Geral

Mãe e filhas à frente da GA Western Stone

Após o falecimento do marido, Márcia e suas filhas quebraram paradigmas no mundo do cavalo e regem os negócios da família

Publicado

⠀em

Completando 33 anos de história em 2022, a GA Western Stone é comandada por três grandes mulheres: Márcia Arioli e suas filhas Heloísa e Silvia Arruda.

Antes de Tudo, as três quebram paradigmas no mundo do cavalo e levam os negócios da família com mãos de ferro.

Primeiramente, a história da GA Western Stone teve início em 1989, quando Gilberto Arruda teve um sonho com seu falecido pai, Silvio, que deveria começar trabalhar com artigos de couro.

Entretanto empreender, deixando de lado o emprego sólido em uma multinacional, sendo pai de duas filhas não era uma escolha fácil.

Gilberto e Márcia começaram a trabalhar produzindo chinelos de couro nas horas vagas, consolidando seus empregos fixos com o sonho de começar com o negócio próprio.

Muito focados na qualidade dos produtos, consolidaram o negócio rapidamente.

Novo desafio

Tão breve, Gilberto passou a ser reconhecido como produtor de chinelos, quando recebeu o desafio de consertar uma sela para um amigo, que participaria da tradicional Cavalaria Antoniana de Jaguariúna (SP).

Bem como, mesmo sem o real conhecimento sobre como realizar o trabalho, Gilberto aceitou o desafio e caiu nas graças de todos cavaleiros que precisavam consertar suas selas. Nascia ali a GA Selaria.

Ao passo que, de pelegos a equipamentos de performance, a GA se consolidava como referência do segmento na região metropolitana de Campinas. Durante todo esse tempo, Gilberto e Marcia, carregando as duas filhas a tira colo, se aventuravam pelas estradas e rodeios afora. O sonho que começou em Jaguariúna começava a ganhar o Brasil, mas nunca deixando para trás os dois pilares do casal: qualidade e bom atendimento.

Mãos do destino

Em 2003, durante a mesma Cavalaria Antoniana de Jaguariúna, Gilberto sofreu um acidente de charrete e faleceu dias depois. Neste momento, Márcia precisou se valer da sua “mão de ferro” e assumir a empresa para dar continuidade ao sonho do casal e criar suas filhas ainda pequenas.

Então, com sua simplicidade e carisma, Márcia acabou atraindo ainda mais clientes e amigos para a empresa.

União

Assim como as filhas foram crescendo e aos poucos passaram a ajudar a mãe nos negócios.

Juntas, transformaram, passo a passo, a selaria em um grande shopping de moda Western, além de equipamentos de performance, nascia ali a GA Western Stone.

Porém, como nada na vida se conquista sozinho, construíram a Família GA, trazendo grandes profissionais do segmento para atenderem ainda melhor os clientes e seguirem em frente, sempre em busca de novos objetivos.

Hoje, a GA tornou-se um shopping com mais de 500 metros quadrados e cinco mil itens de equipamentos de performance e moda Western. Mais do que isso, virou a realidade também do Time GA, equipe formada por grandes campeões de diversas categorias no mundo do cavalo.

Por: Camila Pedroso

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

WordPress Ads
WordPress Ads