O Team Roping Journal fez uma lista detalhada dos animais de todos os laçadores classificados para a National Finals Rodeo e algumas análises

A gente fala muito aqui dos astros do Team Roping que disputam o campeonato mundial de rodeio pela PRCA. Entre eles, o brasileiro Junior Nogueira, líder do ranking no Laço Pé. Os 30 que chegaram à NFR esse ano, 15 na cabeça e 15 no pé, já são os melhores do mundo na atual temporada.

Porém, sem seus cavalos não poderiam ter chegado tão longe. Alguns dos melhores cavalos do mundo no laço, muitos com linhagens não tão conhecidas. Vamos ver abaixo uma análise do Team Roping Journal e um pouco sobre pedigree desses ‘feras’!

Confira mais conteúdo da categoria Internacional

Estatísticas

– A idade média dos cavalos de Cabeça que estão na NFR desse ano é 13,2 anos;

– Já para os cavalos de Pé, a idade média é de 12,6 anos;

– Três são cavalos graduados: Marty do Clay Smith, Capitain do Brenten Hall e Cruiser do Brady Minor;

Team Roping: fechada lista para NFR, conheça os cavalos
Clay Smith

– Duas éguas no Laço Cabeça: Ima Fresnos Dee, de Cody Snow, e Murphys Susie Que, de Matt Sherwood;

– Quatro é o número de éguas no Laço Pé: Herks Princess, de Caleb Anderson, Lula Dual, de Joseph Harrison, The Roan Chick, de Tyler Worley, e Apaches R Hali, de Junior Nogueira;

– Pine Time Boogie, de Jake Cooper,  é o único da raça Paint Horse na lista;

– CD Rockstar e CD Starbucks, montados e de propriedade de Ryan Motes, são os únicos irmãos próprios;

– Um garanhão, Zans Diamond Shine, tem dois filhos no Team Roping da NFR em 2019. Ele é pai do famoso Zans Coronel Shine, montado por Jake Long, e de Bar D Moon Shine, de Kyle Lockett;

– São três os filhos de Dual Spark e CD Olena na lista. De Dual Spark, Lula Dual ajudou Joseph Harrison, que também monta CSR Dual Boonlite, a chegar em Vegas, enquanto Dual Chip faz par com Travis Graves. CD Olena é pai de CD Rockstar e CD Starbucks, e ainda de Apollo Oak, montado por Cole Davison;

Team Roping: fechada lista para NFR, conheça os cavalos
Junior Nogueira

– CD Olena também é o avô materno do Joes Blues Bar, montado por Luke Brown, criado pela família Motes;

– CD Starbucks é o cavalo de Pé mais velho da lista, 21 anos; enquanto Skips Bar Bell, de Ty Blasingame, é o cavalo de Cabeça mais antigo, 20 anos;

– A relação de cavalos deste ano tem menos sangue de velocidade em seus pedigrees em relação aos que competiram ano passado. Dos que apontam algo nesse sentido, Skips Bar Bell, de Blasingame , neto de Fols Native (por Raise A Native); e Streakin Sun Dew, de Jake Cooper, filho de A Streak Of Fling, genuinamente de velocidade.

A lista completa dos cavalos que cada um dos laçadores finalistas irá levar para o Thomas and Mack Center, de 5 a 14 dezembro, e seus pedigrees, você acessa clicando aqui.

Por Chelsea Shaffer/Team Roping Journal
Tradução e adaptação: Luciana Omena
Fotos: TRJ/Cedidas

Escreva um comentário