Equipe brasileira de Salto buscava o bicampeonato consecutivo no CSIO5* La Baule

Com duplo zero de Pedro Veniss, integrante da equipe campeã 2018, Brasil bateu a Alemanha, Grã-Bretanha e Canadá. Liderado por Philippe Guerdat e Pedro Paulo Lacerda, o Time Brasil agora disputa o CSIO5* de St Gallen, Suiça. Em 2019, o principal objetivo é qualificação olímpica no Pan, em Lima.

Foi na sexta-feira, 17 de maio, que vários países estiveram no FEI Jumping Nations Cup™ da França 2019, CSIO 5* La Baule. A Copa das Nações foi disputada em dois percursos, a 1.60 metro, pista armada pelo francês Frederic Cottier. Suiça sagrou-se campeã.

A equipe foi formada por Niklaus Rutschi / Cardano CH – 0/0, Bryan Siger / Clouzot de Lassus – (8/8), Paul Estermann / Lord Pepsi – 4/0 e pelo atual número 1 do mundo Steve Guerdat / Albfuehrense Bianca – 0/0. O tempo final da soma do segundo percurso foi de 216s77.

Steve Guerdat com Albfuehrense Bianca, integrante da equipe campeã, e o atual N° 1 do mundo. Foto: FEI/Martin Dokoupil

Com esse resultado, a Suíça bateu a Bélgica, grande campeã final série FEI Jumping Nations Cup™ 2018, que fechou com 5 pp, 222s41, seguida pela França, 8 pp, 220s96.

Liderado pelo chefe de equipe Pedro Paulo Lacerda e acompanhado de perto pelo novo técnico da equipe Philippe Guerdat, ex-treinador da equipe francesa campeã na Rio 2016 e pai do atual líder e campeão olímpico 2012 Steve Guerdat, o Time Brasil fechou em quinto lugar, com bom resultado de 11 pp, 220s50.

O Brasil, que foi campeão da Copa das Nações La Baule 2018, largou com Marlon Zanotelli / Sirene de la Motte – 4/0, Eduardo Menezes / H5 Quintol – (13/8), Pedro Muylaert / Cest Dorije – 4/4 e Pedro Veniss / Quabri de L Isle, integrante da equipe campeã em 2018 e único a garantir duplo zero falta.

hipismo
Philippe Guerdat, em São Paulo, com Pedro Paulo Lacerda e Ronaldo Bittencourt Filho (presidente da CBH). Foto: C.May

A Irlanda que tem o campeão olímpico Rodrigo Pessoa como chefe de equipe fechou na quarta colocação, 9 pp, 221s06. Da sexta posição até a oitava colocação, aparecem as fortes equipes da Alemanha, 15 pp, 221s66, Grã-Bretanha, 24 pp, 222s66 e Canadá – 50 pp, 233s37, equipe que a exemplo do Brasil briga por uma vaga olímpica no Pan 2019.

A disputa marcou a arrancada da liga da série Longines FEI Jumping Nations Cup 2019 que terá sua grande final pelo sétimo ano consecutivo em outubro em Barcelona, onde o país campeão – caso ainda não esteja qualificado – tem a última chance de garantir sua vaga para os Jogos Olímpicos Toquio 2020.

Antes porém, entre 6 e 9 de agosto, o Brasil busca a qualificação olímpica nos Jogos Pan-americanos 2019 em Lima no Peru, onde as três primeiras equipes carimbam o passaporte de seus países para Toquio e considerando que os Estados Unidos já estão qualificados. Caso a equipe norte-americana chegue entre os primeiros três, abre-se mais uma vaga.

O próximo grande desafio do Time Brasil de Salto é CSIO5* de St Gallen, Suíça, entre 30 de maio e 2 de junho.

Colaboração: Assessoria de Imprensa CBH
Foto de chamada: Pedro Veniss com Quabri, o melhor brasileiro e único entre os cinco que zeraram. Crédito: FEI arquivo/Thomas Reiner

6 Comentários

  1. It’s actually a great and helpful piece of information. I’m satisfied that you simply
    shared this helpful information with us. Please stay us informed like
    this. Thank you for sharing.

  2. I’m really enjoying the design and layout of your
    website. It’s a very easy on the eyes which makes it much more
    pleasant for me to come here and visit more often. Did you hire out a
    developer to create your theme? Superb work!

  3. Pingback: Participação recorde na última seletiva de CCE visando o Pan - Cavalus

Escreva um comentário