Geral

Jayme de Jesus Rodrigues deixa legado na Apartação

Treinador foi um grande incentivador dos esportes equestres, tendo a sua trajetória marcada por glórias no Quarto de Milha

Publicado

⠀em

Jayme de Jesus Rodrigues deixa legado na Apartação

Na última terça-feira (26), o Quarto de Milha perdeu mais uma lenda, Jayme de Jesus Rodrigues, que faleceu aos 70 anos de idade. Eternizado no Hall da Fama da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha – ABQM, em 2014, Jayme Rodrigues deixa um legado, não só na Apartação, como em todos os esportes equestres.

Com uma trajetória cercada por glória e sucesso, o treinador começou sua carreira aos 37 anos, quando era peão de comitiva e transportava boiada da região de Assis e Echaporã (SP). Então, em 1971, começou sua história de sucesso na raça. Foi quando montou Cacareco Brasil, considerado a grande sensação das provas de Apartação e Rédeas. Anos depois, em 1977, Jayme participou da primeira prova de Apartação da associação.

Segundo a ABQM, o quartista teve importantes títulos durante sua carreira. Potro do Futuro (1981, 1982, 1983, 1984, 1986, 1990 e 2000), e campeão do Campeonato Nacional, por onze vezes: 1977, 1978, 1979, 1980, 1984, 1985, 1986, 1987, 1989, 1990 e 2000.

Jayme foi responsável também por domar o primeiro animal puro, Guapo, filho de Caracolito (primeiro exemplar registrado na ABQM), para os Três Tambores, na Fazenda Torrão de Ouro de propriedade de Ricardo de Rezende Barbosa, em 1974.

É notável que Jayme de Jesus Rodrigues tem um grande legado que não caberia em apenas uma matéria. O treinador deixa a esposa, Maria das Neves Silva Rodrigues, e três filhos: Jayme, Jardel e Jarviz.

A equipe do Portal Cavalus se entristece com essa perda e se solidariza com todos os familiares e amigos.

Fonte: ABQM
Crédito da imagem: Divulgação/ABQM Hall da Fama

Veja mais notícias no portal Cavalus

WordPress Ads
WordPress Ads