Polo

Polo tem como destaque a sintonia de um jogo por equipes a cavalo

Referências de historiadores levam a crer que a origem desse esporte foi no ano 600 antes de Cristo, com os cavaleiros da Ásia Central e China

Publicado

⠀em

O Polo é um jogo por equipes a cavalo. Cada time tem quatro jogadores que se enfrenta golpeando uma pequena bola de plástico ou madeira. Além dos animais, a outra ferramenta principal característica é um taco longo para cada jogador. O objetivo do esporte é o de marcar gols contra a equipe adversária.

De acordo com historiadores, o Polo tem suas primeiras impressões no ano 600 antes de Cristo, com os cavaleiros da Ásia Central e China. Bem mais rudimentares do que pratica-se hoje nesse jogo por equipes a cavalo. As versões para o nascimento do Polo variam ao sabor de poemas, lendas e algumas gravuras.

Por exemplo, mostram o Tibete e seus caçadores a cavalo, com bastões, atrás de um rato almiscarado. Outros registros apontam para a singular importância da prática na China. Por lá acrescentaram um taco ao brasão da dinastia Tsang. Diz-se ainda que da China passou para o Japão, desenvolvido em um tipo diferente de atividades entre famílias reais.

Como os relatos não são precisos, há outra vertente que indica a posse e o desenvolvimento do jogo por parte dos persas, introduzindo-o no Egito, Grécia e Norte da Índia. O Polo aparecia como passatempo nobre, jogado por sultões, xás, imperadores e califas. E, ao mesmo tempo, diferenciava os bravos guerreiros e os caçadores habilidosos.

De volta aos tibetanos e indianos, a partir do Século 17, eles mudaram algumas regras chamando o jogo por equipes a cavalo de Pulu. Usavam uma bola feita de raiz que levava o mesmo nome. Daí a denominação atual de Polo. Na Índia, todos jogavam e cada aldeia tinha seu campo. Às vezes era jogado na rua central da vila.

O Polo é um jogo por equipes a cavalo. Referências de historiadores levam a crer que a origem desse esporte foi no ano 600 antes de Cristo
Origens: jogadores ingleses e indianos por volta do ano 1900

Polo Moderno

Na configuração que conhecemos hoje, o Polo é originário do estado de Manipur, na Índia. Foi lá que militares britânicos fundaram o primeiro time, The Silchar Polo Club, em 1859. Seu criador, o capitão Robert Stewart, ainda tem a alcunha de ‘o pai do Polo moderno’.  Rapidamente o esporte conquistou territórios e adeptos: Malta (1868), Inglaterra (1869), Irlanda (1870), Argentina (1872). E ainda Austrália (1874) e Estados Unidos-Nova York (1876). Em solo brasileiro, os primeiros relatos da modalidade datam da década de 1920. Influencia inglesa no RS, PR, RJ e SP.

O primeiro jogo oficial da modalidade aconteceu na Inglaterra (1873). Terra de Reis e Rainhas. Talvez fosse o destino que se tornasse um esporte envolto ao glamour. No passado, passatempo entre nobres, califas, sultões e imperadores. E no presente, considerado um jogo de ricos. Em primeiro lugar, o jogador precisa de mais de um bom cavalo por partida, elevando o custo.

Todos os jogadores do Brasil, por exemplo, são milionários. Em filmes, principalmente, quem já não viu cenas de pessoas bem vestidas; mulheres de vestidos pomposos, homens de terno, acompanhado jogos em clubes finos?

Jogo por equipes a cavalo

Os jogos são disputados em tempos de 7min30, denominados chukkers. Ganha quem faz o maior número de gols no adversário. A bola tem oito centímetros de diâmetro, enquanto o taco tem três metros de comprimento. Montados a cavalo, então, e munidos do taco, os jogadores precisam acertar a bola em uma baliza com 7,3 metros de largura.

A medida do campo tem 275x180m e os cavalos utilizados caracterizam-se por ter uma altura que varia entre 1,52 metros e 1,60 metros. As raças que predominam na prática do Polo são o Puro Sangue Inglês ou suas cruzas com raças como Quarto de Milha, Crioulo, Mangalarga, entre outros.

Cada equipe de quatro jogadores tem uma divisão, de acordo com as posições que ocupam no campo de jogo. Os números um e dois são os atacantes; enquanto o número três atua no meio de campo; e por fim o número quatro, defensor. Uma partida tem de quatro a seis tempos.

Trocam os cavalos a cada chukka e só utilizam cada um somente duas vezes por jogo. Os cavalos ficam supervisionados por veterinários e não entram novamente em campo caso a condição física deles não seja favorável. É comum cada equipe ter até 24 cavalos à disposição por jogo.

O fator campo é importante também. Entre os principais itens a serem observados: qualidade do piso (grama); maciez; manutenção (adubo, areia e água). A grama tem que estar seca para o cavalo não escorregar nas curvas, o que exige o cuidado constante. Uma particularidade que o diferencia dos outros esportes é o fato de as equipes terem de mudar de campo, e consequentemente de baliza, a cada gol que marcam. Isto acontece para que ninguém seja beneficiado pelo estado do campo e condições atmosféricas.

O Polo é um jogo por equipes a cavalo. Referências de historiadores levam a crer que a origem desse esporte foi no ano 600 antes de Cristo

Destaques

A Argentina é o país mais importante no cenário do Polo mundial. Na capital, Buenos Aires, acontece o principal campeonato da modalidade, o Open de Palermo. Campeonato que concentra anualmente a elite dos times do mundo. Todas as partidas acontecem no Campo Argentino de Polo, no bairro de Palermo. Aliás, um dos melhores do mundo para a prática.

No Brasil, portanto, a prática do esporte de forma intensa se concentra na região de Indaiatuba/SP. Destaque para o campo do Helvetia Polo Country Club. Além dos 11 campos do clube, há cerca de 20 campos particulares nos arredores.

Outros campos famosos por aqui: Fazenda Boa Vista, em Porto Feliz/SP; Itanhangá Golf Club, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Há um campeonato brasileiro e um campeonato paulista de Polo, que reúnem os melhores em atividade. Atualmente o Polo é praticado com regularidade em mais de 50 países.

Assim, entre as celebridades que praticam o Polo, Ricardo Mansur Filho, conhecido na comunidade pelo apelido de Rico; Fábio Diniz, filho de Arnaldo Diniz, um dos irmãos do controlador do Grupo Pão de Açúcar, Abílio Diniz; William e Harry, filhos do Príncipe Charlles da Inglaterra; o ator Sylvester Stallone; entre outros.

Regida internacionalmente pela Federação Internacional de Polo, no Brasil a modalidade tem a representatividade da Confederação Brasileira de Polo.

Fonte: Forbes, PortalSãoFrancisco, CBPolo, Culturamix
Crédito das fotos: Karina Mc Mullan, Itanhangá Golf Clube, Argentine Polo Association

Veja mais notícias do Esporte Equestre no portal Cavalus

Polo

Guabi Polo conquista título do Campeonato Brasileiro 16 gols

Publicado

⠀em

Equipe derrotou Hípica Polo após gol de ouro de Gustavo Toledo

A equipe Guabi Polo (foto) conquistou o título do Campeonato Brasileiro de Polo 2019 no Handcap  16 gols. A final aconteceu sábado, 7 de setembro, e a formação derrotou Hípica Polo pelo placar de 11 a 10. A decisão só chegou no tempo suplementário, com o gol de ouro, que deu a taça para a equipe vencedora.

Na decisão, Hípica Polo começou melhor e abriu 4 a 1 nas duas primeiras parciais, com destaque para Willian Rodrigues, autor de três gols. No chukker seguinte, Hípica abriu ainda mais a vantagem, chegando ao intervalo vencendo por 6 a 3. A reação de Guabi Polo começou no quarto tempo. Com gols de Gabriel Pimenta, Gustavo Toledo e Henrique Junqueira, Guabi diminuiu a diferença para 7 a 6.

A parcial seguinte teve dois gols para cada lado, deixando a decisão para o último período. Com um gol de Serginho Figueiredo, para Hípica, e dois gols de Henrique, para Guabi, o jogo foi para o tempo suplementário, empatado por 10 a 10. No chukker extra, Gustavo Toledo anotou o gol de ouro que deu o título para Guabi Polo.

Na premiação, a égua Prenda, jogada por Henrique Junqueira e de propriedade de Paulo Toledo, ficou com a capa de melhor animal. Henrique também levou o prêmio de melhor jogador da partida.

Equipe do São José Polo, campeã do Brasileiro 8 gols

No domingo (8), foi a vez de a equipe São José Polo conquistar seu título do Campeonato Brasileiro de Polo, no Handcap 8 gols, pelo segundo ano consecutivo. Na decisão do torneio, vitória sobre Val Rocha, pelo placar de 11 a 10, também após gol de ouro de Keko Kalil.

A final da competição foi bastante aberta e competitiva. São José Polo começou melhor e abriu a 4 a 1 de vantagem, até a reação de Val Rocha, que virou o placar com gol de Jorge Junqueira e chegou ao intervalo vencendo por 6 a 5. As formações se alternaram na liderança. São José Polo chegou ao último chukker em vantagem de um gol.

Dois gols para Val Rocha (Jorge e Gibi Machado) e um de São José Polo (Gui Kalil) levaram o jogo ao tempo suplementário. No primeiro lance do sétimo tempo, Keko Kalil escapou após o throw-in e anotou o gol de ouro, que deu a vitória por 11 a 10 e o título para o time São José Polo. Keko ficou com o prêmio de melhor jogador e sua égua Beatriz com a capa de melhor animal.

No Handcap 4 gols pelo Campeonato Brasileiro de Polo, o cronograma mudou devido a partidas adiadas por conta da chuva na fase classificatória. O domingo ficou reservado para as semifinais, com as equipes Olhos d’Água e São Pedro vencendo seus jogos e indo para a decisão do título.

Vitor Rodrigues da equipe Olhos D`Água

São Pedro e JJ Polo fizeram a primeira semifinal. São Pedro começou à frente por 0,5, considerando a diferença de handicaps, e logo no primeiro chukker anotou três gols. A equipe conseguiu administrar a vantagem durante boa parte do jogo, contando com as boas atuações de Pietro Poltronieri e Ícaro Silva, até vencer pelo placar de 9,5 a 8.

Depois, foi a vez de Olhos d’Água enfrentar Matinha/Jet Set. A formação Olhos d’Água teve Bruno Donato substituindo Sérgio Cardoso. O jogo foi equilibrado até o intervalo, com os dois times brigando pela liderança. Entre o terceiro e o quarto chukker, Olhos d’Água abriu diferença e venceu por 8 a 5, com destaque para Leandro Rodrigues. Para ver mais conteúdo como esse clique aqui.

Os times Olhos d’Água e São Pedro decidem o Campeonato Brasileiro de Polo 4 gols no próximo sábado (14), ainda sem horário definido, no Helvetia Polo Country Club, local de todo o campeonato. A partida reeditará o confronto da primeira fase, quando Olhos d’Água venceu por 8 a 7,5.

Colaboração: 30jardas
Fotos: Marília Lobo

Continue lendo

Polo

São José Polo é a primeira finalista do Brasileiro 8 gols

Publicado

⠀em

Campeonato Brasileiro da modalidade está acontecendo no Helvetia Polo em Indaiatuba/SP

 A São José Polo (foto) conquistou a primeira vaga na decisão do 63º Campeonato Brasileiro de Polo. A equipe superou Toca do Gato em jogo realizado domingo, 1° de setembro, e vai em busca do bicampeonato do torneio de 8 gols de handicap. Adversária sairá do confronto entre Val Rocha e São Pedro, adiado devido às chuvas.

A fase de semifinal do Brasileiro 8 gols teve início pela manhã com o confronto entre Val Rocha e São Pedro. Disputado no Village 2, a partida seguia bastante equilibrada mas com Val Rocha à frente do placar. Em meados do quarto período, quando a equipe de Matias Rocha vencia por 6 a 4, o jogo foi interrompido pelas chuvas. As equipes voltarão a campo no próximo sábado (7) para o encerramento do encontro.

São José Polo
Jorge Junqueira e Leandro Rodrigues em lance do jogo entre Val Rocha e São Pedro adiado pela chuva

Em seguida no campo do São José Polo a dona da casa enfrentava Toca do Gato em duelo que teve início com o tempo instável. São José começou melhor a partida e chegou ao intervalo vencendo por 8 a 3. Com a boa vantagem no marcador, a equipe da família Kalil passou a administrar o placar e mesmo embaixo de chuva conseguiu fechar a partida com a vitória por 12 a 8.

Devido ao adiamento da primeira semifinal, o Brasileiro 8 gols terá sua final atrasada e será disputada no próximo domingo (8) entre São José Polo e o vencedor do jogo entre Val Rocha e São Pedro. O horário da partida ainda não foi confirmado pela organização.

São José Polo
Marquinhos Santos em ação na vitória de Estância sobre Tigres

A chuva também adiou outras partidas. No sábado (31), a semifinal do torneio de 16 gols de handicap e quartas de final da competição de 4 gols tiveram seus jogos cancelados e reprogramados pelo Helvetia Polo. Agendadas para o Helvetia Village, as quartas de final do Brasileiro 4 gols foram as primeiras a sofrer com o mau tempo na região.

Os confrontos entre Santo Antonio e São Pedro e Jataí diante de Matinha/Jet Set, inicialmente marcados para o domingo (1) foram postergados para o próximo sábado (7) ainda sem campos e horários definidos. Enquanto isso, o Brasileiro 16 gols, que teria a primeira semifinal entre Guabi Polo e Colorado também foi afetada.

São José Polo
CT Água Fria venceu Franca no Brasileiro Feminino

Com as mudanças, a fase decisiva agora terá os duelos entre Hípica Polo e Estância Felicidade disputado na próxima quarta-feira (4) enquanto Guabi e Colorado se enfrentam na quinta-feira (5). No Feminino, as equipes CT Água Fria/Orofino e Santa Fé/Magsul estão na final do Campeonato Brasileiro. As classificações foram confirmadas após a rodada de sábado, que encerrou a primeira fase do torneio.

Colaboração: 30jardas
Fotos: Beto Ribeiro e Marília Lobo

Continue lendo

Polo

Rodada cheia abre Campeonato Brasileiro de Polo 4 e 8 gols

Publicado

⠀em

Oito partidas foram realizadas no Helvetia Polo pelas duas competições

Começou no sábado, 24 de agosto, a 63ª edição do Campeonato Brasileiro de Polo. Oito jogos disputados no Helvetia Polo, em Indaiatuba/SP, movimentaram a primeira rodada nas categorias 4 e 8 gols de handicap. São José Polo, Toca do Gato e São Jorge/Be Green vencem no 8 gols. São José Polo, a equipe da casa, não teve dificuldades para vencer Tio João 98. O placar acabou em 14 a 3 em partida válida pelo grupo B da competição.

Na sequência do dia a equipe Toca do Gato, de Rafael Villela, venceu J.A por 13 a 7 pelo grupo A. Na mesma chave, fechando o dia, São Jorge/Be Green derrotou Val Rocha por 8 a 6. A equipe São Jorge atuou com Vandico Vital no lugar de Xandy Melo (Xandy Melo lesionou a clavícula no duelo entre Tigres e Guabi Polo pelo torneio de 16 gols de handicap).

O equilíbrio foi a tônica nos jogos do 4 gols, com destaque para Matinha/Jet Set. Cinco partidas foram realizadas no mesmo dia pelo Campeonato Brasileiro 4 gols. Os jogos foram equilibrados e sem placares elásticos. A exceção foi a vitória de Matinha/Jet Set, que derrotou Tefisa por 13 a 5 e assumiu a liderança isolada da disputa.

Tom Ferreira em lance da vitória de Toca do Gato sobre J.A

Destaque também para os bons resultados das equipes Santo Antonio e São Joaquim, que conseguiram vencer com três gols de diferença as equipes Jataí (11 a 8) e Polomar (10 a 7), respectivamente. JJ Polo derrotou Cana Verde por 5 a 3,5 e Olhos D`Água venceu de maneira apertada São Pedro por 8 a 7,5.

A segunda rodada do Campeonato Brasileiro 4 e 8 gols continuaram no dia seguinte, domingo, 25 de agosto. Sete jogos movimentaram nessas categorias e definiram a classificação das equipes São José Polo e São Pedro às semifinais da edição de 8 gols e das equipes JJ Polo e Olhos D`Água no torneio de 4 gols.

No grupo A do Campeonato Brasileiro 8 gols, muito equilíbrio. Val Rocha se recuperou da derrota na estreia e venceu Toca do Gato por 8 a 7. Na outra partida, J.A também conseguiu a sua primeira vitória, por 12 a 9, sobre a formação São Jorge/Be Green. Com os resultados, a terceira rodada do grupo A será, na prática, uma fase eliminatória. Os vencedores dos confrontos avançam às semifinais.

JJ Polo e Matinha se enfrentaram pelo torneio de 4 gols

Na chave B, o time São Pedro estreou vencendo Tio João 98 por 12 a 6. Assim, as equipes São José Polo e São Pedro estão classificadas às semifinais, e fazem confronto apenas para definir a posição no grupo. Tio João 98 está eliminada. Pelo Campeonato 4 gols, quatro partidas deram continuidade com destaque para Olhos d’Água e JJ Polo, que somaram a sua segunda vitória em jogos contra Polomar (8 a 5) e Matinha/Jet Set (8 a 6), respectivamente.

Garantiram vaga antecipada para, no mínimo, as quartas de final da competição. A rodada ainda teve os bons resultados de Jataí, que venceu Cana Verde pelo placar de 10 a 3,5, e a equipe São Pedro, que derrotou São Joaquim por 7,5 a 7. A categoria 4 gols tem sequência amanhã, quarta-feira, 28 de agosto; enquanto a de 8 gols volta ao campo no sábado, 31 de agosto.

As disputas do Campeonato Brasileiro de Polo 16 gols também tiveram início no final de semana. A rodada inaugural disputada no Helvetia Polo contou com triunfos de Tigres, Colorado e Estância Felicidade. Tigres, com Xandy Melo no lugar de Wolff Klabin, enfrentou Guabi Polo no primeiro jogo da competição, válido pelo grupo A.

Xandy Melo atuou no lugar de Wolff Klabin pela equipe Tigres

Em um duelo bastante equilibrado, Pedrinho Zacharias empatou o jogo restando um segundo para o término. E, no sétimo tempo, também fez o gol de ouro da vitória de Tigres, pelo placar de 9 a 8. Pouco antes do encerramento da partida, Xandy sofreu uma queda e quebrou a clavícula. Na sequência, Colorado e Flamboyant se enfrentaram pelo grupo B.

Colorado vencia por três gols de diferença, quando Flamboyant reagiu e anotou duas vezes. Porém, a equipe de Alexandre Junqueira segurou o resultado e venceu por 10 a 9. Completando a rodada no grupo B, Estância Felicidade, de Guiga Lins e Leandro Rodrigues chegou a liderar a partida por 9 a 4 e acabou confirmando a vitória diante de Sharks/Hot Flowers por 9 a 7.

As equipes Hípica Polo e Guabi Polo venceram na rodada realizada no domingo na categoria 16 gols. Na primeira partida, válida pelo grupo B, Colorado queria a segunda vitória no torneio. Do outro lado estava Hípica Polo, estreando na competição. Em um jogo bastante truncado, o placar permaneceu baixo durante o confronto, com Hípica chegando ao intervalo vencendo por 5 a 3.

Serginho Figueiredo em ação por Hípica Polo

Nos três chukkers restantes, apenas um gol foi marcado, para a equipe Colorado. A equipe de Alexandre Junqueira procurou o empate, mas Hípica Polo conseguiu segurar e vencer por 5 a 4, garantindo seu primeiro bom resultado no campeonato. Guabi Polo e Sharks/Hot Flowers se enfrentaram pelo grupo A, querendo a recuperação após derrotas na primeira rodada.

Os jogos acontecem em campos simultâneos e Guabi abriu vantagem de três gols no quinto chukker, mas sofreu o empate na última parcial em 8 a 8. Restando menos de um minuto, Gustavo Toledo anotou o gol que deu a vitória para Guabi, pelo placar de 9 a 8. Os jogos estão tendo sequência hoje, dia 27 de agosto.

Colaboração: 30jardas
Fotos: Marília Lobo

Continue lendo