Corrida

Exemplares Árabes disputam prêmio especial Haras Serondella neste sábado

Páreo tem como objetivo homenagear o Melhor Criador e Expositor da Nacional 2021, que é quem dá nome à corrida

Publicado

⠀em

O Jockey Club de São Paulo será palco neste sábado (05), a partir das 13h30, das disputas de exemplares Árabes pelo Prêmio Especial Haras Serondella. Páreo é destinado a produtos com até uma vitória nos últimos 12 meses e será nos 1.300m, na pista de grama, valendo uma premiação total de R$ 15 mil.

De acordo com Almir Ribeiro, Diretor de Corridas da Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA), o evento deste sábado no Hipódromo Cidade Jardim tem como objetivo homenagear o Melhor Criador e Expositor da Exposição Nacional da raça de 2021. Ou seja, o Haras Serondella, que dá nome à corrida.

No Haras Serondella, o cavalo Árabe é uma comunhão famliar, com todos os membros da família envolvidos com a raça. São três gerações de arabistas, que começou com o avô Roberto, passou para o filho Fábio e sua esposa Araceli, e chegou aos netos Lipe, Nando e Pedro, junto com o Tio Duda.

A paixão pelo cavalo Árabe do Haras Serondella começou a partir das competições de Hipismo Rural. Foi no final da década de 1980, que a família decidiu iniciar a sua criação artesanal de Anglo-Àrabes com três éguas Puro Sangue Inglês.
Mas em 1990 este projeto teve que ser interrompido quando Fábio teve que ir para os Estados Unidos para fazer um Mestrado (MBA). Na sua volta, imediatamente o programa foi retomado, mas a partir daí só com Puro-sangue Árabe.

“Gradativamente fomos montando um programa baseado nas melhores matrizes que pudéssemos comprar. Hoje tempos a satisfação de ter um grupo seleto de animais que nos agrada muito, mas não há duvidas que estamos apenas começando este lindo caminho a frente”, garante a família do Haras Serondella.

Acompanhe a corrida ao vivo pela internet

O Prêmio Especial Haras Serondella poderá ser acompanhado ao vivo pela internet pelo canal do YouTube do JCSP, bem como pelo canal 2 da NET na capital paulista. Para saber mais sobre o cavalo Árabe, acesse www.abcca.com.br e acompanhe a Associação através dos perfis nas redes sociais @abccarabe.

Serviço

Prêmio Especial Haras Serondella
Data: 05 de fevereiro
Horário: 13h30
Local: Jockey Club de São Paulo – Cidade Jardim
Transmissão: www.jockeysp.com.br e Canal 2 NET (capital paulista)

Por: Equipe Cavalus Comunicação

Fotos: Divulgação/Site Haras Serondella

Mais notícias no portal Cavalus

Corrida

Fantastic Feature vence GP Campeão dos Campeões no Jockey Club de Sorocaba

No total, foram cinco páreos disputados no último sábado (11), no Jockey Club de Sorocaba (SP)

Publicado

⠀em

Fantastic Feature vence GP Campeão dos Campeões no Jockey Club de Sorocaba

No último sábado (11), o Jockey Club de Sorocaba (SP) foi palco de uma disputa emocionante, o GP Campeão dos Campeões, disputa nos 365m com bolsa total de R$ 225 mil. Ainda no mesmo dia ocorreram as disputas de outros quatros páreos.

FANTASTIC FEATURE

E a vitória foi do alazão FANTASTIC FEATURE (Fantastic Corona Jr x Featuringmissjess), que nas classificatórias quebrou o recorde nos 365m, atingindo um dos maiores índices do ano: AAAT-106, com 1 corpo e meio de vantagem.

Pela final, FANTASTIC FEATURE, que é de criação e propriedade de Érico Braga, foi conduzido por D Oliveira e treinamento de F P Melo. O campeão garantiu o topo mais alto do pódio 19s478 (AAA-98), com meio corpo de vantagem sobre DAYTONA EAGLE MRL (One Famous Eagle x Corona Daytona MRL).

GP Campeão dos Campeões

Demais páreos

Iniciando as disputas no Jockey, o páreo Vereador João Donizete Silvestre recebeu quatro animais em pista para uma prova de 275m. Na ocasião, sagrou-se campeão SPLASH LAKE FJM (Granite Lake x Let Is Splash). O zaino completou a prova com 15s202, guiado por J D Pereira.

Já o segundo páreo, HIP DECK, também nos 275m, teve como campeão KISS ME VALIANT JNN (Mighty B Valiant x Kiss Me Gold WA), a zaina, guiada pelo jóquei A H Silva, concluiu a prova em 15s433. No páreo TV Time, vitória de BLACK GOOD DASH WA (Good Dash Reason WA x Kiss Me For Me AS), o zaino conquistou o primeiro lugar com a marca de 15s218 e guiado A R Lima.

OLENKA JQM

O Jockey Club de Sorocaba recebeu ainda as disputas da final do Torneio de Encerramento. Cravando 15s409, apenas 3 milésimos a frente de BIG GRANITE (Granite Lake x Encantada Separatist), vitória da alazã OLENKA JQM (Corona For Me x Jessica Ravin). Pela prova de 275m, com bolsa de R$ 25 mil, a campeã foi guiada pelo jóquei C Medina, vale destacar que ela é de criação e propriedade do Haras Jaguaruana.

Todos os resultados podem ser acessados através do site do Jockey Clube de Sorocaba.

Por Heloisa Alves/Portal Cavalus (com informações do JCS)
Fotos: Divulgação/Jockey Club de Sorocaba

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Corrida

Jockey Club de Sorocaba tem final de semana agitado com disputas acirradas

No total, foram seis páreos disputados nas pistas de corrida do JSC, entre eles a classificatória do GP Campeão dos Campeões

Publicado

⠀em

Jockey Club de Sorocaba tem final de semana agitado com disputas acirradas

O último sábado (28) foi de várias disputas no Jockey Club de Sorocaba. No total, foram disputados seis páreos em pista com animais em busca de almejados prêmios. As primeiras corridas realizadas foram pelas classificatórias GP Campeão dos Campeões.

Disputas Jockey Club de Sorocaba – GP Campeão dos Campeões

Nos dois primeiros páreos ocorreram as classificatórias do GP Campeão dos Campões. Uma prova de 365 metros e dotação original de R$ 250 mil. Na primeira eliminatória do GP Campeão dos Campeões (365m), vitória de AUGUSTUS VERDE (No Secrets Here x Orly Vista, Nordick Only VM). Ele venceu com tranquilidade, com mais de 2 corpos de vantagem, cravando 19s541, sendo conduzido pelo jóquei J G Oliveira.

Já no segundo páreo deu FANTASTIC FEATURE (Fantastic Corona Jr x Featuringmissjess, Mr Jess Perry), que pela raia 7, dominou a prova e cravou 19s171, estabelecendo o novo recorde dos 365 metros e atingiu um dos maiores índices do ano: AAAT-106, com 1 corpo e meio de vantagem. O alazão garantiu a classificação no Jockey Club de Sorocaba sendo guiado pelo jóquei F P Melo.

Torneio Encerramento

Também com dois páreos disputados no Jockey Club de Sorocaba, as disputas das classificatórias do Torneio Encerramento marcaram a tarde do sábado no Jockey Clube de Sorocaba. No total, seis animais foram classificados para a final do último torneio do ano. Um dos destaques foi BIG GRANITE (Granite Lake x Encantada Separatist, Separatist) abriu luz e venceu com a marca de 15s118.

Já o segundo colocado foi THE RUNAWAY FJM (Granite Lake x Miss Chick Runaway, Ocean Runaway). O alazão venceu, cruzando o disco final com o tempo de 15s232. Os demais classificados foram: IAMALESS com 15s312, OLENKA JQM com 15s372, TELLER BRASIL MRL com 15s396 e RHSA RITA REASON com 15s439.

Torneio Especial taça Velocidade

Pela final do Torneio Especial taça Velocidade, uma prova de 201m para animais com IV até 89 ou inéditos, o grande campeão RCH BUG HOT (DM Hot N Charmin x Blushing Lady Bug, Blushing Bug). O animal, que foi o primeiro o campeão do Stud Araujo, esteve em uma disputa equilibrada, cruzando com uma cabeça de vantagem, cravando 11s728.

Páreo Haras Weisheimer

O Jockey Clube de Sorocaba recebeu também o páreo Haras Weisheimer, que contou com uma bolsa de R$ 6 mil, sendo R$4.500 para o primeiro colocado e R$1.800 ao segundo. No total foram quatro animais na disputa de 365m. Sagrou-se campeão ENRICO VERDE, que cruzou a linha de chegada com 19s931, sendo guiado pelo jóquei J G Oliveira.

Todos os resultados podem ser acessados através do site do Jockey Clube de Sorocaba.

Por Heloisa Alves/Portal Cavalus (com informações do JCS)
Fotos: Divulgação/Jockey Club de Sorocaba

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Corrida

Black Good Dash WA conquista título no GP Rei da Velocidade em Sorocaba

Final do GP Rei da Velocidade foi realizada no último sábado (24/6) no Jockey Club de Sorocaba consagrando BLACK GOOD DASH WA como o grande campeão

Publicado

⠀em

BLACK GOOD DASH WA conquista título no GP Rei da Velocidade em Sorocaba

Mais um sábado (24/6) de altas emoções no Jockey Club de Sorocaba, em Sorocaba (SP) com a realização da grande final do GP ABQM Rei da Velocidade que confirmou o favoritismo de BLACK GOOD DASH WA (Good Dash Reason WA x Kiss Me For Me SA, Corona For Me). “Ele não conseguiu uma boa largada mas logo, no segundo pulo, reagiu, foi pra cima dos adversários e antes dos 100m já dominava a carreira. Daí para frente, ele ligou o turbo e veio embora para cruzar o disco final e, assim, conquistar a sua coroa de Rei da Velocidade”, vibra o proprietário e criador, Beto Abdalla.

Beto comemora a vitória ao lado da família

Ao total, foram sete animais em uma disputa que totalizou R$ 145 mil em prêmios. Deste valor, R$ 72.500 foram para BLACK GOOD DASH WA que já tinha despontado na frente durante a semifinal realizada em 10/6 junto ao GP Rainha da Velocidade.

Leia sobre o Rainha da Velocidade.

Histórico de vitórias de BLACK GOOD DASH WA

O zaino levantou voo mais uma vez, cravando 16.218s (AAAT-103) – a um décimo do recorde – vencendo com um corpo de vantagem do craque tordilho FANTASTIC FLY APOLLO. “Como sempre, esta conquista deste importante título foi difícil, mas conseguimos com vitória e tempo espetacular”, comemora Beto.

Beto conta que entrar como favorito absoluto nas apostas não foi fácil, já que a cobrança aumenta ainda mais, principalmente por BLACK GOOD DASH WA vir de um histórico de sete vitórias consecutivas antes das classificatórias onde disputou com grandes animais. “Ganhar em Sorocaba não é fácil e ganhar de craques é ainda mais difícil”, avalia ele, completando que neste tempo, houveram alguns percalços. “Ele não estava 100% como gostaríamos, pois perdeu 10 kg, então acredito que estava 80% do seu estado ideal”.

Comemoração em equipe

Com elogios à equipe que se dedicou para a conquista do título, Beto destaca a força do cavalo. “Agradeço a Deus, a Nossa Senhora Aparecida e a minha esposa Fabiane e filhos, além de toda equipe WA e veterinários envolvidos que assistem o Black nas diversas terapias e, principalmente, aos milhares de fãs pelo Brasil e da América do Sul que me mandam mensagens sempre que o Avião Negro corre”, finaliza.

BLACK GOOD DASH WA conquista título no GP Rei da Velocidade em Sorocaba
Felicidade com mais uma vitória

Por Wesley Vieira/Portal Cavalus
Fotos: Divulgação/Jacky Silva (JCS) 

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Corrida

GP ABQM Rei e Rainha da Velocidade agitam Jockey Club de Sorocaba

Final do GP Rei da Velocidade será realizada no dia 24/6 trazendo sete classificados no último sábado em Sorocaba (SP)

Publicado

⠀em

por

GP ABQM Rei da Velocidade e Rainha da Velocidade agitam Jockey Club de Sorocaba

Um sábado (10/6) de muitas emoções no Jockey Club de Sorocaba, em Sorocaba (SP). Além da realização da classificatória do GP ABQM Rei da Velocidade, o dia também marcou a final do GP ABQM Rainha da Velocidade que consagrou a vencedora SUSHI HABIT JQM (Desirio x One Fast Habit, Ivory James), do Haras Jaguaruana. Com histórico de campeã do Potro do Futuro de 2022, ela cravou 16.322s (AAA-99) com um corpo de vantagem.

SUSHI HABIT JQM saiu na frente durante o GP Rainha da Velocidade

Para o proprietário de SUSHI HABIT JQM, Pedro Barbizan, do Haras Jaguaruana, o resultado superou as expectativas. “Sabíamos que ela tinha potencial pra ganhar, no entanto, a gente sabe que corrida é uma caixinha de surpresas até porque ela não havia se apresentado tão bem na última vez. Mas deu tudo certo e ela ganhou de grandes fêmeas”., comemora.

Ainda segundo Pedro, o GP Rainha da Velocidade é provavelmente a última apresentação da égua antes de seu retorno para o merecido descanso. “Começaremos uma nova etapa, a de reprodutora do Haras Jaguaruana. É importante frisar que ganhar em Sorocaba é muito difícil, mas agora, com este título e do Potro do Futuro, ela está pronta para ser uma matriz de respeito”.

Pedro comemora o título conquistado pela égua

Além da campeã SUSHI HABIT JQM, a prova de 301 metros e R$ 145 mil de bolsa, reuniu sete fêmeas para a disputa realizada em uma única rodada. 

Classificados para o GP Rei da Velocidade

Já no GP ABQM Rei da Velocidade, 14 animais disputaram as classificatórias, mas apenas sete estão na final. Destes, BLACK GOOD DASH WA (Good Dash Reason WA x Kiss Me For Me SA, Corona For Me), de criação e propriedade de Roberto Sylvio Abdalla, confirmou o favoritismo nas apostas e venceu a prova, cruzando o disco final com 16.189s (AAAT-104) – maior índice até o momento – com vantagem de um corpo. 

Prova Rei da Velocidade

ROYAL FANTASTIC ficou na segunda colocação (AAAT-100) e AUGUSTUS VERDE, em terceiro (AAA-99). Também se classificaram para a final do GP Rei da Velocidade que acontece no dia 24/6, Meteoro Senator HF, Fantastic Fly Apollo, Churchill Verde e Imaless.

Por Wesley Vieira/Portal Cavalus
Com informações do Jockey Club de Sorocaba
Foto: Divulgação/Jacky Silva (JCS)
Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Corrida

Grande Prêmio de Turfe chega à 100ª edição no Jockey Club de São Paulo 

Entre os dias 5 e 7 de maio, o Grande Prêmio de Turfe toma conta do espaço que terá diversas opções gastronômicas, bar nas alturas e parque de diversão infantil

Publicado

⠀em

por

Grande Prêmio de Turfe chega à 100ª edição no Jockey Club de São Paulo

O Jockey Club de São Paulo, patrimônio nacional com 148 anos de história, sediará nos dias 5, 6 e 7 de maio, a 100ª edição do Grande Prêmio de São Paulo de Turfe. As corridas, que acontecem durante todo o final de semana, esperam receber cerca de 15 mil pessoas, e o prêmio total a ser distribuído é de R$1,3 milhões nos três dias de evento.  

O GP São Paulo é disputado desde 1923 e promoverá neste ano um resgate histórico do Jockey e do esporte para os moradores da cidade – o espaço passa por uma grande restauração. O páreo principal, está marcado para acontecer no domingo, por volta das 16 horas. A expectativa é que o Grande Prêmio de São Paulo de Turfe movimente mais de R$7 milhões na cidade, entre apostas, gastronomia, serviços diversos e leilões de cavalos. 

Foi criada uma programação de páreos especiais, dividida entre diferentes categorias, reunindo os melhores potros, potrancas, velocistas e fundistas do país, com nove deles sendo realizados na sexta-feira, dez no sábado e dez páreos no domingo, incluindo a corrida principal, o Grande Prêmio de São Paulo. 

Programação para crianças

O evento conta com uma programação extensa para adultos e crianças, durante todo o final de semana. Além das provas de corridas com os principais cavalos do país, o público pode desfrutar de uma feirinha gastronômica variada com comidinhas gostosas para a família inteira como hambúrguer, hot dog, batata frita, pastel, pipoca, churros, água, refrigerante, chopp e drinks, além de um bar nas alturas a 35 metros do chão com vista panorâmica da cidade. 

Para as crianças, o Passeio de Trenzinho leva os apaixonados por cavalos até as cocheiras, para interagir com os animais e saber um pouco mais sobre o Jockey. Um dia de diversão infantil com Super Tobogã, Cama Elástica e infláveis temáticos Mickey, Arca de Noé, Homem Aranha, Patrulha Canina e muito mais farão a alegria dos pequenos. Serão ao todo 10 infláveis gratuitos para a criançada se divertir muito. 

“A 100ª edição do GP São Paulo é um marco importante na história do Jockey Club de São Paulo e estamos felizes em celebrar a data com uma série de atrações para receber todos os públicos, famílias, com muito entretenimento e gastronomia para todos os gostos e bolsos, tendo como ponto alto as tradicionais corridas de cavalos”, comenta José Carlos Pires, Diretor Executivo do Jockey Club de São Paulo. 

Favoritos do Grande Prêmio de Turfe

A disputa do GP nos páreos tende a ser muito competitiva e os cavalos que despontam como favoritos do páreo principal este ano são Doutor Sureño, Maximum Drive e Gesto Nobre. Em 2022, a prova foi vencida pelo cavalo Roxoterra, conduzido pela joqueta Jeane Alves, a primeira mulher a vencer o GP São Paulo de Turfe em 99 edições. 

Com entrada gratuita, o evento terá provas sexta, sábado e domingo, com portões abertos a partir das 10 horas. O Grande Prêmio de Turfe será disputado no domingo por volta das 16 horas e as apostas podem ser feitas com valores a partir de R$2 no próprio Jockey.

Conheça um pouco mais sobre o perfil da joqueta e jóqueis neste link.

Serviços:

Jockey Club de São Paulo

Endereço: Av. Lineu de Paula Machado, 1263 – Cidade Jardim

Telefone: (11) 2161-8300

Site: www.jockeysp.com.br

Por Jockey Club de São Paulo 

Fotos: Divulgação/JCSP/Porfírio Menezes

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Corrida

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento autoriza Jockeys Clubs a promoverem Corridas com apostas

Instituições têm 90 dias para se adequarem à nova legislação e promoverem Corridas com captação de apostas

Publicado

⠀em

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) aprovou neste mês (dezembro) o Código Nacional de Corridas (CNA), permitindo a exploração de apostas pelos Jockeys Club nas Corridas de cavalos.

Provas rasas, com ou sem obstáculos e de trote, poderão ou não serem promovidas através das apostas em todo o país, através das entidades turfísticas (Jockeys Clubs), possibilitando um aumento nas receitas das instituições.

Promovido atualmente apenas por sites internacionais, as novas determinações do Ministério da Agricultura dão a oportunidade aos Jockeys Clubs de todo o país de monetizarem e agregarem receitas às Corridas que acontecem nas pistas brasileiras.

Apenas as entidades registradas e autorizadas pelo MAPA poderão organizar páreos com captação de apostas, seguindo todas as regras e determinações legais de segurança e saúde dos animais.

Data para a libertação das Corridas com apostas

As novas determinações da Portaria nº 526 de 07 de dezembro de 2022 entram em vigor em 90 dias após a publicação (realizada no dia 08 de dezembro de 2022) e dá o tempo útil para os Jockeys Clubs se adequarem as novas regras.

A novidade deve animar o setor, tornando mais acessível aos brasileiros a modalidade de apostas em páreos de cavalos, incentivando ainda mais o setor esportivo e criações de cavalos.

Por Matheus Oliveira . Redação Cavalus

Fotos: Pixabay

Leia mais notícias sobre Corridas aqui.

Continue lendo

Cavalo Árabe

Cavalo Árabe bate recorde nos 1.400m da pista de grama do Jockey Club de SP

O animal VG RAJ AL MARED, do Haras Bluegrass, foi responsável pelo recorde – entre os páreos exclusivos da raça – com o tempo de 1:34.280, durante o Prêmio Paulo Jamil Saliba

Publicado

⠀em

Em uma corrida exclusiva para animais da raça árabe, realizada no Jockey Club de São Paulo, um cavalo Árabe bateu mais um recorde. Desta vez, foi nos 1.400m da pista de grama. O recorde entre os páreos da raça aconteceu durante o Prêmio Paulo Jamil Saliba, realizado na última sexta-feira (18/11), que reuniu nove exemplares machos e fêmeas da raça, de 3 anos ou mais, já ganhadores, valendo bolsa de R$ 3 mil de premiação.

Com nove corpos de diferença do segundo colocado, no tempo de 1:34.280, VG RAJ AL MARED (MARED AL SAHRA x DAUGHTER OF JUST) cruzou em primeiro a faixa final, batendo o recorde nos 1.400m da pista de grama em corridas exclusivas de animais da raça Árabe. O animal foi conduzido durante a corrida pela joqueta Jeane Alves, atual líder das estatísticas no hipódromo de Cidade Jardim, que soube extrair o melhor do cavalo mesmo após largar mal.

VG RAJ AL MARED é de criação e propriedade do Haras Bluegrass, de Sorocaba (SP). “Tem uma equipe muito grande por trás desta vitória VG RAJ AL MARED”, explica um dos titulares do criatório, Caio Vaz Guimarães. “Tem o Thiago Haidar, treinador dele, que temos muita confiança. Tem o trabalho em conjunto com o Dr. Henrique Garcia, o veterinário, e também da joqueta Jeane Alves que conduz o RAJ da melhor forma possível, que tem uma interação muito boa com ele e sempre sabe extrair o melhor que ele tem para oferecer”.

Caio ainda conta que o VG RAJ AL MARED é um cavalo que eles, do Haras Bluegrass, sempre acreditaram no potencial, desde potrinho, mas que o recorde foi surpreendente. “A gente sempre vai para as provas esperando o melhor dele, mas bater o recorde foi algo além. Ficamos extremamente felizes e realizados com esse feito. Agora a gente torce e trabalha para que outros recordes sejam quebrados, que outras vitórias venham”, pontua.

Agora, VG RAJ AL MARED soma duas vitórias no Jockey Club de São Paulo. Anteriormente, venceu a Qatar Racing & Equestrian Club For Maiden Horses, realizado no mês de agosto deste ano. Na ocasião, o animal venceu com 24 corpos de vantagem do segundo colocado.

Veja o replay do páreo:

Por fim, vale mencionar que o prêmio – promovido pelo próprio Jockey Club de São Paulo com apoio da Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA) – recebeu o nome de um grande incentivador do Cavalo Árabe de Corrida. Trata-se de Paulo Jamil Saliba, do Rach Stud, um dos principais criatórios da raça no país.

Confira a colocação final do Prêmio Paulo Jamil Saliba de cavalo Árabe:

1º: VG RAJ AL MARED e JEANE ALVES

2º: OBSTINADO RACH e F.LARROQUE

3º: RG EL BAK e R.VIANA

4º: VENERADDO RACH e O.PEREIRA FILHO         

5º: GUNTHER RACH e R.MENDONÇA

6º: TÁBITA RACH e A.MESQUITA            

7º: COMMITMENT RACH e D.F.SILVA Ap3

8º: NAIZZA RACH e W.ARIEL

9º GWAN AJR e L.HENRIQUES

Por Natalia de Oliveira . Agência Cavalus

Fotos: Porfírio Menezes/JCSP

Leia mais notícias sobre o cavalo Árabe aqui.

Continue lendo

Corrida

Prêmio Tábita Rach agita a pista de areia do Jockey Club de São Paulo

Publicado

⠀em

Prêmio Tábita Rach agita a pista de areia do Jockey Club de São Paulo

Exemplares da raça Árabe se enfrentaram no último sábado (05/11) em disputa válida pelo Prêmio Tábita Rach, realizada na pista de areia do Jockey Club de São Paulo. Participaram do páreo seis animais da raça, entre machos e fêmeas de 3 anos ou mais, sem vitórias.

No tempo de 1:28.057, COMMITMENT RACH, conduzido pelo jóquei I.SILVA, cruzou em primeiro a faixa final, com 3/4 corpos de diferença do animal segundo colocado, NORMANDIA RACH. A disputa do páreo foi acirrada, com os animais revezando na ponteira, tanto que o animal vencedor assumiu a primeira colocação nos 350 metros finais. 

De criação do RACH STUD e arrendado para o STUD LUQUINHA DO VOVÔ, COMMITMENT RACH (SALADDINNO RACH e COMITIA RACH) foi treinado para o Prêmio Tábita Rach por J.C. Ribeiro. O páreo – promovido pelo Jockey Club de São Paulo com apoio da Associação Brasileira dos Criadores de Cavalo Árabe (ABCCA) – distribuiu uma bolsa de R$ 5.600 de premiação.

Ricardo Saliba, do Rach Stud, conta que, anteriormente, COMMITMENT RACH participava de provas de Três Tambores e que, inclusive, já tinha conquistado prêmios nesta modalidade. “Agora ele passou para as etapas das corridas, essa foi a quarta ou quinta corrida dele, correu bem e ganhou. Ele faz parte do nosso programa de consignação de cavalos, e é o primeiro filho do SALADDINNO RACH que ganha uma corrida e ele tem na linha materna o EKSORT RACH, que é líder deste ano de produção”, finaliza.

Confira o replay do páreo:

Classificação final do Prêmio Tábita Rach:

1° COMMITMENT RACH e I.SILVA          

2º NORMANDIA RACH e F.LARROQUE

3º FLICKA AJR e G.SANTANA    

4º RG ERA e R.VIANA   

5º MANSOUR MATISSE ACS e V.SOUZA              

6º VIVINA RACH e R.MENDONÇA

Por Natália de Oliveira . Agência Cavalus

Fotos: Divulgação/JCSP/Porfirio Menezes

Leia mais sobre Corridas aqui.

Continue lendo

Corrida

Miss Isao JQM se consagra como Tríplice Coroada na Corrida

Depois de 18 anos, um novo animal consegue ingressar no seleto grupo de animais que venceram o GP São Paulo, GP Brasil e GP Consagração

Publicado

⠀em

Depois de 18 anos, um novo animal consegue ingressar no seleto grupo de animais que venceram o GP São Paulo, GP Brasil e GP Consagração

Miss Isao JQM (MR Jess Perry X Cortona Cartel) acaba de escrever seu nome no seleto grupo de Tríplices Coroados da modalidade de Corrida do Brasil. O feito alcançado pela égua é muito importante, haja vista que o último Tríplice Coroado foi Mogambo Fly VM em 2004. Atualmente, apenas 10 animais integram este seleto grupo.

A conquista se torna ainda mais memorável se você observar o histórico do animal. Miss Isao JQM participou de 10 páreos na temporada e foi campeã em todos. “Foi um feito histórico, muitos profissionais do meio vieram falar comigo após a conquista que dificilmente teremos outro animal Tríplice Coroado tão fora da curva, excepcional, diferenciado como a Miss Isao”, pontuou Marcelo Pardini, narrador de corridas do Jockey Club de Sorocaba.

O retrospecto de Miss Isao JQM é mesmo surpreendente. Para se tornar um Tríplice Coroado, o animal precisa vencer o GP São Paulo, GP Brasil e GP Consagração, ocorridas no Jockey Club de Sorocaba. Cada GP é composto por três provas classificatórias e o animal pode se classificar de acordo com o tempo que ele terminou a prova. E ela não só se classificou, como venceu todos.

Além disso, a égua venceu os páreos mais importantes da temporada: o Brazilian Futurity e o Mega Race, o grande prêmio mais cobiçado.

“Foi maravilhoso, um momento histórico para nós do Haras Jaguaruana e para todo Quarto de Milha de Corrida, toda comunidade do turfe está em festa. Um animal maravilhoso como ela merecia um desfecho desses”, comemorou Pedro Leite Barbizan, um dos proprietários de Miss Isao.

“Alguns dizem que Miss Isao JQM é o melhor exemplar de corrida que já surgiu, haja vista a campanha que ela realizou”, afirmou Pardini.

Fruto de um cruzamento não desejado

Segundo Barbizan, este não era um cruzamento desejado por ele, pois não gostava de Mr Jess como garanhão e sim como avô. “Conheci uma pessoa, infelizmente já falecida, Jamil Name, através do Gildo Leite. E ele era apaixonado na mãe dela, chegou a perguntar se venderia, mas na época eu não tinha essa intenção. Então ele falou ‘você tem que cobrir ela com o Mr Jess Perry, é o cruzamento ideal’. Num primeiro momento, não gostei muito da ideia, pois não gosto muito desse garanhão como pai, mas sim como avô materno. Ainda assim, ele continuou insistindo nas pouquíssimas vezes que conversamos até que um dia ele falou ‘me vende uma barriga dela que eu vou fazer um embrião com o Mr Jess Perry e você também vai fazer um’. E assim fizemos dois embriões dele com a Cortona Cartel que resultou num dos maiores fenômenos da atualidade Miss Isao JQM. Uma ironia do destino”, relembra.

Miss Isao JQM não se mostrava um animal diferenciado, “aliás era bem dentro do normal, a não ser pelo pedigree”, afirma Barbizan, mas após o primeiro treino marcado com cronômetro, junto do seu treinador M M Tavares, eles observaram que ela era diferenciada.

“Depois do primeiro treino marcado, no qual vimos que o potencial dela era muito grande, resolvemos colocá-la pra correr a maior corrida do ano, o GP Brazilian Futurity. Na verdade, ela foi nos mostrando o caminho a ser percorrido. Estava sempre muito bem sem nenhuma intercorrência relevante, então íamos para a próxima classificatória e final, assim sucessivamente, até a consagração e décima vitória consecutiva”, comenta Barbizan.

Futuro nos Estados Unidos

Antes da conquista da Tríplice Coroa, Pedro Leite Barbizan resolveu vender 50% de Miss Isao JQM, visando dividir a responsabilidade sobre o futuro dela. “E acabou que o Haras Maria Clara entendeu o projeto que tínhamos para ela e fomos amadurecendo juntos a ideia de levá-la para os Estados Unidos. A princípio, o plano era levá-la pra cobrir com os melhores garanhões do mundo e dar início a sua vida reprodutiva. Conversando com o treinador e com os novos sócios Moisés e Fernanda, aventamos a possibilidade de ela, terminando a carreira de atleta no Brasil e estando bem fisicamente, tentarmos fazer a carreira de atleta lá também. E esse está sendo o plano atual”, afirma.

Os proprietários de Miss Isao JQM já realizaram o registro dela junto à American Quarter Horse Association (AQHA) e já estão preparando os exames necessários e a quarentena. “Estou vendo os possíveis trajetos e datas para que o clima não seja um problema tão grande na sua chegada. Provavelmente ela deva correr depois do meio do ano de 2023, que é o tempo necessário para aclimatação e treinamento, mas ainda não sabemos a corrida exatamente, o que sabemos é que ela vai correr no hipódromo de Los Alamitos, em Los Angeles”, finaliza.

Por: Camila Pedroso . Redação Cavalus

Fotos: Jacky Silva

Leia mais sobre Corridas aqui.

Continue lendo

Corrida

Bolsonaro Corona HM se destaca no principal páreo do Jockey Club de Sorocaba

Tarde de sábado (24) reuniu seis páreos, destes três GPs classificatórios para o GP Consagração III Tríplice Coroa

Publicado

⠀em

Bolsonaro Corona HM se destaca no principal páreo do Jockey Club de Sorocaba

A 15ª reunião do Jockey Club de Sorocaba foi realizada neste sábado (24), com a disputa de seis páreos: GP Taça de Prata, GP Nordeste, Páreo Jarbas Leonel Bertolli, e três páreos do GP Consagração III Tríplice Coroa.

No páreo mais importante da tarde, o GP Taça de Prata, contou com seis conjuntos em disputa da bolsa de R$ 36 mil, em prova com 301 metros. Em uma prova acirrada, Bolsonaro Corona HM (The Corona x Sapatilha Gold, Gold Medal Jess) de criação e propriedade do Haras Weisheimer chegou na frente com a marca de 1s.875s (AA-81). O animal foi guiado por J Santana e treinado por V A Souza.

Kalimera Famous, com o tempo de 16s921 chegou em segundo lugar; seguida por Corona Quimera JNN, com o tempo de 16.947s; Teller By Six HFSJ, com 16s975; Good Lake HFSJ com 17s030s e Sharapova Gold com 17s071.

Páreo Jarbas Leonel Bertolli

Outro páreo que movimentou o Jockey Club de Sorocaba foi Páreo Jarbas Leonel Bertolli, de 301 metros e bolsa de R$ 8.700,00. Dos cinco animais que entraram na disputa, o grande vencedor foi Agente Eagle MRL (Grand Eagle Azz x Two Sick To Fly, Strawfly Special) de criação e propriedade do Haras Portofino.

O animal cruzou a linha de chegada com o tempo de 16s853, com o jóquei D Oliveira na condução. J Tavares é o seu treinador.

Agente Eagle MRL foi seguido por Power For Me PK com 16s921; Capitão Gold Jess com 17s004; Taylor Senator STM com 17s014 e Corona Kiss HJS com 17s182s.

GP Nordeste

Poesia For Me MV foi a grande vencedora do páreo GP Nordeste, também realizado na tarde de sábado. A prova com 301 metros e bolsa de R$ 48 mil foi destinada à animais de criação nordestina e foi disputada por três animais: Iago Lake HRZ (Granite Lake x Hustled, Feature Mr Jess) de criação do Rancho Horizonte; Girona For Me RMB (Corona For Me x Electra Ease, Holland Ease) de Raniery Mazzili Moreira e Poesia For Me MV (Corona For Me x Poesia Appeals MV, Tres Seis) do Haras Monte Verde.

Poesia For Me cruzou a linha de chegada com o tempo de 16s758, com J J Medina na sela e treinamento de A J Macedo. Iago Lake HRZ terminou em segundo e Girona For Me RMB em terceiro.

GP Consagração

Última prova classificatória da Tríplice Coroa, o GP Consagração, de 402 metros e R$ 100 mil de bolsa, reuniu em três páreos, 11 animais inscritos.

Miss Isao JQM, que já havia vencido as duas primeiras provas venceu mais uma. A égua do Haras Jaguaruana e Haras Maria Claram, com C Medina na condução e M M Tavares no treinamento, venceu com a marca de 21s830s, seguida de Downtown Verde.

A estreante Royal Wagon SV (Granite Lake x Evelina Wagon HRZ, PYC Paint Your Wagon), de criação de Petraccone Braga Ribeiro e propriedade do Stud K & P., com sela de V A Barros e A Artemam no preparo, foi a grande campeã do segundo páreo, seguido por Medelin Cartel FJM (Granite Lake x Gold Cartel, Gold Medal Jess), que conquistou a vaga na final por tempo.

Finalizando os páreos, Presidente Eagle MRL (Grand Eagle Azz x White Zoom, Shazoom) de criação e propriedade do Haras Portofino, V Barros na condução e treinamento de M O Artemam, foi o grande campeão com o tempo de 21s830, mesmo tempo de Miss Isaq JQM. Em segundo lugar cruzou Dexter Verde (Get Down Perry x Yupie Vista, Separatist), seguido por Quintino Senator HWS (Lousiana Senator x Galant Granite, Granite Lake). Ambos se habilitaram para a final por tempo.

Por: Camila Pedroso

Fotos: Jockey Club de Sorocaba

Leia mais sobre Corridas aqui.

Continue lendo