Cinema

Ostwind 3: Aufbruch nach Ora

Publicado

⠀em

Um filme de 2017 que fecha a série Ostwind dessa produção alemã

Mika e seu cavalo Ostwind viajam agora para a Andaluzia, na Espanha. Acima de tudo é lá onde ela espera encontrar as raízes de seu amado cavalo selvagem. Ostwind e Mika pertencem um ao outro, não importa o tamanho do oceano que os separa, suas aventuras são como conexões mágicas. De tal sorte que acabam como uma maldição e uma bênção.

Na terceira parte de Ostwind, Mika parte com seus cavalo selvagem em uma ação noturna. Chegam a Andaluzia, a casa de Ostwind, na Hacienda Monte Sabino, e descobrem a família dele. Assim, Mika fica maravilhada ao ver que vivem em uma manada, diversos cavalos ao redor da fonte de água de Ora.

Ostwind 3: Aufbruch nach Ora. Um filme de 2017 que fecha a série dessa produção alemã. Conta mais uma aventura de Mika e seu cavalo Ostwind

Mas Ora e a manada de cavalos estão ameaçados, então eles enfrentarão um novo grande desafio. Ao lado de Ostwind, Mika busca salvar a cidade de uma aquisição hostil, da mesma forma que livram os animais de um treinador sem escrúpulos.

Hanna Binke faz o papel de Mika. No elenco ainda Amber Bongard (Fanny), Jannis Niewöhner (Milan), Marvin Linke (Sam), Cornelia Froboess (Maria Kaltenbach), Tilo Prückner (Sr. Kaan), Lea van Acken (Samantha), Thomas Sarbacher (Pedro), Nicolette Krebitz (Tara).

No primeiro Ostwind, Mika era uma adolescente rebelde que se apaixonou por cavalos durante as férias, uma afinidade que mudou sua vida para sempre. Com a finalidade de ajudar a escola de equitação da cidade da avó, no filme dois Mika treina Ostwind para uma competição. Eles não vencem a prova, mas a escola é perdoada da dívida e não decreta falência. Em suma, toda a sequência é recheada de aventuras e descobertas.

Assista ao trailer:

Fonte: Filmow e Amazon
Crédito das fotos: AdoroCinema

Veja mais da editoria Cinema no portal Cavalus

Continue lendo

1 Comment

  1. Avery Chamlee

    10 de dezembro de 2020 at 04:06

    This blog is definitely rather handy since I’m at the moment creating an internet floral website – although I am only starting out therefore it’s really fairly small, nothing like this site. Can link to a few of the posts here as they are quite. Thanks much. Zoey Olsen

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Cinema

Hope Ranch

Com a ajuda de seu majestoso cavalo, uma viúva e sua filha tramam um plano para salvar o rancho da família

Publicado

⠀em

Hope Ranch começa como todo filme de cavalo que amamos: lindos pastos, cercas, baias e, claro, os cavalos. Mas, à medida que o enredo avança, nos deparamos com a história de superação de Rebecca (Marisa Brown) e sua filha Grace (Grace Van Dien). Mike (John Schneider), marido de Rebecca e pai de Grace, é militar e um dia sai para uma missão e não volta.

Ao lidar com a perda e o luto, elas precisam salvar o rancho da família. Antes de partir para a missão, Mike avisou que estava tudo certo com a propriedade. Contudo, sem a presença física dele, a viúva se vê em posição de ter que vender tudo. A tristeza pela morte do pai ainda leva Grace ao desespero quando percebe que pode ficar sem o seu cavalo favorito. 

Hope Ranch: com a ajuda de seu majestoso cavalo, uma viúva e sua filha tramam um plano para salvar o rancho da família depois da morte do pai

Em outras palavras, só um golpe da sorte para salvá-las. Mas, justamente com uma pequena ajuda de seu majestoso cavalo branco, e amigos, Grace e Rebecca elaboram um plano com o intuito de arrecadar dinheiro suficiente para salvar o rancho. Nesse meio tempo, aprendem a nunca perder a esperança. Aquele enredo de filme ‘seção da tarde’ que não dá para deixar de assistir. Contando ainda com a fotografia.

Entre as curiosidades de Hope Ranch, John Schneider é 18 anos mais velho que a atriz que interpreta sua esposa, Marisa Brown . Ela, por sua vez, é 18 anos mais velha do que a atriz que interpreta sua filha, Grace Van Dien. T.C. Stallings faz o Pastor Williams, enquanto Carter Roy interpreta Luke Star,k e Jimmy Deshler é Chris. O filme estreou em março de 2020 no canal de streaming Netflix. Escrito por Simon K. Parker e dirigido por Paco Aguilar.

Assista o trailer:

Fonte: Cowgirl Magazine, Rotten Tomatos, IMdb

Veja mais da editoria Cinema no portal Cavalus

Continue lendo

Cinema

5 filmes sobre cavalo para você ver nessas férias

Se você é apaixonado mesmo por cavalo, certamente já viu esses filmes; mas não custa nada aproveitar as férias para ver ou rever

Publicado

⠀em

Calendário de provas vazio por conta das férias? Com toda a certeza é hora de você aproveitar um pouco para descansar. Então, nada melhor do que assistir alguns dos filmes de cavalo mais famosos e fofos da história. Por isso, selecionamos cinco dicas para você! São clássicos, eventualmente você já até assistiu. Mas ver e rever quantas vezes for faz bem para matar a saudade dos nossos cavalos, não é mesmo?

Seabiscuit – Alma de Herói

O filme se passa na década de 1930, na América, durante um difícil período da Depressão, o pior e o mais longo período de recessão econômica do País. Retrata, portanto, a história de um pequeno cavalo maltratado e desajeitado. Que parecia mancar quando marchava, chamado Seabiscuit. A história real de um cavalo campeão e de três homens que acreditaram na potencialidade de um animal frágil. Contudo, de uma excelente linhagem de Corrida, mostrando que o poder da esperança e a coragem podem transformar sonhos em realidade.

Secretariat

Secretariat (foto) é um filme americano da Walt Disney Pictures, que estreou nos cinemas em 2010. Com um roteiro de Mike Rich, dirigido por Randall Wallace, é estrelado por Diane Lane, como proprietária de Secretariat. Conta de modo biográfico a historia do thoroughbred tríplice coroado. Durante sua carreira na corrida, ele ganhou cinco Grandes Prêmios, incluindo prêmios de Cavalo do Ano aos dois e três anos de idade. Entrou para o National Museum of Racing and Hall ofFame em 1974. Uma lenda!

Se você é apaixonado mesmo por cavalo, certamente já viu esses filmes; mas não custa nada aproveitar as férias para ver ou rever

O Encantador de Cavalos

O Encantador de Cavalos (acima) conta a história de um talentoso treinador de cavalos. Com efeito, ele foi contratado para ajudar uma adolescente que sofrera um grave acidente e seu cavalo a se recuperarem. O processo de recuperação é lento, mas após algum tempo os resultados aparecem. No final, a lição que fica é que o cavalo pode curar feridas físicas e emocionais. De fato, o amor pelo cavalo faz com que Grace encare sua nova limitação com mais garra.

Spirit – O Corcel Indomável

A animação Spirit – O Corcel Indomável fala em uma hora e 24 minutos sobre a amizade entre um menino indígena e um cavalo indomável apaixonado por uma égua. Ambientada no Velho Oeste americano, mostra o impacto do processo civilizatório na vida dos três. Bem como a amizade que construíram. O cavalo vive no final do século 17 em pleno Oeste norte-americano e ele resiste ser domado pelo homem.

O Corcel Negro

Em uma viagem em um navio à vapor, o filme se passa em 1946 e conta a história de um belo cavalo Árabe. Ao longo da costa do Norte da África, o jovem Alec Ramsey viajava com seu pai em um navio à vapor. De fato, na mesma viagem estava um magnífico cavalo árabe preto. Quando um desastre destrói o navio e ele naufraga, Alec liberta o cavalo e escapa com ele para uma ilha próxima, onde eles formam um estreito vínculo.

Veja mais da editoria Cinema no portal Cavalus

Continue lendo

Cinema

Nico, o Unicórnio

Em Nico, o Unicórnio, um menino de 11 anos de idade luta para lidar com uma deficiência, ao mesmo tempo que encontra um pônei que dá à luz um unicórnio que vira seu amigo

Publicado

⠀em

Nico, o Unicórnio, é o nome de um livro de ficção juvenil de 1996. Um romance popular para jovens adultos. O filme, de mesmo nome, foi adaptado para o cinema de 1998. Ademais, o livro foi escrito por Frank Sacks, que também escreveu o roteiro do filme. A película para as telonas foi dirigida por Graeme Campbell.

Então, no enredo de Nico, o Unicórnio, Billy passou por um acidente que resultou em ferimentos permanentes na perna. Um motorista bêbado matou seu pai e quase tirou a vida do menino de 11 anos. Billy e sua mãe Julie se mudam de Boston para uma nova cidade na zona rural de Vermont na esperança de escapar das más lembranças do acidente.

Em Nico, o Unicórnio, um menino de 11 anos de idade luta para lidar com uma deficiência quando encontra um pônei que vira seu amigo

Billy vive sua nova vida enquanto tenta fazer amigos. Assim, ele e a mãe visitam o Starlight Circus, um circo já decadente, na tentativa de distraírem-se. Lá ele conhece um pônei abandonado e a leva para casa. Surpreendentemente, esse pônei fêmea dá à luz um unicórnio, que Billy coloca o nome de Nico. Posteriormente, o pônei é morto por um leão da montanha ao defender a cria.

Dessa forma, o menino sabe que precisará fazer o que puder com seu segredo para proteger seu novo amigo. Nico, o unicórnio, parece ter poderes mágicos. Muitas aventuras pelas montanhas acontecem na sequencia das cenas.

Kevin Zegers faz Billy Hastings. No elenco ainda Anne Archer (Julie), Michael Ontkean (Tom Gentry), Pierre Chagnon (Ben Willett), Elisha Cuthbert (Carolyn Price). Amigos e desafetos que o garoto faz ao longo do filme. As filmagens aconteceram em Eastern Townships do Canadá.

Assista ao trailer:

Fonte: Imdb

Veja mais da editoria Cinema no portal Cavalus

Continue lendo
X
X