Assessoria

Leilão Virtual Haras Império oferta produção do time de consagrados garanhões e matrizes

Remate acontece no dia 16 de março, a partir das 20h, com transmissão da Lance Rural; confira os lotes de destaques

Publicado

⠀em

Celeiro de um time de consagrados garanhões e matrizes, o Haras Império se prepara para a realização de mais um leilão. Marcado para o dia 16 de março, a partir das 20h, em formato virtual, com transmissão ao vivo pelo Lance Rural.

Ao todo, serão ofertados 25 lotes. Em sua maioria, produtos do time de consagrados garanhões e matrizes do criatório. Este que mantém a sua criação voltada para animais da linhagem de trabalho. Tendo, assim, atualmente um plantel com o que há de melhor dentro deste pedigree no mundo.

De acordo com o assessor do Haras Império, André Riberio, sempre que o criatório se organiza para os leilões prioriza alguns cuidados. “Primeiramente, nos certificamos da qualidade física e sanitária de nossos animais. Respeitamos a melhor fase de cada indivíduo para que nossos clientes fiquem satisfeitos ao receber os animais adquiridos”.

Além disso, André faz questão de frisar que o comprador que adquirir qualquer um dos lotes do leilão receberá em sua casa nada mais nada menos do que há melhor genética de trabalho do mundo. “São pedigrees consagrados nas principais linhagens do mercado”, acrescenta.

Diamond In A Blu Boon – Foto: Divulgação/Haras Império

Lotes de destaque do Leilão Virtual Haras Império

Entre os lotes de destaque do leilão, temos o potro de pelagem zaino (lote 01) Diamond In A Blu Boon (Once In A Blu Boon e Smooth Shake). Seu pai é ganhador de U$ 319.002,00 em Apartação nos Estados Unidos. Além disso, tem como o avô paterno Peptoboonsmal, produtor de mais de U$ 25.000.000,00 em Apartação, sendo o 6º melhor reprodutor de todos os tempos na modalidade.

Logo na sequência no Leilão Virtual Haras Império temos como destaque a potra de pelagem tordilho (lote 02) Dalila Gun Spark. Seu pai, Dual Spark, dispensa maiores apresentações. Afinal, é líder do ranking de melhores reprodutores de todos os tempos de Laço do mundo, de acordo com a American Rope Horse Futurity Association (ARHFA). Já a mãe é Viki Gun, por PlayGun, égua, aliás, que faz parte do time de matriz  do criatório.

O lote 03 é outro que merece destaque. Afinal, trata-se do potro de pelagem rosilho Dynamo Ikes Rey Cat, filho de Hashtags, ganhador de U$ 485.293,00 em Apartação, e Ikes Top Sail, que soma diversos títulos em Rédeas.

Por fim, destaque também para o lote 05, Dubai Gun Ebony HI. Enquanto de um lado sua mãe é Straw Gunberry FMM, por PlayGun, do outro o seu pai é o garanhão negro do Haras Império, Shiney Bit O Ebony. Ele que reúne a melhor genética mundial, mostrando muita força e nobreza. Afinal, é filho do fenômeno Shinning Spark.

CLIQUE AQUI E CONFIRA OS DEMAIS LOTES DO LEILÃO

Dynamo Ikes Rey Cat – Foto: Divulgação/Haras Império

Não perca a oportunidade!

Antes de mais nada vale frisar que o Leilão Virtual Haras Império acontece no dia 16 de março, a partir das 20h, com transmissão ao vivo pela Lance Rural. Aníbal Ferreira é quem estará no comando do martelo. Outras informações sobre o remate podem ser obtidas com a equipe da assessoria: Loly Assessoria (14) 99148.5225 ou (14) 99148-5228.

Fonte: AV Comunicação Equestre
Legenda da foto em destaque: Lote 02 – Dalila Gun Spark

Crédito das fotos: Divulgação/Haras Império

Veja mais notícias sobre Leilões no portal Cavalus

Assessoria

Seis Tres Parca apoia os Três Tambores

Garanhão é patrocinador oficial da categoria Feminina do VS Festival Indoor, uma das maiores competições de Três Tambores do Brasil

Publicado

⠀em

O ano está chegando ao fim, e agora as competições também dão uma pausa. Mas, antes das ‘férias’, é chegado o momento do tão esperado VS Festival Indoor, o maior Tira Teima do Brasil.

A competição, que começou no dia 29 de novembro, no Haras Raphaela, em Tietê (SP), conta com diversas novidades e é promovida em parceria entre o maior competidor da história do esporte, Vagner Simionato e a família Rugolo, uma das maiores organizadoras de provas do Brasil.

Além da categoria Tira Teima, que é considerada a maior da competição, seguimos também com os olhos atentos na categoria Feminino. E, como forma de incentivar o esporte nessa categoria, o garanhão, Seis Tres Parca (Tres Seis x Miss Fortunes Fool), é o patrocinador oficial da categoria nesta edição.

Então, além da premiação, as competidoras que ficarem no Top 10, receberão um brinde exclusivo do garanhão. Mas, as supressas não param por aí, Marcella Cavalcante, proprietária do tordilho, decidiu premiar também a primeira colocada com uma cobertura do Seis Tres Parca. Ou seja, além da premiação em dinheiro, a competidora poderá levar para a casa uma amostra de uma genética campeã do parceiro que você precisa ter no seu plantel.

“Somos em três mulheres em casa e essa é uma categoria bastante disputada, bem legal de acompanhar. Além do mais, é importante incentivar o esporte, e a mulher competidora, por isso, decidimos entrar com essa parceria”, comenta Marcella.

Então, com uma parceria de peso como essa, e com uma premiação que faz jus a essa genética, com a cobertura de Seis Tres Parca, que vem escrevendo uma história campeã, é quase impossível não sentir a vontade de colocar uma bota, subir em um cavalo e competir nos Três Tambores.

“God is good!”

Por: Equipe Portal Cavalus

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Vetnil

Dia Nacional do Criador de Cavalos celebra a todos do meio equestre

Comemorada desde 2009, esta data foi instituída para homenagear os responsáveis pelo mercado do cavalo

Publicado

⠀em

Celebrado no dia 24 de novembro, o Dia Nacional do Criador de Cavalos foi instituído através de um Projeto de Lei que recebeu parecer favorável na Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal.

A proposta surgiu com o intuito de valorizar e homenagear todos aqueles que estão envolvidos com os cavalos, sejam eles criadores, tratadores, competidores, treinadores e até os veterinários. Assim, temos um dia em que podemos reconhecer, ainda mais, a importância da equideocultura, que se faz cada vez mais forte e necessária.

Vale considerar que o universo do cavalo é único, pelo qual todos se apaixonam, até mesmo aqueles que não nascem nesse meio. É o caso de Diogo Zopone, proprietário do Haras Zopone. Ele conta que soube, desde sempre, que seria um criador. “Como minha família não é do mundo do cavalo, comecei apenas montando em uma escolinha de Três Tambores. Com o tempo, a paixão aumentou e ganhei minha primeira égua própria”, compartilha.

Diogo, cujo haras é a casa da bi recordista mundial dos Três Tambores Rollin In The Fame, comenta ainda que o surgimento do seu criatório se deu com a aquisição de algumas éguas, que pedia aos seus pais. “Queria elas para correr, mas já vislumbrando que um dia poderia criar alguns potros. Aos poucos, essas éguas de competição se tornaram minhas matrizes, tudo aumentou, e agora estamos aqui”, ressalta.

Os veterinários também desempenham um papel fundamental neste meio, auxiliando na garantia do bem-estar animal, na reprodução, e até no gerenciamento de criatórios, como no caso do médico-veterinário Filipe Fedozzi, gerente do Haras Raphaela, que é o maior complexo de provas particular do Brasil.

Filipe, que tem especialização em reprodução, conta que, nos últimos cinco anos, tem visto uma evolução muito grande nas tecnologias aplicadas a reprodução dos equinos. A adoção da ICSI – injeção intracitoplasmática de espermatozoides -, técnica de fertilização in vitro, é feita não só por grandes, mas por médios criadores.

“Essa era uma tecnologia muito bem difundida nos bovinos e ovinos e agora ela chegou para os pequenos, médios e grandes criadores – de cavalos, havendo uma diminuição dos custos e uma melhora significativa dos resultados. Então isso aí tem feito perdurar a utilização de sêmen e genética importante para todas as raças”, completa.

Já como gerente, Filipe fala sobre o que considera essencial para um criador de equinos, independente da raça: o foco deve ser a organização e o planejamento. “O que mais a gente vê são novos investidores, novos criadores que entram no mercado com muita ânsia, com muita paixão e acabam não tendo planejamento. Isso causa prejuízos e perdas muito grandes”, reforça.

O gerente do Haras Raphaela explica que as consequências da falta de organização e planejamento acabam fazendo os novos criadores desanimarem, já que eles acabam buscando resultados muito rápidos, e não é dessa forma que uma criação de qualidade caminha.

“As pessoas querem comparar muito, mas esses grandes criadores estão há 30, 40, 50 anos na criação e eles passaram por uma evolução. Então esses novos criadores têm que ter planejamento, tem que ter uma organização. Os técnicos estão se especializando, hoje você tem muito mais acesso às informações, graças à internet. Para o sucesso do resultado que ele deseja é preciso muito planejamento e organização”, finaliza.

Dessa forma, a Vetnil espera que todos os criadores, sejam os que estão começando ou que estão no meio do cavalo há muito tempo, alcancem os seus objetivos de forma ética e em acordo com o bem-estar animal. A empresa parabeniza a todos que contribuíram e continuam a colaborar com o fortalecimento da equideocultura.

Sobre a Vetnil

Fundada em 1994 pelo Médico Veterinário Dr. João Carlos Ribeiro, a Vetnil, empresa 100% nacional, atua em pesquisas e no desenvolvimento de produtos para a saúde animal. Está entre as líderes do mercado nacional nos segmentos Equinos e Pets, áreas foco de atuação. A companhia disponibiliza suas soluções para mais de 15 países e lança no mercado produtos de alta tecnologia, com reconhecida excelência em qualidade. Dentre estes, destaca-se a linha Super Premium JCR, desenvolvida especialmente para cavalos de alta performance.

Por: Equipe Portal Cavalus

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Cavalo Árabe

Confira os Campeões no Halter da 40ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe

Evento ainda recebeu as disputas da modalidade válidas pela Copa Brasil, uma competição paralela da Nacional

Publicado

⠀em

Toda a beleza e a conformação do cavalo Árabe, bem como o alto investimento e trabalho de seleção dos criadores brasileiros, foram colocados à prova recentemente durante as disputas de Halter da 40ª edição da Exposição Nacional da raça. O evento – promovido pela Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA) – foi realizado de 10 a 14 de novembro no Helvetia Riding Center, em Indaiatuba/SP.

A Arena HVP Arabian & Royal Arabians foi palco das apresentações dos exemplares da raça, machos e fêmeas, nas diferentes categorias do Halter. Entre elas: Mirim Fêmea, Mirim Macho, Junior Fêmea, Junior Macho, Potranca Jovem, Potro Jovem, Potranca, Potro, até chegarem aos grandes campeonatos, jovem e adulto, de Égua e Cavalo.

No período da noite da sexta-feira (12) foram realizadas as finais Égua Jovem e Cavalo Jovem. De criação do Rach Stud e propriedade da Ilha da Chapada, PREFERIDA RACH, (BANDIT SRA x PERSEPHONE) foi a Campeã Nacional Ouro Égua Jovem. Na sequência, FELMA LA (MASHOOR AL MOHAMADIA x BELA LA) conquistou o título de Campeã Nacional Prata Égua Jovem. Ela é de propriedade de Cristiane Guardia, do Haras Pin, e Leandro Aguiar, do Haras Cruzeiro.

O Cavalo Jovem que subiu no lugar mais alto do pódio no evento, levando pra casa o título de Campeão Nacional Ouro, foi EKS FAROUK (IBN FARID x SR AFHRODITE). O animal é de criação de MR W BROWN e propriedade de Leandro de Aguiar. Por fim, o Campeão Nacional Prata Cavalo Jovem foi CASH DEL TINO JM (EL TINO x STIG JUSTHINE), de criação e propriedade do Haras JM.

Já a Grande Campeã Nacional Ouro Égua da 40ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe foi FT SOFIA EL BOGART (BOGART EL PERSEUS x SULTANA CMC), de criação e exposição de Flavia Maria Ramalho Torres, do Haras Quatro Estações. ONLY SERONDELLA (AAS ELISHAHH x JELABIE SERONDELLA), de criação e exposição de Fábio Alberto Amorosino, do Haras Serondella, foi a Campeã Nacional Prata Égua.

Por fim, finalizando as disputas de Halter do evento, se apresentaram na Arena HVP Arabian & Royal Arabians os exemplares do Campeonato Cavalo. FUAD (MASHOOR AL MOHAMADIA x DOD FIORELLA) foi o Grande Campeão Nacional Ouro Cavalo da 40ª Exposição Nacional. O animal é de criação do Haras DOD Arabians, de Mauro Luiz Barbosa Dodero, e exposição do Haras Imagem, de Marco Túlio Dias Lopes.

O título de Campeão Nacional Prata Cavalo ficou com AAS ELISHAHH (EDEN C x SEMPRE), de criação de Golden Foxx Arabians LLC e exposição da Fazenda Floresta, de Luciana de Andrade Fasano.

Copa Brasil

Além das disputas de Halter válidas pela 40ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe, também fizeram parte da programação provas válidas pela Copa Brasil, uma competiação paralela da Nacional. De acordo com a ABCCA, a competição registrou cerca de 60 inscrições, entre machos e fêmeas, que apresentaram em pista toda a beleza e tipo da raça Árabe.

Assim, a Campeã da Copa Brasil Ouro Égua foi KARENINA EL MADAN (EL TINO x TM JAMILI), animal que tem como criador o Haras El Madan, de Iperó/SP, e expositor Viana Arabian Horse, de Artur Nogueira/SP.

Já o Campeão da Copa Brasil Ouro Cavalo foi DARTIST YPARADISE JM ( YPARADISE JM x FRANGELIKA BHF), que é de criação e exposição do Haras JM, de Monte Mor/SP, que é de propriedade de José Alves Filho.

Para conferir o resultado completo das disputas de Halter, tanto da 40ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe quanto da Copa Brasil, acesse o link a seguir: https://expo.abcca.com.br/pdf/expo/resultados/expo_765.pdf

Por: Equipe Cavalus

Crédito das fotos: Divulgação/André Shiwa

Outras notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Cavalo Árabe

40ª Nacional do Cavalo Árabe registra aumento no número de inscrições nas provas funcionais

Além do Halter e Performance, raça ainda exibiu toda a sua funcionalidade em outras cinco modalidades

Publicado

⠀em

O que define um cavalo Árabe? Muitos dirão que é a beleza em decorrência das suas características físicas únicas, como pescoço longo, cabeça chanfrada e calda mais curta. Mas foram outras traços da raça – como resistência, inteligência e funcionalidade – que a tornaram tão apreciada pelas tribos nômades de beduínos na península Árabe há cerca de três mil anos e, nos dias atuais, a coloca como a escolha ideal para a disputa de diferentes modalidades equestres.

Tamanha é aptidão esportiva da raça que a Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA) tem registrado um aumento significativo no número de inscrições nas provas funcionais. E foi exatamente o que aconteceu durante o maior evento da raça, a 40ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe, realizada de 10 a 14 de novembro no Helvetia Riding Center, em Indaiatuba/SP.

Durante o evento, além do Halter e da Performance, a raça exibiu toda a sua funcionalidade em outras cinco modalidades: Três Tambores, Seis Balizas, Cross Country, Hipismo Rural e Salto. De acordo com a ABCCA, as cinco modalidades registraram, juntas, 300 inscrições, número maior do que na edição do ano passado do evento. Foram mais de 480 passadas e 90 cavalos no recinto de exposições durante a Nacional.

Bruno Zanotta, presidente da Associação Nacional do Cavalo Árabe Funcional (ANCAF), fez o seu balanço sobre o evento. “Tivemos uma quantidade de passadas acima do esperado, premiação com duas motos, um pessoal do Rio Grande do Sul, Mato Grosso, São Paulo, Rio de Janeiro vindo para as provas, o que chamou a atenção. Tivemos mesmo uma grande procura pelo cavalo Árabe montado, isso acima e mostra que em 2022 esse número será maior ainda”.

Ao término do evento, Rodrigo Forte, presidente da ABCCA, fez questão de agradecer a participação de todos. “Quero agradecer a todos que participaram do evento, sejam eles expositores, criadores, associados, parceiros e funcionários da Associação. Essa edição da Nacional foi muito especial e agora espero vê-los em julho do ano que vem para a 41ª edição. Até lá”.

Raça mostrou toda a sua versatilidade nas provas de Cross Country

Para conferir os resultados das provas funcionais do cavalo Árabe durante a 40ª Exposição Nacional, acesse o Instagram oficial da ABCCA: @abccarabe.

Por: Equipe Portal Cavalus

Crédito das fotos: Divulgação

Leia outras notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Cavalo Árabe

Edição histórica: 40ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe comprova evolução e solidez da raça

Com aumento de 80% no número de inscritos nas provas funcionais, o evento distribuiu mais de R$ 350 mil em prêmios, e ainda gerou uma movimentação de comercialização de animais de mais de R$5 milhões

Publicado

⠀em

Tipo, beleza, funcionalidade, inteligência e resistência. Foram essas características únicas do cavalo Árabe que foram testadas durante o maior evento da raça no Brasil e na América Latina. Trata-se da 40ª Exposição Nacional da raça, uma edição histórica de aniversário, que chegou ao fim na terça-feira (16), após seis dias de programação intensa, reunindo os apaixonados pelo Cavalo Árabe no Helvetia Riding Center, em Indaiatuba/SP, em total clima de celebração.

De acordo com a Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA) – entidade promotora da exposição -, o evento em celebração aos 40 anos reuniu 431 cavalos, entre as provas de Halter, Perfomance e as funcionais, com total de 632 inscrições. E ainda distribuiu mais de R$ 350 mil em prêmios.

A ABCCA registrou ainda a participação de 73 expositores diferentes no evento, oriundos de oito estados brasileiros: São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Além disso, a Exposição Nacional contou com a presença de expositores de outros países, como Estados Unidos, Uruguai, Arábia Saudita e Qatar.

Vale destacar que os juízes oficiais da Nacional foram: Christine Jamar, da Bélgica; Jerzy Bialobok, da Polônia; John Rannenberg, dos Estados Unidos; Leonardo P. Machado, do Brasil; Mohamed Machmoum, do Marrocos; Scott Brumfield, dos Estados Unidos; Guilherme F. Santos, Vet-Check do Brasil e Juan Stuckey, Ring Master, dos Estados Unidos. Já os juízes da Copa Brasil foram os brasileiros Guilherme Távora, Gustavo Vibian, João Henrique Netto, Marcelo Jubran e Saul Borsari.

E foram eles os responsáveis por avaliar toda beleza e conformação do cavalo Árabe, bem como o alto investimento e trabalho de seleção dos criadores brasileiros e internacionais, durantes as disputas de Halter. Como resultado, José Alves Filho, do Haras JM, foi o melhor criador da Copa Brasil, enquanto que o melhor criador Nacional foi Fábio Amorosino, do Haras Serondella.

Jantar de gala, homenagens, presença ilustre

A fim de celebrar os 40 anos da Exposição Nacional do Cavalo Árabe, a ABCCA organizou dentro da programação do evento um jantar especial. A belíssima Vila Trombini foi palco deste momento de celebração entre os amantes da raça, onde a Associação aproveitou também para homenagear um grupo de pessoas – entre criadores, treinadores, veterinários, juízes, etc. – que marcaram, de alguma forma, a história do cavalo Árabe no Brasil.

Outro ponto alto do evento foi a presença ilustre do biólogo Richard Rasmussen, que ficou conhecido nacionalmente por apresentar programas de TV sobre a fauna e a flora brasileira. Na ocasião, ele pode fazer a cobertura da Exposição Nacional através das suas redes sociais, fomentando ainda mais a raça entre seus seguidores. Posteriormente, ele irá exibir um programa especial sobre o evento em seu canal no YouTube.

Para encerrar com chave de ouro essa edição histórica, a ABCCA ainda promoveu durante o evento o “Special Presentation”, um leilão realizado no Helvetia Riding Center, e, ainda, duas edições do Farm Tours. Neste último, o Haras Vila dos Pinheiros, em Indaiatuba/SP, e o Haras das Faias, em Cotia/SP, abriram as porteiras de seus criatórios para receber os amantes da raça para fazer bons negócios. De acordo com a ABCCA, os três eventos comercializaram com uma receita total de R$ 5 milhões.

Aumento de inscritos nas Provas Funcionais

Destaque nessa edição a todo trabalho de fomento para o cavalo Árabe de esporte. Com a apresentação durante a Nacional de cinco modalidades: Três Tambores, Seis Balizas, Cross Country, Hipismo Rural e Salto, além do Enduro realizado duas semanas antes fazendo parte do calendário da Nacional.

De acordo com a ABCCA, juntas registaram 380 inscrições, número 80% maior do que na edição do ano passado do evento.

Para Bruno Zanotta, da Associação Brasileira do Cavalo Árabe Funcional (ANCAF), foi um evento histórico em número de participantes, em especial com uma forte equipe do Rio Grande Sul, que vieram com 20 animais para a Nacional.

“Foi um evento ímpar, aumentamos o número de participantes e animais, congregando competidores de vários estados em pista. Uma boa premiação, na qual incluiu duas motos. Acredito que estamos no caminho certo. Agradeço a toda diretoria ABCCA pela atenção e fomento ao cavalo funcional”.

Rodrigo Forte, presidente da ABCCA, finaliza agradecendo a todos os envolvidos. “Finalizamos a 40 Exposição Nacional do Cavalo Árabe, o evento mais importante da raça e da América Latina. Na sua edição mais especial de todas, uma semana de muito trabalho, muita celebração e muitos ganhadores em várias modalidades. Queria agradecer a todos vocês, expositores, criadores, associados, parceiros, funcionários, foi uma festa maravilhosa. Espero que todos tenham gostado muito. Agora vamos nos ver em março, na Interestadual do cavalo Árabe e depois na 41ª Nacional, que voltará a ser realizada em julho no ano que vem. Então, em poucos meses teremos mais um grande evento. Espero vê-los novamente lá”.

Para saber mais sobre o cavalo Árabe, acompanhe as redes sociais da ABCCA: 

Instagram: @abccarabe | Facebook: ABCCÁrabe | YouTube: ABCCArabe

Por: Equipe Portal Cavalus

Fotos: Divulgação

Mais notícias sobre o Cavalo Árabe no portal Cavalus

Continue lendo

Vetnil

Calçada da Fama Vetnil homenageou os líderes da temporada do Jockey Club de Sorocaba

Evento foi retomado neste ano celebrando os melhores do turfe de 2019

Publicado

⠀em

Inaugurada em 2011, a Calçada da Fama Vetnil foi criada com o intuito de registrar a história do turfe através de seus campeões. Comemorar as suas conquistas é valorizar os sonhos, a partir dos quais a história de todo campeão começou.

Em 2020, devido à pandemia, o tradicional evento do meio do cavalo não foi realizado e, por isso, a Calçada da Fama retorna em sua 10ª edição, consagrando os líderes de estatística da temporada 2019.

Sendo assim, no último sábado (06), no Jockey Club de Sorocaba, foram eternizados os campeões que escreveram seu nome na história do turfe na temporada.

Vale destacar que além de eternizar os campeões, a premiação enaltece o trabalho realizado durante anos por criadores, proprietários e os treinadores.

Para o presidente do Jockey Club de Sorocaba, Érico Braga, a inciativa da Vetnil em homenagear as lendas do turfe é algo muito importante. “A Vetnil é uma grande parceira do Jockey Club. E a Calçada da Fama valoriza e prestigia a nossa raça, principalmente os participantes, proprietários e criadores de cavalos de corrida. É, sem dúvida, uma grande vitrine, que destaca o nosso trabalho”, ressalta.

O presidente ainda destaca que a Vetnil contribuiu para uma maior visibilidade do Jockey, com presença em todos os eventos realizado pelo mesmo. “Essa parceria é fundamental para o Jockey Club”.

Premiados

Os premiados da Calçada Fama Vetnil são os líderes das estatísticas de cada categoria, e nessa 10ª edição juntaram-se aos nomes já consagrados, os destaques de 2019:

  • Melhor Animal – Baby Fantastic (Fantastic Corona JR x Hustled) de propriedade do Condomínio Fantastic Corona JR;
  • Melhor Criador – Érico Braga, que pelo segundo ano consecutivo tem seu nome gravado na Calçada da Fama;
  • Melhor Proprietário – Stud dos Amigos;
  • Melhor Treinador – Luís Levir Pereira de Melo.

Para um dos proprietários do zaino Baby Fantastic, consagrado como melhor animal da temporada 2019, essa é uma grande alegria. “O filho do Fantastic Corona JR é um cavalo que nos deu muita alegria, onde tenho que parabenizar o seu criador Érico Braga, que fez e continua fazendo um ótimo trabalho, além, é claro, a Vetnil, por esse grande projeto”, comenta Eugênio Nunes.

Créditos: Equipe Cavalus Comunicação

Fotos: Divulgação

Acompanhe mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Haras Império

3º Leilão Revolution Team Roping terá a participação do Haras Império

Para o evento, o haras selecionou dois potros, sendo um filho do garanhão negro do criatório Shiney Bit O Ebony em mãe Reydiculous e o outro filho de Real Gun e a matriz Freckled Leo Cat

Publicado

⠀em

3º Leilão Revolution Team Roping terá a participação do Haras Império

O Haras Império é um dos convidados do 3º Leilão Revolution Team Roping, que acontece nesta sexta-feira (05), às 20h, direto do Recinto de Exposições Clibas de Almeida Prado, em Araçatuba/SP. O remate – que faz parte da programação do Revolution Week – reúne a melhor genética do Quarto de Milha da linhagem de trabalho do Brasil.

Lotes Haras Império

Assim, para o remate o Haras Império selecionou dois lotes. O primeiro deles é LOTE 09 – BIT EBONY REY CF30, potro de pelagem rosilho filho do garanhão negro do criatório, SHINEY BIT O EBONY, importado ganhador de U$ 5.508,42 pela NRHA e Campeão Arizona Reinning Horse Futurity Open e Int Open. Como reprodutor, teve a sua primeira geração estreiando em pista em 2019 e produziu PANTERA DEL RANCHO, Finalista Potro Futuro ABQM 2019 Laço Pé Ab; 3o.L Potro Futuro AQHA 2019 Laço Pé Ab e SHINEY WHIZ GUN, Pontuada em Ranch Sorting.

Já a mãe do potro à venda é Debra Rey LLB, filha do Reydiculous, pai de vários campeões, com ganhos de R$ 437.229,00 e 584,5 pts ANCA, R$ 41.350,00 ANCR e 1.996 pts ABQM. Vale citar que BIT EBONY REY CF30 foi iniciado no Laço Cabeça, sendo PF Trabalho 2022 e PF Vaquejada 2023.

O outro lote disponibilizado pelo Haras Império no 3º Leilão Revolution Team Roping é LOTE 19 – BRENK CAT GUN CF30. Esse potro de pelagem tordilho é filho de Real Gun, ganhador de U$ 50.899,00 e 473 pts AQHA em 10 eventos. Já sua mãe é a matriz do Haras Império Freckled Leo Cat, filha do fenômeno High Brown Cat. BRENK CAT GUN CF30 Ele foi iniciado no Laço Cabeça, sendo PF Trabalho 2022 e PF Vaquejada 2024.

Brenk Cat Gun CF30
Divulgação/Haras Império

Se interessou? Então, entre em contato com a assessoria do 3º Leilão Revolution Team Roping e não perca essa oportunidade: Rafael Leão (19) 99770-2277 | Gustavo (19) 99636-2422

Serviço

3º Leilão Revolution Team Roping
Dia: 05/11/21
Horário: a partir das 20h
Local: Recinto de Exposições Clibas de Almeida Prado, em Araçatuba/SP

Colaboração: Cavalus Comunicação Equestre
Crédito e legenda da foto: Bit Ebony Rey CF30/Divulgação/Haras Império

Veja mais notícias sobre Leilões no portal Cavalus

Continue lendo

Três Tambores & Seis Balizas

Três Tambores: esporte se fortalece a cada ano

O Grand Slam Cutter promove sua primeira prova com incentivo a jovens e amadores, tendo a Vetnil como maior parceira

Publicado

⠀em

Três Tambores: esporte se fortalece a cada ano

Os Três Tambores é o esporte equestre que mais cresce na raça Quarto de Milha no Brasil, com um calendário de provas apertado em todo país e altas premiações.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Revista Tambor & Baliza, com base nos maiores sistemas de provas, em 2019 foram mais de 445 provas com a distribuição de quase R$12 milhões em prêmios até final do mês de outubro daquele ano.

Com a pandemia, houve uma parada no mercado, seguindo os protocolos para combate ao Covid-19. Porém, logo que foi liberada a retomada gradativa das provas, já se viu o aquecimento desse meio.

Para se ter ideia, em 2021, só com dados do SGP Sistema e SEQM, até setembro, já haviam sido realizadas 145 provas, com premiações ultrapassando os R$ 8.500 milhões.

E assim, a cada ano novos eventos surgem acompanhando a demanda do mercado, trazendo também algumas inovações e a valorização dos competidores, como é o caso do 1º Grand Slam Cutter, promovido pela marca Cutter Jeans, da empresária e competidora Caroline Rugolo.

O Grand Slam Cutter irá acontecer de 02 a 07 de novembro, no Complexo do Haras Raphaela, em Tietê (SP), distribuindo mais de R$ 250 mil em prêmios. O diferencial dessa prova é o incentivo aos jovens e amadores.

“Eu sei a importância do esporte e de valorizar os competidores. Vai ser uma prova bem direcionada para jovens e amadores, uma premiação bem boa para essas categorias. Serão mais de R$ 70 mil só nas categorias oficiais, além de prêmios exclusivos dentro do Tira Teima Vetnil”, comenta Caroline Rugolo.

Patrocinadora oficial

E por acreditar e investir no esporte, a Vetnil é patrocinadora oficial do evento, uma parceria que há anos já vem dando certo junto a família Rugolo, e agora se incorpora em mais uma grande prova.

Entre as ações da Vetnil no evento, haverá o estande aconchegante para um bate-papo da nossa equipe técnica com os clientes, parceiros e competidores, apresentando os produtos e tirando dúvidas, e para tomarem um café.

Ainda, haverá a categoria Tira Teima, a mais disputada entre os competidores, pois todos podem participar sem restrições de idade, leva o nome da Vetnil.

A empresa sempre busca estar junto a quem incentiva, valoriza e investe no cavalo e nos esportes. E ser parceira do Grand Slam Cutter vai de encontro a essa premissa da Vetnil.

“Para nós, é muito gratificante podermos ser parceiros dessa primeira prova da Cutter, com incentivo aos amadores, jovens e quem está começando no esporte. Com certeza essa valorização e a melhor distribuição de prêmios traz novos adeptos, o que é muito importante para o mercado equestre” expõe Maria Amélia Salviano, do Marketing de Equinos da Vetnil.

A prova será transmitida ao vivo pelo Rodeio Play, no www.rodeiplay.com.br.

Conheça mais sobre a Vetnil acesse www.vetnil.com.br, siga @vetnilequinosoficial.

Colaboração: Cavalus Comunicação Equestre
Crédito e legenda da foto: Carol e PG Blue Max Jazzy/Divulgação/Hugo Lemes

Veja mais notícias da modalidade Três Tambores no portal Cavalus

Continue lendo

Cavalo Árabe

Exposição Nacional do Cavalo Árabe chega à sua 40ª edição em 2021

Neste ano, o maior evento da raça irá distribuir R$ 350 mil em prêmios entre os melhores colocados de oito modalidades diferentes

Publicado

⠀em

Exposição Nacional do Cavalo Árabe chega à sua 40ª edição em 2021

40 anos de história! Foi em 1982 que a Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA) começou a escrever as primeiras páginas do maior evento da raça no país. Ou seja, da Exposição Nacional do Cavalo Árabe. Do Parque da Água Funda, na capital paulista – palco da estreia do evento – ao Helvetia Riding Center, em Indaiatuba/SP, que, em 2021 receberá a 40ª edição, de 10 a 14 de novembro, em total clima de celebração.

“Celebrar 40 anos de Nacional é celebrar 40 anos de muita história!”, diz Rodrigo Forte, presidente da ABCCA. ” Trata-se de um evento grandioso, complexo de organizar, o maior evento da raça na América Latina e um dos mais importantes do mundo”.

Forte lembra que os principais objetivos de uma exposição são o fomento e a seleção dos melhores cavalos da raça. O que, consequentemente, direciona os criadores na reprodução. Por conta disso, as 39 edições da Exposição Nacional contribuíram historicamente para esses objetivos e, consequentemente, com a evolução do Cavalo Árabe.

“Ademais, as Nacionais sempre mostram o Cavalo Árabe em suas diversas facetas, não somente no halter, mas especialmente mostrando a sua versatilidade nas diversas categorias montadas. Queremos mais do que nunca reforçar essa versatilidade e qualidades da raça para o grande público”, reforça o presidente da ABCCA.

Modalidades da 40ª Exposição Nacional

Halter, Performance, Três Tambores, Seis Balizas, Cross Country, Enduro, Corrida, Salto e Hipismo Rural. São nestas modalidades que o Cavalo Árabe irá exibir toda a sua beleza, tipo e funcionalidade durante a 40ª Exposição Nacional, que terá a distribuição de R$ 350 mil em prêmios.

Os juízes oficiais da Nacional serão: Christine Jamar, da Bélgica; Jerzy Bialobok, da Polônia; John Rannenberg, dos Estados Unidos; Leonardo P. Machado, do Brasil; Mohamed Machmoum, do Marrocos; Scott Brumfield, dos Estados Unidos; Guilherme F. Santos, Vet-Check do Brasil e Juan Stuckey, Ring Master, dos Estados Unidos. Já os juízes da Copa Brasil serão os brasileiros: Guilherme Távora, Gustavo Vibian, João Henrique Netto, Marcelo Jubran e Saul Borsari.

Novidades

Visando as celebrações dos 40 anos da Exposição Nacional, o evento está recheado de comemorações. Entre elas o jantar de comemoração, homenageando grandes nomes da raça nesses anos de evento.

Além do jantar, faz parte da programação da Exposição Nacional o “Special Presentation”. Trata-se de um projeto da ABCCA onde os criadores podem ofertar seus animais, realizado no Helvetia Riding Center. “Uma seleção de animais, coberturas, óvulos e embriões oferecidos por excelentes criadores. Uma oportunidade única para quem visa reforçar o plantel”, esclarece Forte.

Por fim, vale destacar também a realização dos Farm Tours, onde os criadores abrem as porteiras do seu criatório para receber as pessoas, mostrar seu programa de criação e fazer bons negócios. Neste ano, o Haras Vila dos Pinheiros, localizado em Indaiatuba, e o Haras das Faias, em Cotia/SP, fazem parte da programação.

A programação completa da 40ª Exposição Nacional pode ser conferida no site oficial do evento: https://nacional.abcca.com.br/pt/

Colaboração: Cavalus Comunicação Equestre
Crédito da imagem de destaque: Divulgação/André Shiwa

Veja mais notícias do Cavalo Árabe no portal Cavalus

Continue lendo

Cavalo Árabe

Cavalo Árabe reforça sua aptidão para longas distâncias na Copa Nacional de Enduro

Com mais de 90 cavaleiros, o Haras Albar, em Campinas/SP, sediou as disputas que valeram pela 40ª Exposição Nacional da raça, evento promovido pela ABCCA

Publicado

⠀em

Cavalo Árabe reforça sua aptidão para longas distâncias na Copa Nacional de Enduro

Quando o assunto é enduro equestre, não tem jeito: o cavalo Árabe se destaca. Afinal, trata-se de uma raça extremamente resistente e com forte aptidão para correr longas distâncias. Tais características ficaram em evidência durante a Copa Nacional de Enduro, realizada no último sábado (23), no Haras Albar, em Campinas/SP.

As disputas valeram pela 40ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe, evento promovido pela Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA). Além disso, os resultados da Copa Nacional de Enduro do Cavalo Árabe também valeram pela VII e última Etapa do Paulistão da modalidade.

Copa Nacional de Enduro do Cavalo Árabe

Sob chancela da Confederação Brasileira de Hipismo (CBH), Federação Paulista de Hipismo (FPH) e Instituto Enduro Brasil (IEB), as disputas aconteceram em 12 categorias nacionais: 20 km (Adulto, Jovem e Mirim), 40 km (Adulto, Jovem e Mirim), 60 km (Adulto, Jovem e Mirim) e 80 km (Adulto, Jovem e Mirim). E, ainda, correram as categorias internacionais, de prova FEI, de 100 km (Adulto e Young) e 120 km (Adulto e Young).

Beto Rossi, diretor de Enduro da ABCCA, cita que a prova foi um sucesso. “O tempo ajudou muito, um dia muito bonito. Foi uma prova bem organizada, com mais de 90 cavaleiros e excelentes resultados. Transcorreu tudo bem, ainda mais valendo a prova pela Nacional, com a grande maioria de cavalos Árabes”.

Ainda segundo Rossi, nas trilhas prevaleceu as características do cavalo Árabe. “Ou seja, resistência e aptidão para correr longas distancias. A prova estava ótima, todo mundo gostou muito, foi reconhecido, valorizou ser uma prova credenciada como uma Nacional da raça, com uma premiação muito legal”, acrescenta.

Tirando o protagonismo do cavalo Árabe nas disputas, outro ponto alto do evento foi, sem dúvidas, a realização do Endurinho. Uma prova destinada para crianças de até 11 anos, que contou com a participação empolgante e entusiasmada da garatonada sob a sela de um exemplar Árabe. De acordo com o diretor de Enduro da ABCCA, as disputas do Endurinho contaram com 10 participantes, que abrilhantaram o evento.

Confira os campeões nacionais da raça Árabe de enduro:

  • CEI2* 120: Juliana Pucheu Costa Moreira e Onix Endurance – 6:57:58;
  • CEIYR2* 120: João Pedro Bornia Antocheski e Quirina do Bom Viver – S/T;
  • CEI1* 100: Rafaela Moreira Barreto e Ciroc Xb – 05:50:55;
  • CEIYR1* 100: Pedro Pupo Mastrorosa e Carceres Bv – 05:55:07;
  • CEN 80: Rodrigo Azzari Beneplacito e Tifany Bv – 05:05:56;
  • CEN MIRIM 80: Eli Peres Steinbruch e Zane Grey Endurance – 05:35:20;
  • CURTA ADULTO 60: Patricia Bicudo Barbosa e Play Do Bom Viver – 03:17:12;
  • CURTA MIRIM: Gustavo Machado Ulsenheimer e Rg Kisil – 04:17:16;
  • GRADUADO ADULTO: Thiago Nastas Haidar e Califfa – 78.11 pontos;
  • GRADUADO JOVEM: Helena Haaland e Electra Da Capita – 68.89 pontos;
  • ABERTA ADULTO: Marcelo Tarasantchi e Bordeaux – 33.33 pontos;
  • ABERTA JOVEM: Bruna Santos Moradei e Komanche – 29.20 pontos;

Colaboração: Cavalus Comunicação Equestre
Crédito e legenda da imagem: Copa Nacional de Enduro foi realizada em Campinas/SP/Divulgação/Gisele Tomazela

Veja mais notícias do Cavalo Árabe no portal Cavalus

Continue lendo