Quarto de Milha

Cripto e Prognatas

Luciano Rodrigues, cavaleiro e pesquisador, fala nesse artigo sobre criptorquídicos e prognatas

Publicado

⠀em

Cripto e Prognatas

Há uns tempos atrás, a comunidade do Quarto de Milha foi palco de muitas discussões. Nas redes sociais, nos grupos de Whatsapp, com os amigos, em todas elas a conversa girava em torno do novo Regulamento do Serviço de Registro Genealógico do Cavalo Quarto de Milha, especificamente, o artigo 17 que permite a reprodução dos animais criptorquídicos e prognatas.

Características dos Criptorquídicos e Prognatas

Conforme a 15ª edição do regulamento, prognatas e criptorquídicos são: Prognatismo: animais com projeção da mandíbula ou maxila, “sem contato oclusivo entre os incisivos centrais superiores e inferiores”.

Criptorquidismo: significando menos de dois testículos visíveis e simétricos, em tamanho e consistência, na parte de baixo do escroto, a partir dos 30 meses de idade.

Segundo o médico veterinário Dr. Ahmed Tibary, da Washington State University, criptorquidismo é causado por uma combinação de fatores genéticos, epigenéticos e ambientais. O criptorquidismo bilateral resulta em esterilidade. A criptorquidia unilateral é mais comum, e o animal geralmente é fértil por causa da produção de espermatozoides do testículo que desce normalmente.

O testículo que não desceu até o sacro escrotal, ou seja, está localizado internamente, produzem hormônios masculinos, e os animais criptorquídicos têm características sexuais secundárias e comportamento de acasalamento normal.

Normal e Patológico

Georges Canguilhem em seu livro “O normal e o patológico” aborda a noção de saúde e doença. Para ele doença é aquilo que causa o desequilíbrio do corpo. Deste modo, a doença pode ser gerada por fatores genéticos ou por questões ambientais. No entanto, como vimos em algumas discussões de leigos, criptorquidismo e prognatismo não são doenças. São mutações genéticas como várias outras que interferem na vida. Um olho azul, outro castanho, excesso de manchas brancas, até o surgimento dos cascos dos cavalos, são mutações genéticas.

Por isso o regulamento não entende como uma doença, mas sim como uma característica indesejável. Criptorquidismo e prognatismo não, obrigatoriamente, são passadas de geração para geração, filhos podem ser portadores mesmo o pai possuindo os dois testículos, e vice e versa. Essa é a 1ª Lei de Mendel.

Freckles Playboy

Em 1980 a AQHA adota a Regra 212 na qual só poderia ser registrado um potro por égua no ano, independente de como foi produzido. Em 1996, Kay Floyd proprietária de Freckles Playboy, realizou dois cruzamentos com uma égua chamada Havealena, uma com transferência de embrião em uma égua receptora e outra na própria Havealena.

Destes procedimentos, nasceram dois animais: uma potra e um potro. Antes disso, Freckles Playboy tinha gerado outros 5 potros, todos criptorquídicos. Desta forma, Kay Floyd registrou a potra. Pela Regra 212, o potro não poderia ser registrado. Contudo, após um ano de vida, o potro apresentou os dois testículos, isso fez com que sra. Floyd movesse uma ação junto a AQHA para anular o registro da potra e, em seu lugar, registrar o potro. A AQHA recusou, gerando um processo jurídico, porém, outras decisões infundáveis da AQHA fez com que fosse revertida a ação.

Não se sabe se é este o caso que a ABQM utilizou para a fundamentação da decisão, pois é um caso a parte dentro de um processo de clonagem, mas que não tem relação com clonagem. Pode ter sido um erro de interpretação.

Contudo, uma questão a ser respondida pela hermenêutica jurídica é se estudos não reconhecidos pela ABQM, como a clonagem (Seção IV, art. 30), podem ser utilizados para decisões sobre regras de registro. Isso se a próxima decisão do Conselho Deliberativo Técnico não for o registro de animais clonados.

Posicionamento da AQHA

No site da AQHA encontramos a versão 2021 do Official hand book of rules and regulations, no REG 109 encontramos todas as características indesejáveis para a raça Quarto de Milha.

Diferente da AQHA, a ABQM difere características indesejáveis e os defeitos genéticos. Ponto positivo para a ABQM, pois a regra envolvendo a Regra 109 pela AQHA é generalizada para ambos os casos.

No entanto, a decisão da ABQM ainda não está de acordo com a AQHA, não se sabe até aqui se é uma questão e atualização do regulamento. Pois na Regra 107, na qual aborda sobre Registros Extraordinários, a AQHA informa:

O Comitê Executivo deve ter autoridade para declarar elegível para registro apenas como reprodutor, um cavalo cujo certificado de registro foi cancelado anteriormente, mas, na opinião da maioria do Comitê Executivo, é excelente pelo desempenho ou produção, e, portanto, digna de registro como reprodutor, embora falte algum requisito técnico das regras da AQHA para permitir que ele permaneça registrado (Tradução do autor).

Assim, na Regra 107.1.3, a regra diz que “Um cavalo não é elegível para consideração sob esta regra se tiver qualquer condição listada no REG109 como um defeito genético”. Esse é o problema da regra 109 da AQHA, generaliza características indesejáveis junto com os defeitos genéticos.

Contras da decisão

Começamos pelos contras. Acompanhando algumas discussões nas redes sociais, muitos são contrários à decisão por entender que estas características indesejáveis são doenças e que obrigatoriamente passam para a sua prole.

Outro ponto são as “teorias da conspiração”, como se as decisões são para atender, somente os gestores da ABQM.

Assim como a de entender como um retrocesso à decisão da ABQM, inclusive com possíveis medidas jurídicas para reparação de danos aos proprietários que castraram seus animais.

Em conversa com o médico veterinário Dr. Éder Ribeiro da Rosa (PUC/PR), especialista em odontologia equina, animais prognatas a campo, apresentam uma dificuldade na alimentação a pasto, causando um déficit nutricional, interferindo no seu desenvolvimento físico. Os testículos internos nos casos dos criptorquídicos, não produzem sêmen, no entanto, produz em escala normal testosterona, mantendo assim, um comportamento de garanhão.

Prós da decisão

Os criadores e técnicos a favor da decisão entendem que é um avanço, inclusive da própria ciência com os estudos genéticos. De fato as decisões do CDT da ABQM deveria se pautar nos estudos científicos, porém, vejo como uma necessidade dentro da ABQM de uma comissão científica para incentivo e fomento a pesquisa.

Outro ponto é o de não entender como uma doença, mas sim como uma característica que não necessariamente passa para a próxima geração. Pensemos: um garanhão criptorquida, para que ele passe para a sua prole esta característica, seus descendentes devem ser machos, e isso tem 50% de probabilidade, já que as fêmeas não tem o mesmo problema, então, teríamos fêmeas sem essas características.

Casos de prognatas são mais complicados, já que os animais a campo não possuem alguma forma de suplementação do déficit nutricional. Alguns criadores informam que podem suprir essas necessidades com rações e outros suplementos, neste caso os animais não sofrem com a característica.

Do ponto de vista biológico, podemos castrar todos os criptorquicos e prognatas do planeta, ainda assim, corre-se o risco de nascer algum descendente. Isso é mutação genética. Estaríamos enxugando gelo.

Referências:

  • ABQM. Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha. Regulamento do Registro Genealógico do Cavalo Quarto de Milha. 15. ed. São Paulo/SP, 2021.
  • ACVS. American College of Veterinary Surgeons. Cryptorchidism (Undescended Testicles) in Horses. Disponível em: https://www.acvs.org/large-animal/cryptorchidism. Acessado em: 4 abr 2021.
  • ALENCAR-ARARIPE, M. G. de; CASTELO-BRANCO, D. de S. C. M.; NUNES-PINHEIRO, D. C. S. Alterações anatomopatológicas na cavidade oral equina. Acta Veterinaria Brasilica, v.7, n.3, p.184-192, 2013.
  • AQHA. American Quarter Horse Association. Official hand book of rules and regulations 2021. 69 ed. Amarillo/TX: AQHA, 2021.
  • CANGUILHEM, G. O normal e o patológico. 6 ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2009.
  • STEVENS, L. T. Update on Antitrust and the Legal Issues Surrounding Cloning in the Equine World. Kentucky Journal of Equine, Agriculture, & Natural Resources Law, v. 9, n. 1, a. 2, 2016.
  • TIBARY, A. Male Genital Abnormalities of Animals. Disponível em: https://www.merckvetmanual.com. Acessado em: 02 abr 2021.

Colaboração: Luciano Ferreira Rodrigues Filho
Cavaleiro e Pesquisador | 
Haras Dom Herculano
Crédito da foto de chamada: Divulgação/Manual Veterinário Merck

Veja mais notícias da raça Quarto de Milha no portal Cavalus

Quarto de Milha

Começam a sair os primeiros campeões do Congresso da ABQM em Araçatuba

Disputas das modalidades do Quarto de Milha ocorrem até o domingo (21), no Recinto Clibas de Almeida Prado

Publicado

⠀em

Começam a sair os primeiros campeões do Congresso da ABQM em Araçatuba

Na última quarta-feira (10), Araçatuba (SP), voltou a receber um dos principais eventos do Quarto de Milha. Trata-se do 33º Congresso Brasileiro da ABQM, que acontece até o dia 21 de abril, no Recinto Clibas de Almeida Prado.

Com uma premiação garantida de R$ 3 milhões, o evento recebeu 0.138 inscrições entre participantes de disputas pela ABQM e pela AQHA, que estarão em pista na disputa de 18 modalidades.

Campeões

Dentre as modalidades disputas, o Laço Individual Técnico já conheceu os seus campeões. Um deles é Ícaro Dellai, que subiu ao pódio pela categoria Amador Principiante. Na sela do tordilho VPJ Pop A Top, Ícaro conseguiu 217,5 de nota, consagrando-se campeão da categoria.

Ícaro conta que começou no Laço em 1997, após uns anos, em 2004, deu uma parada, retornando à modalidade em 2013. “Fazem três anos que contratei o Fábio e viemos trabalhando para chegar ao nosso objetivo, que era vencer no Laço Técnico com o Pop”.

Western Pleasure

Outra modalidade que já teve os seus campeões apresentados em Araçatuba foi o Western Pleasure. De acordo com dados da ABQM, a modalidade apresentou um crescimento expressivo de 118% em comparação com a edição de 2023.

E, um dos destaques do Western Pleasure foi Gilson Paulo Vendrame, que levou o primeiro lugar na categoria Aberta Junior com Spooks Gotta Coffe e na Aberta Senior com Woodstock Top Gun.

Gilson destaca que o seu começo no Western foi para melhorar a sua equitação, já que não tinha essa habilidade. “Eu precisava refinar a minha equitação, encontrei parte disso na Rédeas, mas não era o bastante ainda, foi quando entrei no Pleasure”.

Para Gilson, Western Pleasure é uma modalidade gostosa de se competir. “Estou muito feliz por ter ganho mais esse título. Para quem quer começar no meio, acho muito importante buscar por orientações, por treinadores capazes e bons cavalos”, finaliza.

Por fim, vale lembrar que o 33º Congresso Brasileiro da ABQM está sendo transmitido ao vivo pelo canal da associação no Youtube. Todos os resultados podem ser conferidos no Seqm.

Por Heloisa Alves/Portal Cavalus 
Fotos: Matheus Oliveira/Agência Cavalus

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Quarto de Milha

Liga da Baliza promove clínica sobre a modalidade durante o 33º Congresso da ABQM

Maneabilidade e Velocidade e Cinco Tambores terão também um bate-papo especial para falar um pouco mais sobre as regras e como deve ser feito as provas

Publicado

⠀em

Liga da Baliza promove clínica sobre a modalidade durante o 33º Congresso da ABQM

O 33º Congresso Brasileiro da ABQM já começou em Araçatuba (SP) e, além das provas equestres, o evento terá uma programação voltada para o conhecimento de algumas modalidades esportivas.

Dentre a programação, no sábado (13), a Liga da Baliza, como o apoio da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha – ABQM, irá promover um workshop sobre Seis Balizas. O encontro será ministrado pelo competidor e treinador Vagner Simionato.

Workshop Liga da Baliza

Segundo Vaguinho, como é conhecido, esse é um momento para todos, treinadores, criadores, competidores, médicos veterinários, que queiram saber mais sobre a modalidade, aproveitarem e tirarem suas dúvidas e adentrarem dentro desse esporte que vem crescendo a cada evento.

Caio Trevisan Aidar, presidente da Liga da Baliza, reforça a importância em ações como essa para contribuir no fomento da modalidade. “A Liga da Baliza foi criada por um grupo de proprietários e criadores que visam o fomento do esporte, por isso estamos promovendo ações para buscar esse crescimento”.

Para os interessados, o bate-papo sobre Seis Balizas ocorre no sábado, na Arena Vetnil, logo após o término da prova da modalidade. Ainda no sábado (13), haverá também um workshop sobre Maneabilidade e Velocidade, logo após a prova que tem início previsto para às 8h.

Ainda nas modalidades de velocidade, Vaguinho irá bater um papo sobre os Cinco Tambores. Nesse caso, a conversa será no domingo (14), ao término da prova na Arena Vetnil.

Performance Halter e Conformação

Já com a organização da própria ABQM, sob os cuidados da coordenação de jurados, será promovido um bate-papo sobre Conformação e Perfomance Halter. Para Fernanda Costa, com Fernanda Costa, coordenadora de Jurados da ABQM, este é um momento para os entusiastas e participantes de ambas modalidades tirarem suas dúvidas e adquirirem ainda mais conhecimento sobre as modalidades.

O encontro sobre Conformação e Performance Halter será realizado no sábado (13), a partir das 9h no ‘Espaço de Relacionamento da ABQM’, em frente à Arena Guabi. O encontro é aberto a todos, sem necessidade de inscrições.

Por Heloisa Alves/Portal Cavalus
Foto de chamada: Divulgação/Hugo Lemes

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Quarto de Milha

Foi dada a largada para o 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha

Evento segue até dia 21 de abril, no Recinto Clibas de Almeida Prado, em Araçatuba (SP), cidade que agora é conhecida como a ‘Capital do Quarto de Milha’

Publicado

⠀em

Foi dada a largada para o 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha

Começou nesta quarta-feira (11), o 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha, o evento que é considerado um dos maiores da raça, será realizado em Araçatuba, no interior de São Paulo, até o dia 21 de abril.

E seguindo as expectativas da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha – ABQM, o evento recebeu 10.138 inscrições entre participantes de disputas pela ABQM e pela AQHA.

No total, serão 18 modalidades em pistas, com uma premiação já garantida de R$ 3 milhões, além de fivelas e troféus aos campeões. Para que gosta de acompanhar as disputas, o evento é aberto ao público mediante a cadastro que deve ser feito no site da ABQM.

Para o público de casa, vale destacar que as disputas serão transmitidas ao vivo através do canal da associação no Youtube. Um ponto importante sobre a competição é que, recentemente, Diretoria Executiva da associação, divulgou que vem trabalhando para fazer melhorias no recinto, algumas delas já prevista para esse evento.

Programação 33º Congresso Brasileiro ABQM

Abrindo as disputas do 33º Congresso Brasileiro, logo nesta quarta-feira (11), a partir das 8h, será realizada a prova de Laço Individual Técnico, com disputas nas modalidades Aberta Júnior, Aberta Sênior, Aberta Juvenil, Aberta Castrado Professional Light e Amador. A prova de Laço Individual Técnico será na Arena Ram.

Já na quinta-feira (12), continua as disputas de Laço Individual Técnico a partir das 8h, na sequência, ainda na Arena Ram, será a vez do Laço Individual – categoria Aberta. Ainda na quinta, a Arena Guabi receberá as provas de Rédeas e Western Pleasure.

Todas as informações, assim como a programação completa e ordem de entrada, podem ser acessadas através do hotsite do evento.

Por Heloisa Alves/Portal Cavalus 
Foto: Divulgação/ABQM

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Quarto de Milha

Contagem regressiva para o 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha

Evento será realizado de 10 a 22 de abril em Araçatuba (SP), e deve receber mais de dez mil inscritos

Publicado

⠀em

Contagem regressiva para o 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha

O 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha está chegando, de 10 a 22 de abril, a cidade de Araçatuba, no interior de São Paulo, irá receber, mais uma vez, uma das maiores competições da raça. E para falar um pouco sobre o Congresso, resgatamos um pouco da história do surgimento deste evento, que abre o calendário de provas no Recinto Clibas de Almeida Prado.

Com a expansão da raça Quarto de Milha por todo o Brasil, principalmente com animais voltados ao esporte, a diretoria da ABQM, que assumiu a Associação em março de 1989 e que tinha como presidente o criador bauruense Érico de Oliveira Braga, resolveu criar mais um grande evento da raça para comportar as inúmeras modalidades de Trabalho e da Conformação. E quase no encerramento de sua gestão, criou o I Congresso Brasileiro, sendo realizado no período de 21 a 24 de março de 1991, no Recinto Melo de Moraes, em Bauru (SP), computando 1,3 mil inscrições. Aliás, cidade e região que representam até hoje um grande polo da raça Quarto de Milha.

“Acredito ter sido um marco de novos grandes eventos. Dizer que foi fácil eu não poderia, mas contamos com uma equipe organizada e esforçada e, ainda, com o apoio intenso de minha esposa Sônia que, além de anfitriã, ajudou na decoração do recinto para a entrega de prêmios”, disse Érico Braga. Segundo ele, todos que ajudaram estavam munidos de muita vontade em acertar. “Esse 1º Congresso foi sem dúvida a maior festa vista até hoje por todos os quarteiros”, destacou o presidente ao final do evento. Além das provas, esse Congresso contou ainda com uma grande novidade que foi a Galeria de Garanhões, reunindo 35 destacados exemplares da raça.

Três estados receberam o Congresso Brasileiro

Sete cidades foram palcos da história do Congresso Brasileiro. Além de sediar o primeiro evento, Bauru (SP) recebeu o Campeonato também nos anos de 2001 e 2008. Na sequência foi a vez de outra cidade do interior paulista, Ribeirão Preto, no Parque Permanente de Exposições, em três oportunidades: 1992, 1993 e 2004. Em 1994 foi a paranaense Maringá, que realizou a festa no Parque Internacional de Exposições Francisco Feio Ribeiro. Já no Centro-Oeste do país, a capital do estado de Goiás, Goiânia, o evento ocorreu em 1995 no Parque de Exposições Pedro Ludovico Teixeira. A seguir, Presidente Prudente abriu as porteiras do Rancho Quarto de Milha em sete datas: 1996/97/98/99/2000/02 e 03. Outro município do estado de São Paulo que foi anfitrião e que teve o maior número de eventos foi Avaré, no Parque de Exposições Dr. Fernando Cruz Pimentel no período de 2005 a 2007, depois de maneira ininterrupta de 2009 até 2018. A partir dessa data, até esse 33º Congresso Brasileiro, a coletividade quartista vem sendo recebida em Araçatuba (SP) em seu estruturado Recinto de Exposições Clibas de Almeida Prado.

Novidades

Sempre com a finalidade em atender da melhor maneira possível os associados e todos os envolvidos com o Quarto de Milha, a ABQM participa que já está disponível toda a programação desse 33º Congresso Brasileiro de Conformação e Trabalho, com o cronograma completo das dezoito modalidades.

“É mais uma ação conquistada por nossa Diretoria Executiva que, com certeza, irá atender com muito sucesso e proporcionará aos quartistas mais comodidade e facilidade em se organizarem para participarem do evento”, enalteceu Monica Ribeiro de Castro Cunha, presidente da Associação. Ela destaca que é a primeira vez que essas informações são disponibilizadas antecipadamente: “Há pelo menos dez anos, não conseguíamos lançar com tamanha antecedência a programação completa”.

Por determinação da Diretoria, outra boa novidade é que o acesso ao parque estará aberto ao público, desde que as pessoas façam um cadastro prévio pelo site: www.abqm.com.br

Números previstos

Baseando-se nos últimos anos, o responsável pelo Departamento de Esportes, Henrique Campana, prevê que aproximadamente 10 mil conjuntos sejam inscritos. Em relação aos animais, ele calcula que por volta de 2,5 mil animais participarão das competições e que deverão ser conduzidos por cerca de 1,4 mil competidores. “O evento terá a distribuição de R$ 3 milhões garantidos pela ABQM, além de 430 fivelas aos campeões e 1,2 mil troféus aos três primeiros colocados”, completou Campana.

Leilões

Entre as atrações do 33º Congresso Brasileiro da ABQM, o parque alojará também aproximadamente 200 animais referentes a quatro importantes leilões da raça, promovidos por grupos de associados e todos apoiados pela ABQM, com previsão de início às 19h. São eles: Dia 16/04 – Leilão Santa Clara (organização: Criar Leilões e XR Leilões); Dia 18/04 – Leilão Trabalho & Cia – Edição 2024 (organização: Criar Leilões); Dia 19/04 – Leilão B2B Ranch (organização: WV Leilões); e Dia 20/04 – Leilão ZD & EK (organização: WV Leilões).

Por Divulgação/Assessoria de Imprensa – Abdalla Jorge Abib
Foto: Divulgação/Gerson Verga

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Quarto de Milha

Inscrições para o 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha terminam na próxima segunda

Evento será realizado de 10 a 21 de abril no Recinto Clibas de Almeida Prado, em Araçatuba (SP)

Publicado

⠀em

Inscrições para o 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha terminam na próxima segunda

No próximo dia 10 de abril será dada a largada para o 33º Congresso Brasileiro de Conformação e Trabalho do Quarto de Milha. O evento, que será realizado no Recinto Clibas de Almeida Prado, em Araçatuba (SP), receberá as disputas de 18 modalidades e já conta com uma premiação garantida de R$ 3 milhões.

Inscrições Congresso Brasileiro ABQM

Vale lembrar que as inscrições, que começaram no dia 14 deste mês, serão encerradas na próxima segunda-feira, 1º de abril, através do Seqm. Segundo o Departamento de Esportes da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha – ABQM, há uma estimativa, com base no evento anterior, da edição receber cerca de 2,5 animais e 1,4 mil competidores, o que pode totalizar aproximadamente 10 mil conjuntos inscritos.

E para os amantes das provas equestre, que gostam de acompanhar as disputas, o evento seguirá o modelo dos anos anteriores, sendo aberto ao público, mediante a cadastro, que deve ser feito para no site da ABQM. Além disso, vale lembrar que a programação completa, de todos eventos que acontecerão em Araçatuba, está disponível também no site da associação.

Outro ponto a se destacar é que, recentemente, a Diretoria Executiva da associação, divulgou que vem trabalhando para fazer melhorias no recinto, algumas delas já prevista para esse evento. Mais informações sobre o Congresso podem ser conferidas através do hotsite do evento.

Por Heloisa Alves/Portal Cavalus 
Foto: Divulgação/ABQM

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Quarto de Milha

Mundo do Quarto de Milha se despede de Hobby Top Cody

Considerado um dos ícones da raça no Brasil, garanhão deixou o seu legado na história do Quarto de Milha como um dos melhores reprodutores

Publicado

⠀em

Mundo do Quarto de Milha se despede de Hobby Top Cody

Na quarta-feira (20), recebemos com profundo pesar a notícia do falecimento Hobby Top Cody, garanhão da Fazenda Caruana. Filho de Topsail Cody em Slip a Hobby (por Hobby Horse), Hobby Top Cody, castanho, de 1988, era um dos ícones do cavalo Quarto de Milha no Brasil.

Em comunicado através das redes sociais, Paulo Farha, externou seus sentimentos. “Hoje um dos mais incríveis cavalos que tive a felicidade de ter cumpriu seu ciclo aqui e partiu para os pastos celestiais. Hobby foi uma paixão na minha vida, guerreiro, Campeão e produtor de grandes Campeões”, destacou.

Hobby Top Cody

Em vida, Hobby foi bicampeão Nacional de Rédeas pela ABQM (1993 e 1994), reservado campeão Nacional de Rédeas pela ABQM (1992) e da segunda seletiva brasileira do time de Rédeas FEI (2002).

Já como reprodutor, pela ABQM, são 545 filhos com registros, que somam 5825.5 pontos de RMT. Ele foi o reprodutor QM mais pontuado em 2009. Dentre os destaques de sua reprodução está ST Tapioca, com mais de 2300 pontos de RMT conforme dados da ABQM. Ele também tem filhos campeões em Seis Balizas, Rédeas, Laço, Team Penning, Apartação e Working Cow Horse.

Vale destacar que seu pai, Topsail Cody, é NRHA Hall Of Fame e NRHA Million Dollar Sire. Sr Fauzet e Paulo Farha no final da década de 90, importaram Hobby Top Cody dos Estados Unidos com a finalidade de dar início a uma nova fase em sua criação.

Ainda no comunicado sobre o falecimento, Paulo relembra quando escolher Hobby para o seu criatório, sendo essa uma escolha ‘perfeita e abençoada’. “Você foi um potro alegre, um jovem cheio de energia, um garanhão adulto com muita liderança, envelheceu com saúde e paz, e toda vida muito amado por todos na Caruana, sua casa”.

Por Heloisa Alves/Portal Cavalus
Fotos: Divulgação/Fazenda Caruana

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Quarto de Milha

Estão abertas as inscrições para processo seletivo para novos inspetores oficiais da ABQM

Interessados deverão enviar a documentação necessária até a próxima segunda-feira (25), através de e-mail

Publicado

⠀em

Estão abertas as inscrições para processo seletivo para novos inspetores oficiais da ABQM

Na última segunda-feira (18), a Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha – ABQM, abriu um processo seletivo para nos inspetores oficiais da raça. De acordo com a entidade, este processo de seleção é de abrangência nacional e será de responsabilidade do Serviço de Registro Genealógico da Associação, e ocorrerá em etapas.

Etapas processo seletivo

Primeiramente, será feita a análise curricular e documental dos candidatos, tendo como principais critérios a seleção daqueles que residem em regiões carentes deste serviço, bem como a qualificação curricular e comprovação documental dos itens solicitados.

Os candidatos selecionados deverão participar do curso teórico e prático, bem como obter 80% de aproveitamento em prova teórico-prática, para aprovação e liberação para estágio nos eventos oficiais da ABQM (Campeonato Nacional e Potro do Futuro).

Para inscrever-se, os interessados devem enviar a documentação para o e-mail [email protected], impreterivelmente até o dia 25/03/2024.

Documentação necessária

  1. Curriculum Vitae atualizado, com foto recente e dados cadastrais (CPF, Endereço, E-mail, telefone);
  2. Cópia do registro no CRMV ou CREA;
  3. Cópia do RG e CPF;
  4. Cópia do Comprovante de Endereço;
  5. Cartas de apresentação, indicando o candidato, assinadas por três (3) sócios plenos quites com a tesouraria da ABQM.

Por Assessoria de Imprensa/ABQM
Foto: Divulgação/ABQM

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Quarto de Milha

Estão abertas as inscrições para o 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha

No total, serão 18 modalidades em pista, com uma premiação garantida de R$ 3 milhões, além de fivelas e troféus aos campeões

Publicado

⠀em

Estão abertas as inscrições para o 33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha

Na última quinta-feira (14), a Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha – ABQM, abriu as inscrições para 33º Congresso Brasileiro e 40º Show AQHA, com a oficialização da American Quarter Horse Association (AQHA).

O evento, que acontecerá de 10 a 21 de abril no Recinto Clibas de Almeida Prado, em Araçatuba (SP), receberá 18 modalidades em pista, que já contam com R$ 3 milhões em premiação garantidas, além de troféus e fivelas aos campeões.

33º Congresso Brasileiro do Quarto de Milha

De acordo com Henrique Campana, responsável pelo Departamento de Esportes, existe uma estimativa, baseado nos últimos anos, que o 33º Congresso Brasileiro receba cerca de 2,5 animais e 1,4 mil competidores, o que pode totalizar aproximadamente 10 mil conjuntos inscritos.

Vale destacar que, recentemente, a Diretoria Executiva da associação, divulgou que vem trabalhando para fazer melhorias no recinto, algumas delas já prevista para esse evento. “Além das novidades que estamos colocando em prática já a partir deste evento e que, com certeza, irão ao encontro dos anseios dos quartistas, queremos proporcionar um ambiente acolhedor para quem vier ao evento”, destaca Mônica Ribeiro, presidente da entidade.

Por fim, é importante ressaltar que o evento segue aberto ao público, mediante ao cadastro a ser feito no site da ABQM. Além disso, as inscrições dos competidores devem ser feitas até o dia 1º de abril.

Por Heloisa Alves/Portal Cavalus (Com informações da ABQM/Abdalla Jorge Abib)
Foto: Heloisa Alves/Agência Cavalus

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Quarto de Milha

‘Valeu Boi’: Vaquejada movimenta cerca de R$ 800 milhões por ano

Vaqueiros de 12 estados brasileiros participam das disputas do 14° Derby de Vaquejada, 14° Congresso Brasileiro e 6ª Copa dos Campeões, em Bezerros (PE); ABQM irá distribuir R$600 mil em prêmios

Publicado

⠀em

'Valeu Boi' Vaquejada movimenta cerca de R$ 800 milhões por ano

A Associação Brasileira do Quarto de Milha (ABQM) abriu ontem (13) o calendário oficial de provas da raça 2024 com o 14º Derby, 14º Congresso Brasileiro e 6ª Copa dos Campeões de Vaquejada. As competições acontecem até o próximo domingo (17), no Parque Rufina Borba, em Bezerros (PE).

O Nordeste é a 2ª região do país com o maior plantel da raça. Valorizar a cultura nacional é um dos objetivos da vaquejada, esporte considerado Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil (LEI 13.364/2016), que une paixão, tradição e geração de emprego e renda.

“Não é possível falar de vaquejada, sem falar de Nordeste e do amor que é transmitido através das gerações pela prova e pelos cavalos. Incentivar que a modalidade esteja cada vez mais organizada, reconhecida e valorizada é um dos compromissos da ABQM com essa população que vive pelo cavalo, e que vê nas competições uma forma de divertimento para toda a família”, afirma Celso Pontes, vice-presidente da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha.

No total, 350 competidores de 12 estados brasileiros se inscreveram para as três provas oficiais de Vaquejada que abrem o calendário oficial de provas 2024 da ABQM e disputam a premiação total de R$ 600 mil reais. Pernambuco, Rio Grande do Norte e Paraíba tiveram o maior número de vaqueiros inscritos. De acordo com o Departamento de Esportes da ABQM, mais de 820 inscrições foram realizadas até o momento e uma equipe com mais de 150 profissionais trabalham no evento.

Vaquejada e a economia

Dados da Associação Brasileira de Vaquejada (ABVAQ), mostram que o esporte movimenta cerca de R$ 800 milhões por ano e gera 720 mil empregos diretos e indiretos, o que torna as provas da vaquejada importantes para a economia local, principalmente, em cidades que tem o agronegócio como principal atividade econômica.

“A vaquejada é sempre um momento de celebração e alegria. Todos os anos, Bezerros com os seus cerca de 60 mil habitantes são impactados de forma positiva pelas competições oficiais da ABQM, que atrai turistas e movimenta a economia da região. Nossa família quartista se sente à vontade aqui e temos certeza que juntos iremos fazer a maior competição de todos os tempos”, finaliza Mônica Ribeiro, presidente da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha.

Por Assessoria de Imprensa/ABQM
Foto: Divulgação/ABQM

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo

Quarto de Milha

Celebração à cultura nordestina, competições de Vaquejada começam no interior do Pernambuco

Associação Brasileira do Quarto de MIlha (ABQM) irá distribuir R$ 600 mil em prêmios nas provas oficiais da raça realizadas no Parque Rufina Borba, em Bezerros (PE), de 12 a 18 de março

Publicado

⠀em

Celebração à cultura nordestina, competições de vaquejada começam no interior do Pernambuco

Valorizar a cultura nacional é um dos objetivos da Vaquejada, prova considerada Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil (LEI 13.364/2016), que une paixão, tradição, empregos e renda para as cidades onde são realizadas as provas.

Nesta quarta-feira (13), a cidade de Bezerros, em Pernambuco, será palco de três competições importantes. Trata-se do 14° Derby Brasileiro de Vaquejada, 14° Congresso Brasileiro de Vaquejada e 6ª Copa dos Campeões de Vaquejada, eventos oficiais da Associação Brasileira do Cavalo Quarto de Milha (ABQM).

“Não é possível falar da modalidade, sem falar do Nordeste e do amor que é transmitido através das gerações pela prova e pelos cavalos”, afirma Celso Pontes, vice-presidente da ABQM.

“Incentivar que a modalidade esteja cada vez mais organizada, reconhecida e valorizada é um dos compromissos da ABQM com essa população que vive pelo cavalo, e que vê nas competições uma forma de divertimento para toda a família”.

Para as provas de 2024, competidores de todo o Brasil se inscreveram para as provas equestres do Quarto de Milha e irão disputar prêmios que somam R$600 mil reais. Além disso, são esperados muitos visitantes durante todos os dias de evento.

Segundo dados da Associação Brasileira de Vaquejada (ABVAQ), eventos da modalidade movimentam cerca de R$ 800 milhões por ano, e geram 720 mil empregos diretos e indiretos, o que torna as provas esportivas importantes para a economia local, em cidades que tem o agronegócio como principal atividade econômica.

Em Bezerros, que recebe o eventos oficiais da modalidade da ABQM, seus cerca de 60 mil habitantes são impactados de forma positiva pelas competições equestres. Movimentam a cidade, atraem turistas e movimentam o comércio, serviços e hotéis, além de ser mais um momento de descontração para a população local.

“A vaquejada é sempre um momento de celebração e alegria. Nossa família quartista se sente à vontade em Bezerros e temos certeza que juntos iremos fazer a maior competição de todos os tempos”, finaliza Mônica Ribeiro, presidente da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha.

14° Derby Brasileiro, 14° Congresso Brasileiro e 6ª Copa dos Campeões de Vaquejada

Acontecem de 13 a 17 de março de 2024

No Parque Rufina Borba, em Bezerros (PE)

Mais informações:

www.abqm.com.br/hotsite/congressovaquejada-2024

Por Assessoria de Imprensa/ABQM
Foto: Divulgação/ABQM

Leia mais notícias aqui.

Continue lendo