Maior e mais esperada competição da modalidade se prepara para seu ápice no dia 7 de dezembro em Oklahoma City

Após um começo com mais de 370 conjuntos na categoria Open, apenas o ‘crème de la crème’ disputa a final do NRHA Futurity no próximo dia 7 de dezembro, no Oklahoma State Fair. Cinco serão os atletas a representarem as cores do Brasil.

A competição começou na última quinta-feira, 28 de novembro. Logo após três dias de classificatórias, 75 melhores de cada divisão avançaram para as semifinais. A segunda passada foi realizada também em três dias, definindo dessa forma os finalistas.

Os 30 melhores, mais os empates, portanto, em cada divisão após a soma das duas notas. Houve um aumento no total de finalistas Open nos Níveis 1 e 2. Com efeito, mais competidores puderem classificar para tão sonhada final do NRHA Futurity.

Antes de tudo, a edição 2019 da maior e mais esperada prova de Rédeas do mundo pagará uma premiação maior para a categoria Open. Conforme informações da NRHA será o maior montante de todos os tempos.

Final do NRHA Futurity de Rédeas terá cinco brasileiros
Andrea Fappani e Guns In My Genes. Foto: Waltenbery

 Destaques

A maior soma de notas – 443,5 pontos – primordialmente ficou para o NRHA Five Million Dollar Rider Andrea Fappani. Com Guns In My Genes liderou a classificatória, voltando a estar no topo também na semifinal.

Fappani e Guns In My Genes marcaram 223 na primeira rodada e 220,5 na segunda. O potro é filho de Tinker With Guns e Taris Designer Genes, de propriedade do Rancho Oso Rio.

Cade McCutcheon ocupou o primeiro lugar nos Nível 2 e 3 Open ao apresentar Super Marioo, de propriedade da Story Book Stables LLC. McCutcheon e Super Marioo receberam 222,5 e 219,5, somando 442 pontos.

Pelo Nível 1, o destaque foi Ryan Rushing com Isnt She Dreamy. Terminaram a fase classificatória liderando a divisão ao somar 437 pontos – 217 e 220.

Dessa forma, por conta do número de vagas pré-estabelecido, as notas de corte ficaram em: N4 – 436,5; N3 – 432,5; N2 – 426; e N1 – 420,5.

Final do NRHA Futurity de Rédeas terá cinco brasileiros
Lucio Pontes Casalecchi com Xtra Hickorys Wimpy. Foto: Sara Flarida

Brasileiros

Cinco brasileiros estão na final do NRHA Open Futurity 2019. Acima de tudo, mantivemos nossa tradição de disputar títulos nessa competição.

Apontado como um dos favoritos, por ter vencido o All American Quarter Horse Congress, Franco Bertolani foi o melhor brasileiro da segunda rodada, por consequência, da classificação final da Open.

Com Hollys Hijacker, com quem também venceu o RMRHA Summer Slide, Franco somou 443 pontos – 222,5 na segunda passada e 220,5 na primeira. Da mesma forma, no Top 10 temos Fernando Salgado com Xtra Shiners Taboo, 440,5 (222,5 e 218).

Apenas Franco e Fernando, entre os brasileiros, fazem a final do Nível 4. Os dois colocaram mais um cavalo cada na final do NRHA Futurity: Gunnabeabrightstar – Fernando Salgado; Gunna Be A Hot Topic – Franco Bertolani.

Com efeito, a torcida brasileira ainda pode se preparar para torcer por Thiago Sobral com Gunna Cee Sparks, 424 pontos; Marcos Guimarães com Sonshinewhiz, 422,5 pontos; Lucio Pontes Casalecchi com Xtra Hickorys Wimpy, 421 pontos. Todos pelo Nível 1.

Final do NRHA Futurity de Rédeas terá cinco brasileiros
Jessicah Keller. Foto: Waltenbery

Final do NRHA Futurity

A pista principal da Jim Norrick Arena será palco da final da Open no sábado, 7 de dezembro. A disputa acontece em dois momentos: primeiro entram os conjuntos classificados para os Níveis 1 a 3. Em seguida, os de Nível 4.

Na Non Pro, a final acontece na sexta, dia 6 de setembro. Jessicah Keller  com Snips Shining Gun passaram – após três dias de classificatória – como líderes ao marcar 218 pontos. Além disso, lideraram os Níveis 2 a 4. No Nível 1 da Non Pro, a melhor da preliminar foi Janine Ketterer com Kr Smart Gal, 216,5 pontos.

Para os conjuntos que não conseguiram vaga para a final do NRHA Futurity Non Pro, houve a disputa do Consolation. Addisyn Schmersal marcou a maior nota, 218 pontos, com Black Gun Face, vencendo o Nível 1.

Nos Níveis de 2 a 4, com 217,5 pontos, a campeã foi Ginger Schmersal. Com Mobstop era uma das favoritas, inclusive. Resultados completos, clique aqui.

A programação conta também com o Adequan® North American Affiliate Championships (NAAC). Títulos em diversas categorias, inegavelmente importantes, por se tratar da final regional dos campeonatos afiliados à NRHA. Os campeões estão sendo revelados todos os dias! Fique por dentro: nrhafuturity.com.

Leia também:
NRHA Futurity começa com o melhor da Rédeas
NRHA Futurity: oito brasileiros classificam para a semifinal

Sliders’ Night Out

Uma noite especial dentro da programação do NRHA Futurity. É tradição que a Reining Horse Foundation (RHF) promova o Sliders’ Night Out.

Uma festa de ‘gala’ onde os novos membros do NRHAHall of Fame são eternizados. Assim como dois outros prêmios individuais homenageando pessoas que contribuíram para o crescimento da Rédeas.

Hall of Fame: Snip O Gun, Roberto Cuoghi e Claudio Risso; Dale Wilkinson Lifetime Achievement Award: David Silva; NRHA Reiner of the Year: Taylor Sheridan.

Foi no Sliders ‘Night Out também que Francisco Moura, presidente da ANCR, foi homenageado representando a América do Sul. Mostrando, portanto, a força e o reconhecimento do trabalho feito pelo Brasil para a modalidade.

Por Luciana Omena
Fonte: NRHA
Na foto de chamada: Franco com Hollys Hijacker no All American Quarter Horse Congress. Crédito: Shane Rux/Cedida