Mangalarga

Especial Dia das Mães: conheça Aracy Oliva, juíza e técnica da ABCCRM

Publicado

⠀em

Durante essa semana estamos apresentando a história de algumas mães com forte ligação com o mudo dos cavalos a fim de homenagear todas do meio

Médica veterinária especializada em homeopatia, criadora de cavalos da raça Mangalarga por 30 anos, juíza do quadro oficial da Associação Brasileira dos Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM) e técnica de registro. Inegavelmente, são muitos os títulos existentes para apresentar Maria Aracy Oliva, mas, entre eles, há um que a enche de orgulho: o de ser mãe do Victor, atualmente com 22 anos.

Contudo, a sua trajetória no mundo da maternidade até os dias atuais não foram os dos mais fáceis. Como nenhum é, na verdade. Afinal de contas, ser mãe – além de gratificante – é, sim, um desafio diário. Mas, no caso de Aracy, ela ainda precisou lidar com um diagnóstico difícil assim que o filho nasceu: o de traqueomalacia grave e difusa.

Ou seja, um problema mecânico e congênito não perceptível ao ultrassom morfológico. Inesperadamente, a traqueia de Victor era toda gelatinosa e, ao nascer, ele precisou ficar 20 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). “Não tive choro de bebê apenas via pela face sua expressão”, lembra a mãe.

Como consequência, Victor respirou por meio de um ‘caninho’, como Aracy explica, até os 5, 6 anos. “Era vigila 24 horas por dia para nada ir ao pulmão até a traqueia endurecer. Pensa que ele não falava e não tinha olfato, pois respirava por baixo”.

Depois que Victor tirou a traqueostomia, Aracy ainda precisou auxiliar o filho a aprender a respirar sozinho e, principalmente, falar. “Quando ele aprendeu a falar, as crianças já estavam lendo e escrevendo. Então imagina como foi difícil na escola a adaptação. Mas hoje em dia ele está bem e saudável”, comemora a mãe.

Aracy com Victor ainda bebê

Mãe x profissional

Mesmo diante destas complicações após o nascimento de Victor, Aracy não deixou de lado a sua profissão. Na época, inclusive estava fazendo pós-graduação em homeopatia. “Consegui finalizar no sufoco. Foi um desafio ser mãe naquela época com tanta emergência e vigília”.

Aracy, inclusive, chegou a levar Victor com ela para trabalhar como técnica e juíza oficial da associação da raça Mangalarga, onde atua há 35 anos. “Imagine que o Victor com 4 meses de idade, o levei comigo para julgar o Mangalarga em Rezende. Fiz isso porque acredito que é possível sim ser mãe e profissional, mas tem que haver horários flexíveis para poder ser presente em qualidade”.

Apesar de tantos desafios, Aracy garante que não mudaria nada da sua trajetória. Porque, para ela, ser mãe lhe proporcionou vários ensinamentos na vida. “É amor, é aprender a ceder, ter paciência, conseguir ver as dificuldades de seus filhos, cumplicidade, ensiná-los a amar ao próximo, procurar a felicidade dentro da gente e ter fé. E conseguir numa família ter algo que só dependa da gente, seja lá o que for”, frisa.

Aracy com o filho VIctor, atualmente com 22 anos

Ligação com o mundo dos cavalos

Antes de mais nada vale também destacar a forte ligação de Aracy com o mundo dos cavalos, especialmente com o da raça Mangalarga. Afinal, como ela mesma gosta de frisar, “desde que se conhece por gente” teve cavalo, pois cresceu na fazenda.

“Meu primeiro potrinho nasceu em 1972, o Dourado, um Mangalarga com Quarto de Milha. Esse animal ficou comigo 29 anos. A Tâmara meu pai me deu prenhe (já fez eu escolher entre dois animais)”, conta.

Foto de arquivo, Aracy em pista atuando como juíza da ABCCRM

Dessa forma, Aracy criou Mangalarga por 30 anos. “Eu vivia num lombo de cavalo, tinha o sufixo TDO”, conta ela que, antes mesmo disso, já tinha iniciado a sua relação com a associação da raça, a ABCCRM.

“Comecei no Mangalarga há 35 anos e sou juíza há 32 anos. Entrei como profissional apresentando animais no leilão e em pista, Haras Marjan, de Tibagi do Sr Olintho Marques de Paula. O Dr Eduardo Marchi (superintendente do Stud Book na época) me conheceu nesse haras e me convidou para trabalhar como técnica”.

Todavia, Aracy começou a acompanhá-lo nas exposições e logo se apaixonou pela “arte de julgar” um Mangalarga. “É um desafio e como sempre amei a equitação, ,me sentia honrada em montar os animais em pista. Fui a primeira mulher a ingressar no quadro oficial de juízes da raça”, finaliza.

Por Natália de Oliveira
Crédito das fotos: Arquivo Pessoal/Aracy Maria Oliva

Veja mais notícias sobre o cavalo Mangalarga no portal Cavalus

Mangalarga

II Copa de Marcha promove a união da família em prol do Mangalarga

Etapa será realizada neste sábado (20) e reunirá provas de Marcha e Três Tambores, promovendo a convenção dos criatórios dos estados do Paraná e Santa Catarina

Publicado

⠀em

II Copa de Marcha promove a união da família em prol do Mangalarga

O Núcleo União Mangalarga do Paraná e de Santa Catarina realiza, no próximo dia 20 de agosto, a II Copa de Marcha Haras VJC. A etapa, tradicional na região, será realizada no Haras VJC, em Tijucas do Sul (PR) e reunirá provas de Marcha Oficial, Prova de Marcha do Patrão, Prova Mirim, além de Três Tambores Amador e Mirim.

Vale destacar que a prova conta com o apoio da Associação Brasileira dos Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM).

“Nosso evento é voltado para a família. Teremos as provas de Três Tambores direcionada para os proprietários e iniciantes (jovens e crianças), proporcionando uma oportunidade para participarem, montando os seus animais”, afirma Fernando Antunes, gerente do Haras VJC.

Um dos objetivos do Haras VJC é fazer com que os proprietários usem seus cavalos Mangalarga e tragam sua família para apreciar, participar e torcer junto. “Acreditamos que desta forma, vamos fazer a raça crescer, trazendo a família junto para participar”, enfatiza.

Presença dos criadores de Mangalarga no evento

E a família mangalarguista da região respondeu ao chamado do Haras VJC, segundo Fernando Antunes, mais de 30 proprietários são esperados para participarem das provas de Três Tambores, que mostram a versatilidade da raça. Já para a Copa de Marcha, a expectativa da organização é receber em torno de 40 participantes. Os julgamentos ficarão a cargo de André Fleury.

“Já temos mais de 60 aninais inscritos e a nossa expectativa é receber em torno de 100 pessoas que passarão pela nossa propriedade, prestigiando a nossa raça”, afirma. Por fim, a organização destaca que a prova receberá animais e criadores dos estados do Paraná e Santa Catarina.

Informações e inscrições pelo telefone: (41) 99977-9913.

Por Grupo Cavalus Comunicação

Fotos: Gerson Jes

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Mangalarga

ABCCRM comemora o melhor momento da Raça Mangalarga no Brasil

Cavalo surgiu no país há mais de dois séculos e, hoje, conta com mais de 200 mil animais registrados

Publicado

⠀em

Considerado um dos principais cavalos de sela do país, o Mangalarga do Brasil vem apresentando crescimento em seu plantel nacional. Atualmente, são mais de 200 mil animais registrados. Podemos dizer que boa parte disso se dá pelas características da raça, já que são animais de marcha cômoda, bom temperamento, além de serem muito dóceis.

Outro ponto do cavalo Mangalarga a destacar é a facilidade para o adestramento e a boa resistência física, o que atrai quem está na busca de um animal para lazer ou esporte. De acordo com a Associação Brasileira dos Criadores de Cavalo da Raça Mangalarga (ABCCRM), a raça vem sendo desenvolvida em parceria com mais de 5 mil associados de todo o país.

Fomento

Boa parte dos números da raça se deve aos leilões e programas de fomento, incentivados especialmente pela ABCCRM. No caso dos pregões, em 2021 foram 25 leilões com faturamentos de até R$ 3 milhões, uma média de R$ 120 mil/animal. Já em 2022, até o momento, ocorreram 15 leilões, com receitas acima de R$ 4 milhões e média de R$ 266 mil, um aumento de 33% em comparação com o ano anterior.

Já nos programas de incentivo e ações de fomento, a associação segue investindo nas pelagens, e já vem obtendo resultados expressivos. “As inscrições de animais com pelagens na Exposição Nacional do Mangalarga cresceram 22,38% e nos eventos em geral, o crescimento de pelagens foi de 70%”, comenta Eduardo Silvestrini, diretor de Pelagens da Associação.

Gerando Campeões

‘Gerando Campeões’ é exemplo de programa que promove o fomento à raça. A iniciativa é 100% voltada aos pequenos e médios criadores, com o intuito de democratizar a alta genética dos criatórios do Mangalarga do Brasil. “Através do projeto, os criadores da raça poderão disponibilizar seus garanhões para coberturas com condições e preços especiais”, explica Marcelo Luís Cerqueira, diretor de Fomento da ABCCRM.

Nacional Mangalarga

Os eventos, como a Exposição Nacional do Mangalarga do Brasil, também influenciam nos números da raça, já que são considerados vitrines. A 44ª edição da exposição ocorrerá de 07 a 17 de setembro, no Centro Hípico de Tatuí (SP). A competição reunirá os melhores exemplares da raça, dos quatro cantos do Brasil. “Estamos no melhor momento da nossa raça. A Nacional será a congregação dos esforços de todos em prol do desenvolvimento do nosso cavalo”, assegura a ABCCRM.

Além disso, a 44ª Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga será ainda mais especial, pois comemorará os 88 anos de criação da entidade, que não mede esforços para oferecer todo o apoio aos pequenos e médios criadores. “São 88 anos de história, que mostram a representatividade e a importância da nossa raça no país. Será uma grande festa, com a união de todos os criatórios do Brasil”, finaliza Eduardo Rabinovich, presidente da ABCCRM.

Por Grupo Cavalus Comunicação – Heloísa Alves

Fotos: Julio Oliveira

Mais notícias do Mangalarga do Brasil no portal Cavalus

Continue lendo

Mangalarga

Programa ‘Mundo Mangalarga’ chega a sua terceira edição na próxima quinta-feira (18/08)

Promovida pela ABCCRM, apresentação terá os melhores momentos dos últimos eventos da raça, com transmissão pelo canal da associação no YouTube

Publicado

⠀em

Programa Mundo Mangalarga chega em sua terceira edição na próxima quinta-feira

Sucesso entre os mangalarguistas, o Programa Mundo Mangalarga chega em sua terceira edição. Sob o comando de Dudu Vaz, serão apresentados os principais eventos da raça Mangalarga do Brasil que ocorreram nos últimos dias no país.

Nesta edição, o programa traz momentos da Exposição de Anápolis, realizada no mês de maio; as emoções da Cavalgada da Fazenda Dobrada, localizada em Amparo (SP), até o Haras São Bento de Itatiba (SP), um trajeto de pouco mais de 35 km; 8º Exposição de Taubaté (SP); Exposição Regional de Avaré (SP); Exposição Interestadual de Amparo; Venda do Chico em Três Corações (MG); Cavalgada Beneficente MARP, realizada também na cidade de Amparo, Exposição de Brasília; Exposição São João da Boa Vista (SP), Cavalgada de Cruzilia (MG); Copa Ype Cobasi de Jacareí; Copa de Marcha de Amparo, e a Exposição de Ribeirão Preto, promovida pelo núcleo da Alta Mogiana.

Vale destacar que o programa é uma oportunidade para os entusiastas da raça poder se atualizarem sobre tudo o que acontece com o cavalo Mangalarga. Desenvolvido pela Associação Brasileira dos Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM), o Mundo Mangalarga tem a proposta de atender a demanda dos admiradores do cavalo através de um programa com muito animal em pista, mostrado a qualidade e a desenvoltura do Mangalarga do Brasil.

O “Mundo Mangalarga” será apresentado ao vivo no canal do YouTube da associação, dia 18 de agosto, a partir das 20h.

Serviço

Programa Mundo Mangalarga

Data: 18 de agosto, às 20h

Transmissão no YouTube da ABCCRM

https://www.youtube.com/user/ABCCRM

Por Grupo Cavalus Comunicação

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Mangalarga

Mairinque recebe a 4ª Etapa do Circuito Mangalargada 2022

Evento acontece neste sábado (06), no Sítio Malagueta, e conta com o apoio da ABCCRM

Publicado

⠀em

Mangalargada

Situada próxima a Itu e Sorocaba, a cidade de Mairinque (SP), possui uma forte ligação com os cavalos. O Caminho Real, estrada que interligava as principais cidades do estado rumo a Minas Gerais no tempo do Império, passa pela cidade.

E não é à toa que, a cidade recebe, mais uma vez o cavalo Mangalarga. Neste sábado (6), será realizada a 4ª Etapa do Circuito Mangalargada 2022, que acontece no Sítio Malagueta, com o apoio da Associação Brasileira dos Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM).

Você sabe o que é uma Mangalargada?

A Mangalargada nada mais é do que uma cavalgada diferente, com um toque de competição, que reúne toda a família mangalarguista em prol do esporte. Durante o trajeto, as equipes possuem algumas regras e etapas que devem ser cumpridas. A não realização dessas etapas resultam em perdas de pontuação. O trajeto envolve os andamentos a passo, marcha curta, média, longa e galope, com velocidades que variam entre 6, 9, 12, 15 e 18 quilômetros/hora.

A disputa dura cerca de duas horas e qualquer animal registrado na associação pode participar. Além disso, crianças a partir dos cinco anos, usando capacete e acompanhadas dos pais ou responsáveis, também podem cavalgar.

Vale ressaltar que o grande objetivo da Mangalargada é promover a interação entre os Mangalargas e seus criadores, sendo uma oportunidade para conhecer de perto toda a versatilidade da raça. “É um momento de união entre a família e os amigos com a nossa maior paixão: os cavalos. É uma forma de incentivarmos os criadores a usarem seus animais e desfrutarem de todas as qualidades deles e ainda, trazer novos usuários para a raça”, frisa Pedro Alvares de Mello, proprietário do Sítio Malagueta.

A expectativa da organização é receber mais de 50 conjuntos de todos os núcleos do estado, para celebrar e desfrutar de um trajeto de 27 km, entre pastagens de aveia, feno e trechos de Mata Atlântica. “São 6 km de mata fechada, uma oportunidade para os participantes vivenciarem toda a natureza da região”, afirma.

O médico veterinário Geraldo Fantine e sua equipe serão os responsáveis pelo Vet Check, momento em que o animal é avaliado para saber se durante a prova ele sofreu algum tipo de lesão, tudo para garantir o bem-estar dos animais.

E com o intuito de deixar o encontro ainda mais especial, será oferecido um belo café da manhã e um almoço campeiro aos participantes, além de muita moda de viola.

Ainda dá tempo para se inscrever na 4ª Etapa do Circuito Mangalargada 2022, basta acessar o site da ABCCRM e conferir os detalhes de inscrição.

Por: Grupo Cavalus Comunicação

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Mangalarga

Marisa Iorio é a convidada de hoje do programa Palavras do Tropeiro

Destaque na criação de Mangalarga de pelagem Pampa, Marisa Iorio contará toda a sua história de sucesso de dedicação dentro da raça

Publicado

⠀em

A família mangalarguista e os entusiastas da raça possuem um compromisso pra lá de especial nesta noite (28). Marisa Iorio, do Haras Lagoinha, localizado em Jacareí (SP), será a convidada especial do programa Palavra do Tropeiro.

O bate-papo será comandado pelo criador Martin Frank Herman e abordará de maneira leve e descontraída a história de sucesso dessa grande criadora de animais Mangalarga pelagem pampa.

O programa será transmitido ao vivo pelo canal da Revista Horse TV no YouTube, e também pelo Facebook da publicação, hoje (28), a partir das 19h30.

Leia mais:

Marisa Iorio e seu marido Paulo Eduardo Corrêa da Costa estão na criação de Mangalarga de pelagem Pampa há mais de 38 anos, sendo considerados, há 22 anos, como melhores criadores e expositores da pelagem Pampa da raça Mangalarga, tendo ainda o destaque de melhor reprodutor da raça.

O Haras Lagoinha se tornou referência em animais com essa característica de pelagem e possui em sua história a marca da perseverança e do trabalho árduo de Marisa Iorio, que conseguiu se sobressair na criação de cavalos mesmo em um meio predominantemente masculino.

E, ainda, sobre o seu olhar artístico na criação de cavalos que, com certeza, fez e faz toda a diferença para tornar o Haras Lagoinha um dos principais centros de criação da raça Mangalarga.

Não perca, o programa Palavra do Tropeiro será transmitido hoje (28) a partir das 19h30 pelo canal do YouTube e Facebook da Revista Horse.

Por: Camila Pedroso

Fotos: Arquivo

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Mangalarga

Núcleo Alta Mogiana se destaca pelo trabalho de fomento ao Cavalo Mangalarga em SP

Este ano, foram realizados sete eventos na região de Ribeirão Preto; Exposição Regional da raça ocorrerá de 28 a 30 de julho

Publicado

⠀em

Núcleo Alta Mogiana se destaca pelo trabalho de fomento ao Cavalo Mangalarga em SP

O Núcleo Alta Mogiana de Cavalos Mangalarga, com sede em Ribeirão Preto (SP), possui um trabalho árduo de fomento à raça na região. Apenas neste ano, o núcleo realizou Dia de Campo, três Cavalgadas, Curso de Equitação, Mangalargada, Copa de Marcha e Função e, agora, fecha o mês de julho com uma Exposição Regional. A representatividade do Alta Mogiana perante o estado é muito grande. Atualmente, são 55 criatórios associados à entidade. “O Núcleo Alta Mogiana sempre foi muito forte, sendo um dos maiores em número de associados. Recentemente, completamos 30 anos de existência”, enfatiza o presidente da entidade, Sílvio Junqueira.

“A função dos núcleos é fomentar a raça nas regiões, promovendo eventos que congreguem a família margalarguista. Quando a região promove um evento grande, além de dar muita visibilidade à raça, consegue atender criadores menores, que não têm, muitas vezes, condições de levar um animal para uma exposição mais distante, pois fica muito caro. Então, a gente dá essa condição, através do núcleo, para que eles consigam participar de, ao menos, dois eventos e, assim, automaticamente se tornarem aptos para se apresentar na Exposição Nacional”, explica o presidente.

Exposição Regional do Cavalo Mangalarga

De 28 a 30 de julho, o Haras Manoel Leão, localizado em Ribeirão Preto (SP), será a casa do Mangalarga do Brasil nesta semana, com a realização da Exposição Regional da raça. Promovido pelo Núcleo Alta Mogiana, com o apoio da Associação Brasileira dos Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM), o evento já é um sucesso, devido ao elevado número de inscritos. “Nossas expectativas já foram superadas! Estamos com recorde de inscrições, sendo 200 animais e 60 expositores”, comemora Junqueira.

Segundo a ABCCRM, a competição reunirá as tradicionais provas de Marcha e Morfologia, além de provas funcionais com mais de R$ 6 mil em premiação, divididos entre os seis primeiros colocados. Os julgamentos ficarão a cargo de Lourenço de Almeida Botelho, na Morfologia, e Pedro Henrique Bueno de Camargo, na Marcha. A etapa será transmitida ao vivo pelo aplicativo Ride2Play, primeiro streaming de cavalo do país. “A Exposição Regional do Mangalarga será aberta ao público, uma ótima oportunidade para os amantes de cavalos conhecerem de perto a raça”, finaliza.

Por: Grupo Cavalus Comunicação

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Mangalarga

Como treinar seu Mangalarga para uma Mangalargada?

Este é o tema do Prosa Mangalarga dessa semana, promovido pela ABCCRM. Programa será transmitido ao vivo pelo canal do YouTube e Instagram da Associação

Publicado

⠀em

Você possui um cavalo Mangalarga e gostaria e participar de uma Mangalargada com a família? Mas, você sabe como deve ser o treinamento de um animal para participar de uma prova como essa, que exige preparo físico e muita disposição do cavalo?

Se você também possui essas dúvidas, não pode perder o programa Prosa Mangalarga dessa semana, desenvolvido pela ABCCRM.

Dudu Vaz comanda um bate-papo muito importante sobre Treinamento para uma Mangalargada, com dicas imperdíveis apontadas pelos profissionais: Guilherme Santos, veterinário três estrelas, técnico da Seleção Brasileira Bicampeã Pan-Americana Young Riders de Enduro, Vice – Campeão do Mundo Adulto e consultor em treinamento de cavalos de esporte; Pedro Alvares de Melo, do Haras Malegueta e Camila Glycerio Freitas, do Haras Mangabaia. Todos com muita experiência nesta modalidade de esporte.

O programa será transmitido ao vivo, amanhã (27), a partir das 20h, pelo canal do YouTube da ABCCRM e pelo Instagram da raça.

Você não pode perder!

Por: Camila Pedroso

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Mangalarga

Região de Amparo (SP) se destaca pelo trabalho promovido em prol do Cavalo Mangalarga

O Núcleo com apoio do Centro Hípico Hipocampo já promoveu três eventos neste ano e no fim de semana recebe a 16ª Exposição Regional Mangalarga

Publicado

⠀em

Região de Amparo (SP) se destaca pelo trabalho promovido em prol do Cavalo Mangalarga

Amparo (SP), a 142 km da capital paulista, possui muita importância para a raça Mangalarga no Estado. O Núcleo do Cavalo Mangalarga de Amparo tem, aproximadamente, 20 criatórios, reunindo animais de destaque no cenário nacional. Prova dessa importância são os números. Apenas este ano, a região de Amparo recebeu três eventos, sendo um Poeirão (12/03), uma etapa da Copa Cobasi Ypê de Marcha e Função, além da Exposição Interestadual, realizada em junho – um dos eventos mais importantes e relevantes do calendário equestre.

Neste fim de semana, Amparo mais uma vez será a casa do Mangalarga. A cidade receberá a 16ª Exposição Regional Mangalarga do Núcleo de Amparo. Segundo Rodrigo Berti, membro do núcleo, a expectativa da organização é promover um grande evento, visto que já atingiu a marca de 113 animais inscritos e 38 expositores de várias regiões do país.

A proposta inicial seria apenas a inscrição de 100 animais, mas, devido à grande procura, o número foi estendido. A etapa reunirá provas de Marcha, julgadas por Fernando Tobias Nechar, e de Morfologia, julgadas por Emerson Luis Bartoli. As provas ocorrerão mais uma vez no Centro Hípico Hipocampo, localizado na rua Dr. Virgílio Paiva Júnior, em Amparo, até o próximo sábado (23/07).

Região receberá mais eventos da raça Mangalarga

E a lista de eventos que serão promovidos pela região do Núcleo de Amparo não para por aí. Em agosto, nos dias 06 e 07/08 será realizado um Poeirão na cidade e nos dias 19 e 20/08 a 17ª Exposição Regional. “Uma região forte, que não mede esforços para fomentar o crescimento da raça”, afirmou Rodrigo Berti.

Por: Agência Cavalus

Fotos: Beto Falcão / Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Mangalarga

Copa Cobasi Ypê de Marcha e Função chega à última etapa

Evento que será sediado em Jacareí (SP), pela ABCCRM, tem o apoio da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte

Publicado

⠀em

Copa Cobasi Ypê de Marcha e Função chega à última etapa

Finalizando as etapas da Copa Cobasi Ypê de Marcha e Função, a cidade de Jacareí, no interior de São Paulo, receberá nos dias 15 e 16 de julho, a última prova do campeonato, realizado pela Associação Brasileira dos Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM), em parceria com a Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, através da Secretaria Especial do Esporte, que garante a destinação dos recursos captados às ações.

As provas serão organizadas pelo Núcleo Mangalarga do Vale do Paraíba, dentro da Jacareí Expo Agro, que promove o maior rodeio do Vale do Paraíba. A Copa Cobasi Ypê de Marcha e Função faz parte de um projeto da Associação, lançado em 2020, com o apoio da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, que permite as empresas destinarem parte do ICMS, devido ao Estado de São Paulo, até 3% do valor anual, às iniciativas desportivas.

Ao todo, a Copa Cobasi Ypê de Marcha e Função ocorreu em seis etapas. A primeira foi em Amparo (SP), no Centro Hípico Hipocampo. Em seguida, na Região da Alta Mogiana, em Jardinópolis (SP). A terceira etapa foi realizada em Tatuí (SP), no mês de outubro, durante a Exposição Nacional da Raça Mangalarga. A quarta etapa voltou para Amparo (SP). A quinta etapa foi promovida na cidade de Ribeirão Preto (SP).

Última etapa da Copa Cobasi Ypê em Jacareí

A sexta e última etapa da Copa Cobasi Ypê promete ser mais um sucesso. Segundo Felipe Angelin, membro do Núcleo Mangalarga do Vale do Paraíba, a etapa já conta com mais de 100 animais inscritos e mais de 30 criadores.

“Realizaremos um grande evento. A Jacareí Expo Agro é uma feira muito grande, com exposição de gado e provas hípicas, e estar com a nossa Copa de Marcha e Função dentro deste evento, mostra a nossa importância e força”, ressaltou.

Serviço:
Evento: Copa Cobasi Ypê de Marcha e Função;

Data: 15 e 16 de julho;
Local: Jacareí Expo Agro
Informações: (11) 3677-9866 ou (11) 98801-3540

Por: Grupo Cavalus Comunicação

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Mangalarga

Tradicional Expo Mangalarga da EAPIC/2022 chega a sua 47ª edição

Entre os dias 7 e 10 de julho, no Recinto de Exposições José Ruy de Lima Azevedo, São João da Boa Vista (SP) recebe os exemplares para participar de uma das mais tradicionais exposições da raça

Publicado

⠀em

Tradicional Expo Mangalarga da EAPIC/2022 chega a sua 47ª edição

Uma das mais tradicionais exposições da raça Mangalarga, a 47° edição da Expo Mangalarga da EAPIC/2022, será realizada entre os dias 7 e 10 de julho, no Recinto de Exposições José Ruy de Lima Azevedo, em São João da Boa Vista (SP).

Organizado pela Arena Rodeio, com apoio da Prefeitura Municipal, a exposição é realizada pelo Núcleo Mangalarga Serra da Mantiqueira, com apoio e chancela da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM).

Segundo Eduardo Grespan, diretor do Núcleo, a etapa já está com mais de 110 animais inscritos, com 40 expositores de vários estados do Brasil. “Nossa expectativa é muito positiva. A Exposição de São João é uma das mais tradicionais, devido à história e atuação do núcleo. Limitamos o número de animais, senão teríamos muito mais”, comemora Grespan.

Os julgamentos das provas ficará a cargo de Felipe Amorim, nas provas de Marcha, e André Fleury em Morfologia. A entrada dos animais será nos dias 6 e 7 de julho, e os julgamentos nos dias 8, 9 e 10 de julho.

A etapa será transmitida ao vivo pelo aplicativo Ride2Play, primeiro streaming de cavalo do país.

O Recinto de Exposições José Ruy de Lima Azevedo, local da exposição, leva o nome do grande criador de Mangalarga da região, responsável pelo sufixo T desde os primórdios da Associação.

Relevância histórica do Núcleo Mangalarga Serra da Mantiqueira

O Núcleo possui uma relevância histórica muito grande para a ABCCRM e a raça no país. “Nos primórdios da raça, tivemos vários criadores muito participativos, que se destacaram na criação nacional da raça. Dentre eles temos Sebastião Assumpção Malheiro (sufixo SM), José Rui de Lima Azevedo (sufixo T), Guilherme Rehder (sufixo R), os irmãos Noronha (do sufixo IN), Wilson Rozendo Nogueira (sufixo do Alegre) entre tantos, o que nos torna muito tradicionais e importantes nacionalmente. São João ainda sediou por quatro anos a Nacional da raça, 2016, 2017, 2018, 2019, o que mostra a nossa importância e relevância na raça” afirma Grespan.

Serviço:

47° edição da Expo Mangalarga da EAPIC/2022

Data: 7 e 10 de julho

Local: Recinto de Exposições José Ruy de Lima Azevedo, em São João da Boa Vista/SP.

Informações: 19 99762-2251 – Eduardo Grespan

Por: Grupo Cavalus Comunicação

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Categorias

COPYRIGHT © 2021 CAVALUS. TODOS DIREITOS RESERVADOS
ESSE SITE É PROTEGIDO PELO GOOGLE RECAPTCHA
POLÍTICA DE PRIVACIDADE | TERMOS DE SERVIÇO