Hipismo

Militares deram início aos esportes hípicos no Brasil

39º Torneio Hípico das Polícias Militares foi realizado no Regimento 9 de Julho da Cavalaria

Publicado

⠀em

A tradição dos militares no hipismo vem de longa data e deu origem aos esportes hípicos no Brasil. Pioneira no país, a modalidade de Salto teve sua primeira competição em abril de 1641 com a realização do “Torneio de Cavalaria”, em Mauricea, hoje a cidade de Recife (PE).

Depois desta iniciativa, passaram-se 222 anos até o início da oficialização dos esportes equestres clássicos no Brasil, realizado em 1863 com a criação da Escola de Equitação do Exército de São Cristóvão, atual Centro Hípico do Comando Militar do Leste, no Rio de Janeiro (RJ).

Praticado pelas elites do eixo Rio-São Paulo, o esporte ganhou novo impulso com a criação, no Rio de Janeiro, da Federação Brasileira de Hipismo em 1935, que inspirou a criação da Confederação Brasileira de Hipismo (CBH) em 1941.

A primeira participação de cavaleiros brasileiros no exterior foi em 1942 no Chile. Um salto maior para o esporte foi dado em 1948, quando o Brasil mandou uma equipe para as Olimpíadas de Londres, Inglaterra, 100% formada por militares.

39º Torneio Hípico das Polícias Militares

Depois de uma pausa de dois anos devido à pandemia, o 39º Torneio Hípico das Polícias Militares , foi realizado entre os dias 6 e 8/10, no Regimento 9 de Julho da Cavalaria.

O evento foi aberto com a presença de autoridades civis e militares, que acompanharam a apresentação do “Carrossel” de cavaleiros, com mais de 50 conjuntos fazendo movimentos da equitação sincronizados.

Durante os três dias de provas, de 0.80, 1, 1.10, 1.20 e 1.30m, com participação de PMs de todo país, Exército e cavaleiros e amazonas civis, também aconteceram atividades paralelas, marcando o reencontro de diversas gerações da corporação desde os anos 70 até os dias de hoje.

Em pista, os cavalos da Polícia Militar, a maioria da raça Brasileiro de Hipismo (BH), mostraram que, além do patrulhamento nas ruas, são bons para o esporte em diversas categorias.

Coincidentemente, no mesmo final de semana da competição, uma equipe defendeu o Brasil Militar no Mundial 2022 em Fontainebleau, na França, conquistando a 5ª colocação.  

Por Assessoria de Imprensa

Fotos: Ortis

Leia mais sobre Hipismo aqui

WordPress Ads
WordPress Ads