Team Roping

Laço em Dupla pelo CSLD vem surpreendendo os organizadores

Foram ofertados mais de cem mil reais em prêmios nas três etapas já realizadas até aqui

Campeonato que foi criado esse ano, visando fomentar a região de Jundiaí, Campinas, Itatiba, chegou a sua terceira etapa. O 1° Campeonato Sudoeste de Laço em Dupla foi novamente realizado no Rancho Mombuca, em Itatiba/SP. Um sucesso atrás do outro! É assim que os idealizadores e organizadores João Duprat, do Rancho Mombuca, e Miguel Zambon, da MZ Eventos Equestres, avaliam o campeonato até agora.

Da primeira para a terceira, os números só cresceram. Segundo foi apurado, 92 laçadores comparecem na etapa mais recente e foram pagos R$ 38 mil para todas as categorias. Também foi registrado recorde de público, o que é bem interessante. Esse sucesso se dá não só pelo local, que é uma das melhores estruturas hoje para provas equestres, com pista coberta, mas também pelo formato da prova.

Abertura
Pódio Soma #4

Do arrecadado no total de inscrições, 30% é retido pela organização, para custos e premiação da final, e o restante vai para a premiação da etapa, divididos em porcentagem previamente divulgada. Então, quanto mais inscrições tiver, maior será o prêmio. O pessoal já percebeu isso. A região é um celeiro de bons cavalos e competidores no Team Roping e estavam precisando de um reforço desse.

“Está surpreendendo! A cada etapa, estão vindo mais pessoas e sentimos que com esse campeonato, da para fazer provas com excelente premiações a um custo mais baixo de inscrições. Principalmente, mantendo horário. Nenhuma das etapas acabou após as 20h. O pessoal está cada vez mais empolgado e acompanhando o ranking, participando mais e vindo nas etapas”, contou Miguel Zambon.

Pódio Soma #7
Pódio Soma #12

Horário é outro fator bacana desse campeonato, como frisou Miguel. As inscrições são limitadas por laçador para cada categoria, portanto, não corre o risco da prova entrar madrugada a dentro. Conseguir organizar bem dessa forma é uma maneira de atrair mais pessoas para o evento. “Campeonato vem crescendo muito, acompanhamos provas em diversas regiões, então estamos muito contentes”, completou.

Campeões: soma #2 e #4 – Felipe Biazotto e Cesar Polete – 6s83 de média; soma #6 e #7 – Netinho São Carlos e Kinho Araújo RW – 5s54 de média; soma #12 – Juninho Positel e Kinho Araújo RW – 6s11 de média. Resultados completos e ranking, clique aqui. A cada prova, são premiados os laçadores nas três categorias, premiação por etapa, e ainda está programada uma premiação final para o Melhor Cabeceiro e Melhor Peseiro de cada Somatória.

Foto: WTR

Além disso, todos os ganhos são somados para um ranking geral, Best Roper, e haverá uma premiação extra para o Melhor Laçador no geral. Jo Rio, com R$ 12.549,00 manteve a liderança. Kinho Araújo chegou para segundo lugar e tem R$ 10.085,00. A próxima etapa será em novembro, ainda sem data definida, quarta etapa e final. 

Por Luciana Omena
Fotos: Cedidas

X