Crioulo

Cavalos Crioulos vencedores da Expolondrina garantem passaporte para a Morfologia Expointer 2022

Quatro cavalos crioulos vencedores na Expolondrina garantiram vaga para Nacional da raça Crioula 2022 que será realizada em agosto

Publicado

⠀em

Crioulos vencedores da Expolondrina garantem passaporte para a Morfologia Expointer 2022

Marcando o retorno dos eventos da raça pelo país, a cidade de Londrina (PR), foi palco da primeira Morfologia Passaporte do Ciclo 2022. Com organização e realização do Núcleo Norte Paranaense de Criadores de Cavalos Crioulos, a seletiva aconteceu entre os dias 8 e 10 de maio, no Parque de Exposições Ney Braga, durante a 60ª Expolondrina.

Com 42 animais admitidos e 15 incentivos, a seletiva passaporteou quatro exemplares diretamente à final Morfológica de Esteio, promovida pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) e que acontecerá durante a Expointer 2022, no mês de agosto deste ano.

Cavalos Crioulos campeões

Sob o julgamento do técnico, jurado e também criador de cavalos crioulos Mauro Raimundi Ferreira, a qualidade da homogeneidade dos exemplares marcou o retorno das Exposições Passaportes do ciclo 2022.

Para ele, ser jurado da primeira Passaporte deste ano se tornou um momento especial, ainda mais para um grande público em meio a uma das feiras de agronegócio mais importantes do país.

“Uma exposição com um alto nível de fêmeas e grande representatividade racial dos cavalos crioulos na categoria dos machos. Foi uma excelente seletiva, que já configura um belo futuro no ciclo morfológico deste ano”, conclui o jurado.

Entre as fêmeas, foi Marconi Gata Amorosa, a Campeã Potranca Menor, quem recebeu o título máximo da categoria na Exposição, em uma decisão que, segundo o jurado Mauro Raimundi Ferreira, se deu a nível de detalhes.

Com pouco mais de dois anos de idade, a potranca de pelagem Colorada Bragada Salina Rabicana foi, assim descrita pelo avaliador: “Está muito completa. Tem uma profundidade de costela impressionante, tem um nível de aprumos exemplar. É uma égua muito adornada, de uma linha superior impecável. Excelente animal”.

Além de Grande Campeã, Marconi Gata Amorosa ainda foi eleita a Melhor Exemplar da Raça no evento.

Johann Zuber Júnior, atual proprietário e expositor do animal, sabia do potencial guardado pela potranca por quem se encantou à primeira vista: “Sou criador de cavalos crioulos faz uns dois anos e meio e estou com a Marconi Gata Amorosa já há um ano. Ela não estava à venda, mas vi fotos dela e demonstrei meu interesse em comprar e apesar de não querer vender de início, o proprietário (o criador Alexandre Espíndola Araújo, da Cabanha Marconi, em Santana do Livramento) acabou abrindo mão dela para nós”.

Hoje, ambos compartilham a alegria e o orgulho de verem a Gata Amorosa na Final: “Ela tem dado grandes felicidades para nós. Agora para a Expointer, a emoção é grande e a expectativa também”, conta.

Na categoria Machos, o “Rei” foi, de fato, coroado: King do Ribeirão Bonito, o Campeão Cavalo Adulto de pelagem colorada, recebeu o título de Grande Campeão da Exposição de Londrina. O jurado Mauro Raimundi Ferreira o descreveu como “um animal muito típico, de uma cabeça exemplar, e uma linha superior irretocável”. Comentou ainda: “Ele caminha com muita facilidade e é um cavalo de grande estrutura, grande garupa, muito adornado. Há um ‘detalhezinho’ de aprumo de posterior que não tira a excelência do seu conjunto”.

Carlos Álvaro Gonçalves, veterinário e administrador da Cabanha Ribeirão Bonito, fala sobre o sentimento de ver um animal que está sob seus cuidados ganhar tamanho destaque: “Sempre é uma grande satisfação estar numa exposição tão bonita e bacana como a de Londrina. Ter um animal premiado e passaporteado para a Expointer em um evento como esse é uma realização”.

Por: Redação ABCCC

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

WordPress Ads
WordPress Ads