Cavalgadas Brasil

Roteiro de Charme na Austrália

Paulo Junqueira, em sua coluna da semana, escreve sobre uma cavalgada que explora umas das últimas fronteiras da Austrália

Publicado

⠀em

Roteiro de Charme na Austrália

Cavalgada explorando uma das últimas fronteiras da Austrália. Passando por desfiladeiros profundos, montanhas, fontes termais, alagados, planícies, florestas tropicais e cachoeiras. Uma área com mais de 280 mil hectares. incrivelmente bela e praticamente inexplorada.

Cobrindo toda região noroeste da Austrália, Kimberley esse “sertão” australiano, tem cerca de três vezes o tamanho da Inglaterra e uma população de menos de 40.000 habitantes. A região é conhecida por sua paisagem selvagem e a magnífica cordilheira Cockburn, que tem a forma de uma grande fortaleza redonda e se eleva mais de 600 metros acima das planícies. Paisagens de beleza extraordinária, melhor ainda quando exploradas a cavalo.

Os pioneiros de Kimberley no início da década de 1880, originalmente tentaram criar ovelhas, no entanto, a grama natural chegava a quase dois metros de altura na estação chuvosa e à medida que a seca chegava, não servia como alimento para animais como ovelhas.

Roteiro de Charme na Austrália
Local conta com cavernas e diversos pontos interessantes para os amantes de uma bela paisagem

Minha programação incluiu conhecer a cultura viva e rica dos povos aborígenas da Austrália, que remonta a dezenas de milhares de anos. Com o conhecimento transmitido de geração em geração, eles têm uma perspectiva distinta não apenas da terra, mas da própria vida.

O ponto de partida da viagem foi Kununurra, a maior cidade da Austrália Ocidental, com uma população de 5.000 habitantes, é a base para explorar a região. Tem um Parque Nacional à sua porta: o Hidden Valley (ou Parque Nacional Mirima) fica a apenas 1 km de Kununurra. Tem cavernas interessantes, rochas coloridas em camadas e pequenos desfiladeiros. O Celebrity Tree Park e o Waringarri Aboriginal Arts Center também valeram a visita. Para concluir a passagem por Kununurra, pegamos um barco no lago e tivemos a sorte de ver crocodilos de água doce e uma jibóia de cabeça preta.

A cavalgada

Nossa viagem a cavalo começou descendo para a base da Cordilheira Cockburn em direção ao Vale Caroline. O roteiro incluiu uma parada nas fontes termais Wild Dog para um lanche e um mergulho, antes de seguirmos em direção aos currais de gado da Cantin, com vista para a cordilheira Cockburn e muitas árvores antigas Baobá.
Em mais um dia de cavalgada, seguimos em direção a Zebedee Hot Springs através do deslumbrante Moonshine Gorge, paramos para um mergulho nas águas termais, um oásis em meio a uma paisagem tão seca.

Roteiro de Charme na Austrália
Selas australianas têm assento mais profundo

A sela australiana não tem nada a ver com as que chamamos de “australianas” aqui no Brasil. Elas combinam algumas características das selas inglesas e western, foram desenvolvidas para cavalgar em terrenos difíceis. Elas têm um assento mais profundo, assentam mais à frente, tem um apoio para os joelhos e os estribos também são colocados em uma posição mais avançada. Por isso o centro de gravidade e o peso do cavaleiro ficam em uma posição mais para frente.

O casal Christian and Laura, nossos guias, tem cerca de 30 cavalos nessa região, aonde desde 2013 realizam viagens a cavalo com clientes de todo o mundo. Christian conhece muito bem essa terra antiga e misteriosa, e compartilhou conosco muitas histórias do “homem branco”.

Explorar essas terras antigas, a cavalo foi um privilégio!

Por Paulo Junqueira Arantes
Cavaleiro profissional e Diretor da agência Cavalgadas Brasil
www.cavalgadasbrasil.com.br

Veja outras notícias da editoria Turismo Equestre no portal Cavalus

WordPress Ads
WordPress Ads