Foram ofertados mais de cem mil reais em prêmios nas três etapas já realizadas até aqui

Campeonato que foi criado esse ano, visando fomentar a região de Jundiaí, Campinas, Itatiba, chegou a sua terceira etapa. O 1° Campeonato Sudoeste de Laço em Dupla foi novamente realizado no Rancho Mombuca, em Itatiba/SP. Um sucesso atrás do outro! É assim que os idealizadores e organizadores João Duprat, do Rancho Mombuca, e Miguel Zambon, da MZ Eventos Equestres, avaliam o campeonato até agora.

Da primeira para a terceira, os números só cresceram. Segundo foi apurado, 92 laçadores comparecem na etapa mais recente e foram pagos R$ 38 mil para todas as categorias. Também foi registrado recorde de público, o que é bem interessante. Esse sucesso se dá não só pelo local, que é uma das melhores estruturas hoje para provas equestres, com pista coberta, mas também pelo formato da prova.

Abertura
Pódio Soma #4

Do arrecadado no total de inscrições, 30% é retido pela organização, para custos e premiação da final, e o restante vai para a premiação da etapa, divididos em porcentagem previamente divulgada. Então, quanto mais inscrições tiver, maior será o prêmio. O pessoal já percebeu isso. A região é um celeiro de bons cavalos e competidores no Team Roping e estavam precisando de um reforço desse.

“Está surpreendendo! A cada etapa, estão vindo mais pessoas e sentimos que com esse campeonato, da para fazer provas com excelente premiações a um custo mais baixo de inscrições. Principalmente, mantendo horário. Nenhuma das etapas acabou após as 20h. O pessoal está cada vez mais empolgado e acompanhando o ranking, participando mais e vindo nas etapas”, contou Miguel Zambon.

Pódio Soma #7
Pódio Soma #12

Horário é outro fator bacana desse campeonato, como frisou Miguel. As inscrições são limitadas por laçador para cada categoria, portanto, não corre o risco da prova entrar madrugada a dentro. Conseguir organizar bem dessa forma é uma maneira de atrair mais pessoas para o evento. “Campeonato vem crescendo muito, acompanhamos provas em diversas regiões, então estamos muito contentes”, completou.

Campeões: soma #2 e #4 – Felipe Biazotto e Cesar Polete – 6s83 de média; soma #6 e #7 – Netinho São Carlos e Kinho Araújo RW – 5s54 de média; soma #12 – Juninho Positel e Kinho Araújo RW – 6s11 de média. Resultados completos e ranking, clique aqui. A cada prova, são premiados os laçadores nas três categorias, premiação por etapa, e ainda está programada uma premiação final para o Melhor Cabeceiro e Melhor Peseiro de cada Somatória.

Foto: WTR

Além disso, todos os ganhos são somados para um ranking geral, Best Roper, e haverá uma premiação extra para o Melhor Laçador no geral. Jo Rio, com R$ 12.549,00 manteve a liderança. Kinho Araújo chegou para segundo lugar e tem R$ 10.085,00. A próxima etapa será em novembro, ainda sem data definida, quarta etapa e final. 

Por Luciana Omena
Fotos: Cedidas

Escreva um comentário