Conformação

Conformação comemora sucesso de 2018 com prova pela LINCC

Foi a última prova do ano, dias 1° e 2 de dezembro, mantendo bons números e lançando novidades

A Liga Nacional do Cavalo de Conformação vem há cerca de cinco anos fomentando a modalidade. O objetivo inicial era fazer renascer a Conformação no Brasil. Com tudo que a Liga faz desde que foi lançada, a aceitação é muito boa por parte de todos que vivem esse mundo. Não demorou muito para que os dirigentes observassem o crescimento.

“O ano de 2018 foi um ano muito importante para a Conformação. Tivemos a consolidação da LINCC e um crescimento considerável. Principalmente pela união das três raças, o Quarto de Milha, o Appaloosa e o Paint Horse. Alguns novos proprietários entrando e levando animais para competir”, analisa Erico Franciscato Braga, vice-presidente da LINCC.

Ele reforça que toda a diretoria percebeu um crescimento de mercado até fora do Estado de São Paulo bem importante. “Fora isso, a qualidade dos animais também está crescendo. Nessa última prova, tivemos todas as categorias com um número bem interessante de animais. Inclusive, a categoria Fêmeas de um ano contou com 11 potras em pista, número muito, muito bom”.

Os julgamentos foram realizados por Kevin Hood, juiz americano, nas categorias Abertas, e Ricardo Lopes, juiz brasileiro, para as classes de Amadores. “Os dois julgamentos foram bem semelhantes e os resultados importantes tanto para LINCC, quanto para as associações de raça que oficializam as provas da LINCC”, completou Eriquinho.

Acute

Um dos destaques da prova foi o 4° Futurity LINCC, uma prova que tem um formato diferente. Érico explica que para competir nessa categoria, os produtos são inscritos antes de nascer, ainda no ventre das mães. É a aposta do criador no cruzamento e genética que ele escolheu para aquele nascimento, que ele já nomina antes mesmo do potro ‘cair’ no chão.

“Portanto, nesse formato, há uma formação de bolsa. Esse ano, para a Geração 2017, reunimos R$ 16.000,00 para premiar machos e fêmeas. Então somente esses potros que foram inscritos no ventre podem competir”, explicou o vice-presidente. E os campeões desse ano foram Acute, na categoria Fêmeas, e Heza Little Coolest, no Machos, ambos filhos de Acoolest.

Além da categoria Futurity, aconteceram julgamento nas categorias Aberta e Amador Machos e Fêmeas, para cavalos de dois anos ou mais. E também a categoria Colors Machos e Fêmeas. A etapa da LINCC que encerrou 2018 aconteceu dias 1° e 2 de dezembro, no Parque da EMAPA, em Avaré/SP. No sábado, além das provas, churrasco de confraternização e Prêmio Melhores do Ano LINCC.

O Parque de Exposições Dr Fernando Cruz Pimentel, em Avaré/SP, esteve movimentado nesse final de semana. Além dessa etapa da LINCC, aconteceram também provas do Campeonato Nacional e Potro do Futuro da ABCPaint e a tradicional Exposição Municipal Agropecuária de Avaré, em sua 50ª edição.

Por Equipe Cavalus
Colaboração: Analucia Araújo
Fotos: Stanlay Miranda