Hipismo

Clube Hípico de Santo Amaro recebe CCE após hiato de 30 anos

Maior e mais premiada entidade do Hipismo brasileiro, o CHSA volta a sediar uma prova de CCE

As últimas competições do Concurso Completo de Equitação – CCE no Clube Hípico de Santo Amaro foram nos anos 1980. Portanto, mais de 30 anos depois a modalidade voltará a acontecer na maior e mais premiada entidade do Hipismo brasileiro. O jejum acabará no próximo final de semana, dias 26 e 27 de setembro, durante o 85º Aniversário do CHSA. 

Vale reforçar que o Concurso Completo de Equitação reúne em uma só disputa as três modalidades olímpicas do Hipismo: Adestramento, Salto e Cross Country. Aliás, o Clube Hípico de Santo Amaro recebeu a etapa do Cross nos Jogos Pan-americanos de São Paulo em 1963. 

Antes de mais nada, há um responsável por essa retomada. Leonardo Vani Fernandes, bicampeão do ranking brasileiro Amador Top 2018/2019, é o nome dele. De tal forma que, além confeccionar os obstáculos do cross é também diretor do evento. Ademais, conta com todo apoio de Alexandre Leonor, novo presidente do CHSA.

Maior e mais premiada entidade do Hipismo brasileiro, o CHSA volta a sediar uma prova de CCE após mais de 30 anos; última foi nos anos 1980
Andrea Muniz e Pedro Maia farão estreia no CCE

Prova

A disputa acontece em quatro níveis: 0.70, 0.90 e 1* e 2* em formato curto. Ou seja, no sábado Adestramento e Salto e no domingo Cross-Country. Assim, usarão os 3,5 km do clube para a competição. Só para ilustrar, 55 conjuntos estão confirmados. Destaque para o cavaleiro olímpico Marcio Appel.

Marcio, que treina no CHSA, competirá com sua nova montaria Favorito JT. Outro que confirmou presença também foi o medalhista pan-americano Henrique Plombom Pinheiro, com Laura Anpar. Junior Lucca Martins Pereira Lima, campeão sul-americano, levará Forever. Enquanto o Major Vinicius Albano Leal, participará com Oportuno do Rincão e Texas do Rincão. 

Entre os destaques duas estreias. A amazona top do Salto Andrea Muniz vai estrear no CCE com Tiger Lu. Outro estreante será o cavaleiro da casa Pedro Maia, que apresentará El Gauapo. Com efeito, ambos vão competir na série 1* com cavalos cedidos por Leonardo Vani Fernandes.

A armação dos percursos fica a cargo do cavaleiro olímpico e medalhista pan-americano Serguei Fofanoff, assistido por Claudio Durante. July Purgly, diretora de CCE na CBH e chefe de equipe na conquista da medalha de prata no Pan Lima 2019, será a juíza geral do evento, em parceria com Suzy Padilla. Por fim, o julgamento do Adestramento estará a cargo de Sandra Smith de Oliveira Martins, Natacha Waddell e Lindinha Macedo.

Maior e mais premiada entidade do Hipismo brasileiro, o CHSA volta a sediar uma prova de CCE após mais de 30 anos; última foi nos anos 1980
Leonardo Vani Fernandes testa obstáculos

Covid-19

“É um prazer organizar esse concurso trazendo o Concurso Completo de volta ao CHSA. Sobretudo, contar com grandes nomes da modalidade. E ainda ver o interesse de novos adeptos. Sem dúvida, é gratificante e certamente esse será o primeiro concurso de muitos. De tal forma que agradeço a todos que estão colaborando com a realização do evento. Em especial ao presidente Alexandre Leonor pelo apoio incondicional dessa volta da modalidade em nosso clube”, destaca Leonardo Vani.

Seguindo as normas do Governo do Estado e Prefeitura de São Paulo, o evento será fechado ao público. Afinal, segue protocolos de prevenção à Covid-19. Todas as disputadas serão transmitidas ao vivo pelo www.chsa.com.br, em parceria com Ride2play.

Fonte: Assessoria de Imprensa
Crédito das fotos: Divulgação/Luis Ruas e CHSA

Veja mais notícias do Hipismo no portal Cavalus

X