Geral

O que o eleitor deve saber antes de votar neste domingo (02/10)?

Este ano, mais de 156 milhões de eleitores irão às urnas, em 5.570 cidades do país e em 181 localidades no exterior

Publicado

⠀em

O que o eleitor deve saber antes de votar neste domingo (0210)

Neste domingo (02/10), os mais de 156 milhões de eleitores aptos a votar nas eleições 2022, decidirão nas urnas quem serão os governantes do Brasil, pelos próximos quatro anos. Serão escolhidos Deputados Estaduais/Distritais, Deputados Federais, Senadores, Governadores Estaduais/Distrital e Presidente.

Serão quase 1,8 milhão de mesárias e mesários e mais de 29,2 mil candidatas e candidatos. A votação acontece em 5.570 cidades do país e em 181 localidades no exterior. O voto é obrigatório para maiores de 18 anos e facultativo para analfabetos, maiores de 70 anos e pessoas com 16 e 17 anos.

O momento merece muita atenção, afinal, todas as diretrizes governamentais dos estados e do país serão definidas pelos candidatos eleitos pelos cidadãos brasileiros. Por isso, cabe a cada um dos eleitores pesquisar a vida pública de cada candidato, antes de fazer essa importante escolha.

Para quem ainda tem dúvida em quem votar ou não sabe o número dos candidatos das eleições 2022, no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é possível ter acesso a uma lista completa, por estado, com todos que concorrem aos cargos destas eleições. Lá você também pode conferir os horários de votação em cada região.

O que pode e o que não pode fazer do dia da eleição?

Muitas dúvidas surgem na cabeça dos eleitores. O primeiro conselho que o TSE dá é que todos preparem uma “colinha”, com os números e nomes dos candidatos escolhidos. A ordem que cada um aparecerá nas urnas será: Deputado Federal, Deputado Estadual/Distrital, Senador, Governador e Presidente.

Preparada a colinha, é hora de selecionar os documentos. No seu título de eleitor consta sua seção eleitoral, você precisa saber qual é o seu local de votação. É obrigatória a apresentação de um documento com foto: RG, CNH, certificado de reservista, carteira de trabalho, passaporte e a identidade social.

Esses documentos poderão ser usados ainda que a data de validade esteja vencida. As certidões de nascimento ou de casamento, no entanto, não valem como prova de identidade na hora de votar. Para quem prefere o digital, o eleitor ainda pode baixar o aplicativo e-Título, até à noite de hoje (01/10).

Eleições 2022: Uso de celular, camiseta e bandeiras na votação

Nas eleições 2022, você terá de deixar o aparelho de celular desligado, seguindo as orientações do mesário. É proibido entrar na cabine de votação com ele ou com máquina fotográfica, filmadora e equipamentos de radiocomunicação. A medida visa garantir um dos aspectos mais importantes da democracia: o sigilo do voto.

Camisetas de candidatos, bandeiras, broches, adesivos e emblemas são permitidos, mas de maneira individual e silenciosa, senão será considerados boca de urna, e isso é crime. Agora é com você. Avalie quais candidatos terão as melhores propostas para o nosso país e faça seu papel, exerça a sua cidadania. Bom voto!

Ficou com alguma dúvida sobre as eleições 2022? Acesse o site do TSE.

Por Redação Cavalus

Fotos: Arquivo

Leia mais notícias aqui

WordPress Ads
WordPress Ads