A fivela mais almejada do rodeio fez update e novos campeões agora a ostentam em seu cinto

As finais do 26º Barretos International Rodeo aconteceram nesse domingo, 26 de agosto, encerando a Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos 2018, que começou dia 16 e teve sua intensa programação como é de costume. Com a #BarretosÉShow, mais de um milhão de pessoas passaram pelo Parque do Peão e Estádio de Rodeios e deixaram suas marcas.

A programação tem esporte, com provas realizadas nas modalidades Touro, Cavalo (Cutiano, Bareback e Sela Americana), Três Tambores e Team Penning. Mas o visitante pôde acompanhar diversas outras atrações, como o Rancho do Peãozinho, com uma programação especial voltada para as crianças.

Houve também espaço para cultura sertaneja, com o tradicional concurso Violeira Rose Abraão e o concurso Queima do Alho, no Ponto de Pouso. Os palcos – principal, Amanhecer e Culturando – apresentaram mais de 100 shows com os nomes mais badalados da música pop e sertaneja. O maior deles, a diva country Shania Twain encantou a todos.

Gusttavo Lima gravou seu DVD na arena de Barretos, fez seis horas de show, que terminou 10h da manhã de domingo

Além do Museu do Peão e a da Feira Comercial que oferece alimentação, produtos e serviços dos mais variados, quem foi a Barretos nesse período também curtiu as festas particulares nos ranchos e contou com muito, mas muito entretenimento.

Durante entrevista coletiva, o presidente Ricardo Rocha declarou que o evento superou todas as expectativas. “Posso dizer que este ano conseguimos um casamento perfeito entre shows e rodeio. Realizamos o sonho de 23 anos ao receber aqui a estrela internacional Shania Twain, com certeza o ponto alto da nossa programação com casa cheia e ingressos esgotados. No rodeio entregamos aos competidores a premiação que eles merecem, somando quase R$ 1 milhão em prêmios”.

Mas chega de blá blá blá e vamos conhecer quem foram os campeões que agora ostentam no cinto a fivela mais disputada e desejada! No primeiro final de semana, já tivemos os campeões do Interestadual e da Copa Barretos. No meio da semana foram definidos os vencedores da Taça Independentes. Domingo foi a vez dos títulos do Barretos International, Liga Nacional de Rodeio e classificados para o The American.

Touro

Encerrando as competições esportivas do Barretão 2018, o campeão do Rodeio Internacional foi Rafael Ribeiro, de Murutinga do Sul/SP. Ao somar 433,25 pontos, o novo dono da fivela mais cobiçada ganhou de prêmio uma caminhonete RAM 2500 no valor de R$ 250 mil. A vitória valeu também para o título brasileiro, homologado pela CNAR.

Ele selou sua vitória com uma montaria de 91,25 pontos a bordo do Gira Mundo (Tércio Miranda). O vencedor declarou ter realizado um sonho de infância. “Um dia na minha na infância, desejei ser o campeão em Barretos e hoje estou realizando este sonho”, disse o campeão invicto. Ele chegou à final em terceiro lugar na classificação geral.

Rafael Ribeiro ganhou o prêmio máximo

No sábado, foram definidos os campeões da Liga Nacional de Rodeio, e o favorito Kenny Roger de Oliveira, de Pereira Barreto/SP, ficou com o título. Pela vitória, também é dele uma vaga para a semifinal do The American, em fevereiro do ano que vem, nos Estados Unidos.

Três Tambores

O conjunto formado pela amazona Viviane Gratão Carneiro Netto e pela égua Linda Dry Jiggs BB, de Catalão/GO, conquistou seu primeiro título nessa competição. A competidora, que disputa o rodeio de Barretos há seis anos, acumulou o tempo total de 51s606. Ela, que é a atual campeã Nacional ANTT, recebeu a fivela e o prêmio de R$ 15 mil.

Viviane Gratão

Vivi já tinha chegado perto da vitória, com o vice-campeonato em 2016. “É a realização de um sonho, Barretos é o maior título. Eu pretendo competir até os meus 90 anos”, afirmou a campeã. Na categoria 2D, o título da prova de Três Tambores ficou com Ana Laura Savini Gomes, de Botucatu/SP. Na classificação final, a competidora somou 53s902.

Ana Laura Savini Gomes

O recorde da pista, que havia sido quebrado na quinta a noite pela competidora Rafaela Slaviero – 16s999, o primeiro tempo na casa dos 16 segundos do Rodeio de Barretos – foi derrubado mais duas vezes na final de domingo. Viviane Gratão selou sua vitória com um 16s927. Aí depois veio Ana Carolina Cardozo marcando 16s827 para voltar para casa como a nova recordista de Barretos. Todos os tempos encontram-se no SGP Sistema.

Cutiano

O piracicabano Ari Piovezan Júnior sagrou-se campeão do estilo Cutiano ao parar no animal Corumbá (Sky Ranch/Zé Ricardo). Sua nota, 88,50 pontos, somou com as demais montarias realizadas durante a semana, e ele acumulou 264,75 pontos. A premiação foi uma caminhonete Fiat Toro no valor de R$ 150 mil. “Para mim foi uma emoção muito grande. É o rodeio que todo mundo quer participar, é o maior rodeio do Estado de São Paulo e do Brasil inteiro, todo mundo quer participar”, afirmou.

Ari Piovezan Júnior

Bareback Riding

Teve tetracampeão nessa modalidade. O competidor Eduardo ‘Ringo’ de Mello, de São José do Rio Preto/SP, confirmou o favoritismo e conquistou sua quarta fivela em Barretos. Ele superou outros quatro concorrentes e venceu ao somar 158 pontos na classificação geral. Sua montaria da final foi Bad Baby (Prohorse), que lhe deu a nota 80,00 pontos. “É a quarta vez que sou campeão em Barretos, e considero que esse título veio devido a qualidade dos pulos que me ajudaram a conquistar o quarto título de Barretos”, afirmou Ringo.

Eduardo Ringo

Sela Americana

O mexicano Louis Aguirre conquistou o título de campeão na montaria em cavalos, estilo Sela Americana. Mantendo o histórico de bons desempenhos nas montarias anteriores, montou Yellow Baby (Prohorse) e conquistou a nota de 81 pontos, acumulando 153,25 na classificação geral. “É a minha primeira vez aqui em Barretos e tinha esse rodeio como uma meta por ser um dos maiores do mundo. Me senti em casa, competindo aqui e se trata de um sonho realizado”, afirmou.

Rodeio de Barretos
Louis Aguirre

Team Penning

O trio formado por Luiz Pignanelli Jr, de Guaíra/SP, Antônio Gumiero, de Ribeirão Preto/SP, e João Scatolin, de Indiaporã/SP, conquistou o título de campeões na disputa do Team Penning. Eles tinham marcado o recorde da pista na classificatória do primeiro final de semana e estavam entre os favoritos. A soma total de tempos deles foi 78s065. Para Junior e Scatolin, foi o primeiro título, já para Gumiero, essa foi a quinta vez que ganhou Barretos: “É muito bom ganhar toda vez, principalmente, aqui no Barretão”.

Rodeio de Barretos
Scatolin, Gumiero e Junior Ferreira

A novidade para esse ano foi a inclusão da categoria Amador nessa modalidade. O título ficou com o trio formado por José Mário de Castro Bernabe, de Frutal/MG, Iuly Assis de Lima Bernabe, de Iturama/MG, e Alisson Azevedo Gouveia, de São José do Rio Preto/SP. Os campeões, que receberam o prêmio de R$ 15 mil, completaram a prova ao acumular o tempo de 84s194.

Rodeio Junior

Pela primeira vez, um competidor foi bicampeão do Rodeio Junior em Barretos. Leandro José Zampollo, 17 anos, de Pirassununga/SP, venceu ano passado, e como a regra diz que os atletas podem montar por dois anos nessa categoria (para jovens de 16 e 17 anos), ele voltou e conquistou sua segunda fivela. Leandro somou 309,50 pontos. “Estou muito feliz com mais este título. Quero oferecer o título ao meu pai, meu amigo, minha mãe e todos os demais competidores que estavam lutando também por esse objetivo”, declarou emocionado o campeão.

Rodeio de Barretos
Leandro José Zampollo

Montaria em Carneiro

Mateus Scatolin, 7 anos, de Piracicaba/SP, foi o campeão do projeto ‘Cowboys do Futuro’ durante a 63ª edição da Festa do Peão de Barretos. A segunda colocação ficou com Felipe Junqueira Vaz Almeida, 7 anos, de Jussara/GO. Já com os títulos em mãos, os destaques da prova esse ano fizeram uma demonstração na arena principal no domingo a tarde.

Rodeio de Barretos
Mateus Scatolin

Desafio do Amor

Outro destaque ficou para o Desafio do Amor, em prol do Hospital de Amor de Barretos (novo nome do Hospital de Câncer), que reuniu o veterano competidor dos rodeios Tião Procópio, 60 anos, e o touro Whatsapp, com a apresentação do locutor Gleidson Rodrigues. O touro venceu o desafio e após se recuperar da queda, Tião Procópio voltou a arena com o presidente da Fundação Pio XII, Henrique Prata, para agradecer a todos que colaboraram.

Despedida

Outro momento de grande emoção para o rodeio foi a despedida de Guilherme Marchi, campeão mundial de montarias em touro em 2008, que falou sobre sua aposentadoria. Foi exibido um vídeo sobre sua trajetória vitoriosa nas arenas do Brasil e do mundo que emocionou o público e também os profissionais do esporte. Guilherme foi reverenciado na arena de rodeio e aplaudido de pé.

Para o ano que vem as emoções de Barretos já tem data: 15 a 25 de agosto de 2019! Confira mais, inclusive os resultados completos do rodeio, no www.independentes.com.br.

Por Luciana Omena
Fotos: André Monteiro/Independentes

Escreva um comentário