Começando 2020 com tudo, a colunista do portal Cavalus, Claudia Ono, fala sobre esse importante assunto!

Você já parou para se perguntar como os cavalos enxergam? A visão do cavalo evoluiu a partir da necessidade de ver tudo ao seu redor de uma maneira que o alertasse mais rápido para o perigo que viria de qualquer direção.

Os olhos dos cavalos são separados e cada olho tem seu próprio campo de visão. Enviando, dessa forma, um sinal de imagem diferente para o cérebro.

Somente quando o cavalo está olhando para uma pequena área na frente dele pode fazer com que ambos os olhos se concentrem juntos.

Antes de mais nada, esta configuração permite que o cavalo veja quase toda a volta ao seu redor apenas deslocando os olhos ligeiramente. Os dois únicos pontos cegos estão bem na frente de seus olhos e logo atrás da sua anca.

Embora os olhos das pessoas ganhem foco automaticamente, o cavalo foca levantando ou abaixando a cabeça. Para ver objetos que estão perto de seu nariz, ele levanta a cabeça para que a luz atinja a parte superior da retina.

Quando sua cabeça está em uma posição normal, os raios de luz atingir o meio da retina, focalizando claramente objetos um pouco mais distantes.  Quando ele abaixa a cabeça, a parte inferior da retina recebe a luz e ele pode ver o que está mais distante.

Pense em como isso afeta o treinamento nos Três Tambores

Imagine o desconforto que podemos causar quando colocamos velocidade para seguir em direção ao tambor. Inesperadamente, no meio do caminho pedimos nuca ou entortamos sua cabeça.

Montar um cavalo e colocá-lo como parceiro de pista requer um pouco mais do que a maioria costuma fazer. Você pode até pensar que tem dado certo até aqui.

Como os cavalos enxergam e porque você precisa saber disso

Será mesmo?

Quantos cavalos você conhece que entram em pista calmos e seguros? Ao mesmo tempo, quantos você conhece que se negam a entrar? Do mesmo modo, quantos conheceu potro correndo bem e sumiu das pistas porque ‘desmancharam’ como atletas?

Todas as ações que involuntariamente trazem desconforto aos cavalos acabam, portanto, causando problemas de comportamento.

A culpa é do cavalo? Claro que não! Somos completamente responsáveis pelas consequências. Cavalos são programados fortemente para entrar no modo fuga. Sempre que situações desconfortáveis ocorrerem em pista é natural que passem a fugir delas.

A insegurança está associada ao medo. Deixe seu cavalo inseguro e ele se tornará nervoso. Mostre um ambiente seguro e você terá um par para muitos anos.

Luz

Outro fator importante na visão do cavalo é seus olhos levam mais tempo para se ajustarem à intensidade da luz do que o seu.

Se o seu cavalo estiver em um local escuro fora da luz do sol, levará um tempo para que ele seja capaz de enxergar. Lembre-se disso quando estiver em ambientes fechados. E o mesmo para o inverso, do claro para o escuro.

Um piloto de F1 certamente se aplica em saber mais sobre o seu carro. E olhe que é um ser inanimado. O que acha de enxergar seu cavalo com mais profundidade? Com certeza haverá ganho de ambas as partes.

Leia também:
Os cavalos sempre sinalizam quando algo não vai bem

Por Claudia Ono
Três Giros
Fotos: Cedidas