Curiosidades

Descubra curiosidades e dados sobre o cavalo Frísio

O cavalo Frísio tem como destaque sua pelagem negra. Raça é originária da Frísia, uma província dos Países Baixos, conhecidos como Holanda

Também chamado de Friesian, o cavalo Frísio é uma raça de cavalos de cor negra, originária da Frísia, uma província dos Países Baixos (Holanda). Não fica muito difícil de se deduzir a origem do seu nome.

Por falar em origem, ninguém sabe ao certo quando o cavalo Frísio surgiu. Em contrapartida, sabe-se que é uma das raças mais antigas a existir na Europa. Durante a Idade Média, diversas gravuras foram feitas dos Frísios e escritas sobre este animal também foram encontradas, sendo a mais antiga delas em 1544.

Tornou-se, portanto, o único cavalo nativo dos Países Baixos que conseguiu sobreviver à passagem do tempo. Mesmo estando à beira da extinção várias vezes ao longo do último século, foi graças à devoção de um grupo de entusiastas que permanece popular.

O cavalo Frísio tem como destaque sua pelagem negra. Raça é originária da Frísia, uma província dos Países Baixos, conhecidos como Holanda

Com o passar do tempo, exemplares foram exportados, não só por toda Europa, como também chegou às Américas. Primeiro aos Estados Unidos, por volta de meados dos anos 70. A raça está no Brasil, atua especialmente na Atrelagem. Registros de 2013 apontam que é a Associação Brasileira de Criadores do Cavalo de Hipismo (ABCCH) responsável pelo registro genealógico dos animais da raça Friesian no País.

Algumas curiosidades e dados complementares

  • O cavalo Frísio é um animal de temperamento dócil e fisicamente bastante robusto
  • Por volta do ano 500 a.C., o povo frísio se estabeleceu ao longo do mar do Norte, levando seus cavalos, descendentes diretos de Equus robustus
  • Os livros contam ainda que no ano 800, o mar do Norte era denominado mar Frísio, local onde se desenvolveu a raça.
  • Quase foram extintos durante a Segunda Guerra Mundial. A história conta que nesta época eles foram utilizados para puxar canhões. Logo após este período, poucos exemplares da raça resistiram, em torno de cinco garanhões e algumas éguas
O cavalo Frísio tem como destaque sua pelagem negra. Raça é originária da Frísia, uma província dos Países Baixos, conhecidos como Holanda
  • Outro fator que complicou é que os exemplares não foram usados para a agricultura. Contudo, uma procriação sistemática restabeleceu a qualidade da raça e seus números são crescentes atualmente
  • Os trotadores são usados como cavalo de sela, na prática de Atrelagem e Adestramento
  • Sua popularidade foi alcançada em filmes famosos como Feitiço de Áquila, entre outros
  • Mede entre 1,65 m e 1,75 m na cernelha
  • Os primeiros registros encontrados nos dados históricos são de 1° de maio de 1879, de um povoado chamado Roodahuinzun
  • Os primeiros exemplares registrados e aprovados para reprodução foram Prins 109, Alva 113 e Friso 117
  • Há, antes de mais nada, uma estátuafeita por Auke Hettema, em 1981 e colocada no Nieuwestad em Leeuwarden, Holanda

Por Equipe Cavalus
Fonte e crédito das fotos: Wikipedia

Veja mais notícias da editoria Curiosidades no portal Cavalus

X