale Evans tinham Buttermilk super valorizado. Foi vendido por US$ 25.000,00 no NYC Christie’s Auction, quando a propriedade de Roy Rogers foi liquidada em 2010.

Fonte: Wikipedia, Real Cowboy

WordPress Ads
WordPress Ads