Árabe

Criação nacional do cavalo Árabe é destaque em exposições internacionais

Recentemente, exemplares descendentes do criatório brasileiro subiram ao pódio de exposições no Qatar e nos Emirados Árabes

Publicado

⠀em

Recentemente, a criação nacional do cavalo Árabe subiu ao pódio de duas das maiores exposições da raça do mundo. De acordo com a Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Árabe (ABCCA), tais conquistas aconteceram no 23º Qatar National Arabians Horse Show e no Emirates Arabian Horse Breeders Championship.

No caso da exposição no Qatar, o exemplar da criação nacional do cavalo Árabe que se destacou foi a potra Alma Al Jassim, do Sheikh Saoud Faleh Al-Thani. Ainda de acordo com a ABCCA, ela conquistou dois importantes títulos: Campeã Potra 2 anos e Reservada Campeã Potra Junior.

Antes de mais nada vale frisar que a potra é filha do garanhão brasileiro Bandit SRA, de propriedade de Francisco Vilaró Carrasco, do Haras Carandá. Além disso, sua mãe é a matriz brasileira Flora HVP, exportada, inclusive, prenha de Alma Al Jassim.

“É muito gratificante ver filho de um garanhão, que a gente escolhe com tanto critério, ter resultados significantes em outros países. Em especial ,no continente asiático, onde os Sheiks investem nas melhores genéticas. É a coroação de um trabalho!”, expõe Francisco Vilaró Carrasco, mais conhecido como Paquito.

Alma Al Jassim – Foto: Divulgação/ABCCA

Criação nacional do cavalo Árabe em destaque nos Emirados Árabes

Outro grande evento internacional da raça Árabe com descendentes da criação brasileira em destaque foi o Emirates Arabian Horse Breeders Championship. Os filhos e um neto da matriz brasileira FT Shaella, da criação de Flávia Torres do Haras FT, conquistaram três importantes títulos.

São eles: D Gharam (FA El Rasheem x FT Shaella), Campeã Égua Ouro Sênior; S Sharar (D Seraj x FT Shaella), Campeão Prata Ootros de um ano; e, por fim, o neto de FT Shaella, S Shareer (AJ Marzam x D Sharla), Campeão Ouro Potro Junior.

“Vendemos a FT Shaella para o Dubai Stud com apenas 5 meses de idade. Sem dúvida, tivemos muito orgulho de vê-la vencer o campeonato mundial em Paris. Ver hoje seus filhos e neta vencerem uma exposição tão importante como essa nos Emirados Árabes é ainda mais recompensador. Pois sabemos da alegria que ela continua dando aos seus proprietários, por todos os resultados e pela família que ela fundou por lá”, comemora Flávia Torres.

Brasil é um dos grandes exportadores da raça

O criatório nacional do cavalo Árabe é um dos grandes exportadores de animais no mundo. Isso devido a sua qualidade genética. Conforme dados da ABCCA, nos últimos três anos, foram exportados 116 animais.

Entre os países que receberam esses animais estão os Estados Unidos, Chile, Suíça, Uruguai, Oriente Médio, etc. Inegavelmente, a criação nacional do cavalo Árabe cada vez chama mais a atenção de criadores e proprietários da raça de toda parte do mundo.

Tanto que isso pode ser constatado a cada edição das exposições internacionais, que sempre tem animais brasileiros em pista ou filhos destes animais ficando entres os melhores nas categorias apresentadas. Como foi o caso da potra Alma Al Jassim, e dos filhos e um neto da matriz brasileira FT Shaella.

Fonte: ABCCA
Legenda da foto em destaque: D Gharam, Campeã Égua Ouro nos Emirados Árabe

Crédito da foto em destaque: Divulgação/Haras FT

Veja mais notícias do Cavalo Árabe no portal Cavalus

Árabe

Prêmio IFHAR abre calendário internacional de corridas de cavalo Árabe

Ao todo, nove animais disputarão o páreo, a 1.200 metros na pista de grama, com bolsa de R$ 10 mil

Publicado

⠀em

A Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA) promove nesta sábado (27), às 13h30, a primeira corrida internacional do calendário 2021. Trata-se do Prêmio IFHAR, que acontecerá no Hipódromo de Cidade Jardim, no Jockey Club de São Paulo.

Conforme a ABCCA, o Prêmio IFHAR conta com nove animais inscritos, com até duas vitórias. A disputa será em 1.200 metros de grama, com uma bolsa de R$ 10 mil em prêmios, distribuídos entre os cinco primeiros colocados.

“Apesar de todos os problemas que a Covid-19 vem causando, as corridas de Cavalo Árabe este ano está quebrando recordes de participação e premiação. Bem como do números de corridas que realizadas na temporada”, pontua Almir Ribeiro, diretor de Corridas da ABCCA.

Bolsa de mais de R$ 300 mil na temporada 2021

Sobretudo, o Prêmio IFHAR abre o calendário de corridas internacionais do Cavalo Árabe de 2021. Este que vem com força total e números expressivos em relação aos últimos anos. “Estaremos distribuindo mais de R$ 300.000,00 em prêmios nas 24 corridas planejadas da temporada. A princípio, o encerramento está previsto para o dia 18 de dezembro”, ressalta Ribeiro.

Antes de mais nada vale lembrar que o Prêmio IFHAR também pontua para o Arabian Cup. Ou seja, para o ranking que incentiva as provas funcionais do Cavalo Árabe e que distribuirá R$ 215 mil em prêmios neste ano.

Por fim, vale ressaltar que todas as medidas de combate a Covid-19 são seguidas para a realização das corridas. Além disso, o Prêmio IFHAR será transmitido pelo canal do YouTube do Jockey Club de São Paulo.

Por Equipe Cavalus
Fonte: ABCCA
Crédito das fotos: Divulgação/ABCCA

Veja mais notícias do Cavalo Árabe no portal Cavalus

Continue lendo

Árabe

Anglo-Árabe Dourado WV vence prova de salto a 1,40m no CHSA

Conduzido pelo cavaleiro Geraldo de Melo Campos, conquista aconteceu durante a 1ª Etapa da Copa Santo Amaro de Salto 2021

Publicado

⠀em

Único exemplar Anglo-Árabe em disputa pela 1ª Etapa da Copa Santo Amaro de Salto 2021, realizada no último fim de semana no Clube Hípico Santo Amaro (CHSA) na capital paulista, Dourado WV (Reilhacois x Viva Maria) representou à altura a raça. Afinal, sob a condução do cavaleiro Geraldo de Melo Campos o animal conquistou mais um prêmio importante em sua curta carreira nas pistas da modalidade.

Desta vez, Dourado WV – que é de propriedade do empresário Waldir Valades – venceu a prova com obstáculos a 1,40m e que é aberta a todas as raças. Antes de mais nada vale destacar que o evento bateu recorde de inscrições, com pouco mais de 1.100 conjuntos participantes, de acordo com os organizadores.

Para o cavaleiro Geraldo de Melo Campos o que faz Dourado WV se destacar entre os demais é o prazer que ele sente ao saltar. “O cavalo de salto, independente de que raça for, precisa saltar. Não adianta o animal ser morfologicamente perfeito se ele não tiver vontade e for mal trabalhado. O Dourado tem essas qualidades, ele tem força, ele tem as ferramentas para o salto, mas principalmente, ele gosta”.

Ao todo, a Copa Santo Amaro de Salto conta com 10 etapas realizadas ao decorrer do ano. Dessa forma, a 2ª Etapa já tem data marcada, entre os dias 11 a 14 de março, quando certamente Dourado WV marcará presença em busca de mais uma vitória.

Geraldo de Melo Campos e Dourado WV – Foto: Arquivo pessoal

Início do Dourado WV no Salto

Geraldo conta que começou a trabalhar o Dourado efetivamente no começo de 2018. com auxílio do seu técnico Eduardo Sousa. “Minha relação com o Dourado é muito próxima, pois toda carreira esportiva dele passou por minhas mãos. Desde a primeira prova em categorias baixas para ele pegar ritmo de campeonato, até agora saltando provas de 1,40m e Minis GP”. cita o cavaleiro.

Anteriormente, Dourado WV até chegou a passar pelas mãos de outros cavaleiros, mas não chegou a disputar campeonatos. “Por fim, ele acabou não saltando as provas de Cavalos Novos e ficou ocioso durante um tempo até vir para mim direto de seu criador, o empresário Waldir Valades”.

De 2018 pra cá, são inúmeras vitórias do conjunto. Tanto que o Geraldo nem ousa chutar um número qualquer a fim de não ser injusto com o real potencial do exemplar Anglo-Árabe. Mas as principais vitórias foram: Vice-Campeão Paulista (2018); Vice Campeão do CSN Aniversário de Campinas (2018); Campeão da Copa Prata na Santo Amaro (2020); Campeão da X Etapa da Copa Santo Amaro (2020); 1º lugar no último dia de Indoor na Paulista (2020), Campeão 1,40m da I Etapa Copa Santo Amaro (2021),

“O que posso dizer é que do ano passado para cá o rendimento dele em provas tem sido muito animador. Dos últimos cinco eventos que ele participou, retornamos com um primeiro lugar em pelo menos um dia de cada campeonato; e disputando com conjuntos de peso. Na somatória de pontos das Copas Santo Amaro de 2020, eu e Dourado fechamos na terceira posição, participando somente de três das 10 etapas”, finaliza o cavaleiro.

Por Natália de Oliveira
Crédito das fotos: Arquivo pessoal/Geraldo de Melo Campos

Veja mais notícias do Cavalo Árabe no portal Cavalus

Continue lendo

Árabe

Halter e Três Tambores são temas da 19ª edição do Programa do Cavalo Árabe

Dando sequência à série dos melhores momentos da Exposição Nacional 2020 da raça, com a participação de criadores e competidores

Publicado

⠀em

Inegavelmente, o Halter é a modalidade mais disputada pelo Cavalo Árabe no Brasil. Contudo, com o fomento e incentivo ao cavalo montado, outras vem também ganhando espaço na raça. Como, por exemplo, os Três Tambores.

Sendo assim, na 19ª edição do Programa do Cavalo Árabe os temas são essas duas modalidades: Halter e Três Tambores. Portanto, com entrevistas exclusivas de criadores e competidores, sobre a participação na Exposição Nacional do Cavalo Árabe de 2020.

Entre os entrevistados dessa edição estão: criador Abel Leopoldino, do Haras Canaã de São Carlos/SP; criador Vinicius Viana, do Haras Viana Arabian Horse; competidor de Três Tambores, Luiz Fernando Oliveira; e a pequena atleta de Heloísa Carneiro, campeã Kids.

Antes de mais nada vale esclarecer que o Programa do Cavalo ÁRABE vai ao ar nesta terça-feira (23,), às 20h, pelo canal do Yo Tube da ZR TV. Sendo assim, para conferir é só clicar no link a seguir: https://www.youtube.com/channel/UC8lOkttUncuz_DKepDoY_pQ.

Ademais, você pode conferir todas as outras edições do Programa do Cavalo Árabe no site da Associação. Portanto, basta acessar www.abcca.com.br

Serviço

Programa do Cavalo Árabe
Data: 23 de fevereiro
Horário: 20h
Transmissão: Canal do YouTube ZR TV

Fonte: ABCCA
Legenda da foto: Premiação do campeão Potro Nacional Árabe, Haras Viana Arabian Horse
Crédito das fotos: Divulgação
/André Shiwa

Veja mais notícias do Cavalo Árabe no portal Cavalus

Continue lendo
X
X