Curiosidades

Você conhece as cinco raças com os maiores cavalos do mundo?

Realizamos uma pesquisa e listamos os maiores exemplares de cavalos. Brasil possui seu representante

Publicado

⠀em

Big Jake, cavalo mais alto do mundo, morre aos 20 anos

Existem cavalos das mais variadas raças. Uns mais altos, fortes, atléticos, dóceis, cada um com uma característica que o permite desenvolver diversas atividades como trabalho no campo, cavalgadas, esportes, entre outros.

Você sabia que existem raças com cavalos muito altos e fortes? Preparamos uma lista com cinco raças para você conhecer. Confira!

O maior cavalo do mundo

Big Jake, um exemplar da raça Belgian Draft, desaparecido em 2010, foi considerado pelo Guines Book o maior equino vivo do mundo, com 2,10 metros e pesando mais de uma tonelada.

Big Kake pertencia a um fazendeiro de Wisconsin, EUA.

Antes dele, o recorde pertencia à Luscombe Nodram, ou simplesmente ‘Noddy’, que mede 2,05 m e pesa 1,5 toneladas.

Raças com maiores exemplares

A raça Shire, originária da Inglaterra, é reconhecida como a maior dentre todas as raças. Devido ao seu grande porte, resistência e inigualável força, o cavalo Shire era utilizado para puxar carroças que transportavam todo tipo de carga através de terrenos irregulares, por vezes, cobertos de neve.

Originalmente, era a raça de cavalo mais utilizada para conduzir as carroças carregadas com cerveja, desde os produtores até os bares ingleses.

Outra raça com animais enormes são os Clydesdales. Originária da Escócia, são semelhantes ao cavalo Shire, mas com pernas mais longas.

Os animais dessa raça medem 1,60 metro de altura na cernelha. Muito ativo e forte, de temperamento disposto e equilibrado, apresenta-se nas pelagens zaino, zaino negro, negro ou tordilho.

Ele era utilizado para o transporte de todo e qualquer tipo de carga pesada no século 18.

Os Percheron, raça francesa, originária de Perche, também se destaca pelo tamanho dos animais.

O animal é referência em seu país por se tratar de uma típica raça de cavalo de tração, e a mais conhecida das raças equinas francesas. É um animal bem proporcionado, com ossos duros e de pé firme e forte, utilizado para carruagens e trabalho.

Seu tamanho pode variar entre 1,40 m e 1,60 m de cernelha.

Outra raça com exemplares grandalhões é a Suffolks. Desenvolvidos por fazendeiros ingleses das cidades de Suffolk e Norfolk, na Inglaterra, em 1800, eles eram utilizados para trabalhos de tração nas fazendas.  

O tamanho médio de um exemplar da raça é de 1,70m de altura e seu peso gira em torno de 810 kg.

Por fim, e não menos importante, temos o Australian Draught, raça nacional de cavalos da Austrália que se desenvolveu principalmente para uso em fazendas.

Seus exemplares possuem franjas nas patas e chegam facilmente a quase uma tonelada.

Representante brasileiro

O Brasil também possui seu exemplar de cavalos grandes. Um exemplar da raça Campolina pode ir de 1,58 m a 1,75 m de altura e pesar 500 kg.

Apesar da altura, eles são menos pesados devido ao seu corpo mais atlético.

Conhecido como “Grande Marchador Brasileiro”, o animal é o resultado de vários anos de seleção e cruzamentos de raças de cavalo feitos por Cassiano Campolina, um rico fazendeiro do Estado de Minas Gerais, no Brasil. O criador começou seus esforços para criação da nova raça de cavalos nos anos 1870.

Por: Camila Pedroso

Fotos: Arquivo

Mais notícias no portal Cavalus

WordPress Ads
WordPress Ads