Assessoria

Seis Tres Parca apoia os Três Tambores

Garanhão é patrocinador oficial da categoria Feminina do VS Festival Indoor, uma das maiores competições de Três Tambores do Brasil

Publicado

⠀em

O ano está chegando ao fim, e agora as competições também dão uma pausa. Mas, antes das ‘férias’, é chegado o momento do tão esperado VS Festival Indoor, o maior Tira Teima do Brasil.

A competição, que começou no dia 29 de novembro, no Haras Raphaela, em Tietê (SP), conta com diversas novidades e é promovida em parceria entre o maior competidor da história do esporte, Vagner Simionato e a família Rugolo, uma das maiores organizadoras de provas do Brasil.

Além da categoria Tira Teima, que é considerada a maior da competição, seguimos também com os olhos atentos na categoria Feminino. E, como forma de incentivar o esporte nessa categoria, o garanhão, Seis Tres Parca (Tres Seis x Miss Fortunes Fool), é o patrocinador oficial da categoria nesta edição.

Então, além da premiação, as competidoras que ficarem no Top 10, receberão um brinde exclusivo do garanhão. Mas, as supressas não param por aí, Marcella Cavalcante, proprietária do tordilho, decidiu premiar também a primeira colocada com uma cobertura do Seis Tres Parca. Ou seja, além da premiação em dinheiro, a competidora poderá levar para a casa uma amostra de uma genética campeã do parceiro que você precisa ter no seu plantel.

“Somos em três mulheres em casa e essa é uma categoria bastante disputada, bem legal de acompanhar. Além do mais, é importante incentivar o esporte, e a mulher competidora, por isso, decidimos entrar com essa parceria”, comenta Marcella.

Então, com uma parceria de peso como essa, e com uma premiação que faz jus a essa genética, com a cobertura de Seis Tres Parca, que vem escrevendo uma história campeã, é quase impossível não sentir a vontade de colocar uma bota, subir em um cavalo e competir nos Três Tambores.

“God is good!”

Por: Equipe Portal Cavalus

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Três Tambores & Seis Balizas

Veri Real participa do podcast GA Cast

Em um bate-papo emocionante, a paratleta contou um pouco da sua história de superação, que passou por desacreditada por médicos de que nunca andaria à inspiração dentro dos Três Tambores

Publicado

⠀em

Veri Real

A história de superação da paratleta Veridiana Real é destaque do podcast GA Cast, divulgado nesta quinta-feira (19) e apresentado por Helo Arruda. O episódio já está disponível nas principais plataformas de áudio (Spotify, ApplePodcast, Deezer e Amazon), bem como no YouTube.

Na ocasião, Veri Real, como é conhecida, contou como mudou regras, quebrou barreiras e fez história. Afinal, de desenganada pela medicina ela virou inspiração. Por ter nascido com paralisia cerebral de nível motor dois, ela ouviu de muitos médicos que nunca andaria. Contudo, com o apoio fundamental e imprescindível da mãe, Andrea Real, ela decidiu não aceitar os diagnósticos médicos que lhe foram dados e foi à luta para escrever um novo rumo para a sua vida.

Hoje Veri Real se orgulha em ter se tornado uma paratleta da modalidade dos Três Tambores, a primeira da Associação Brasileira dos Criadores do Quarto de Milha (ABQM). Durante o epísódio do podcast GA Cast, Veri contou como teve a ideia de criar a categoria Paratambor nos Três Tambores, que mobilizou a Associação com sua causa e, assim, lhe garantiu o título de embaixadora da modalidade.

Veri também contou sobre as competições das quais participou, sobre a sua forte ligação com os cavalos, como lida com seu treinador, sua inesgotável vontade de vencer e muito mais. Para conferir o episódio na íntegra, clique no link a seguir: https://www.youtube.com/watch?v=1RhIlPnYi50

Acompanhe a Veri Real pelo site, Instagram e Facebook VeriReal.

Por: Equipe Cavalus Comunicação

Fotos: Arquivo

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Cavalo Árabe

Cavalo Árabe brilha durante o principal evento do Turfe Paulista

Em dois páreos eletrizantes, válidos pelo GP Wathba Stallions Cup, RG EL BACK foi o vencedor entre os machos e MARLIZE RACH a vencedora entre as fêmeas da raça

Publicado

⠀em

Cavalo Árabe

Durante o principal evento do turfe paulista e segundo maior sul-americano, o cavalo Árabe brilhou. E foi na tarde do último sábado (14) quando aconteceu o Grande Prêmio São Paulo no Jockey Club de São Paulo, com a realização de dois páreos promovidos pela Associação Brasileira dos Criadores de Cavalo Árabe (ABCCA)

Com o apoio do patrocinador HH Sheikh Mansoor Bin Zayed Al Nahyan Racing Festival, dos Emirados Árabes, exemplares machos e fêmeas da raça, de 5 ou mais anos de idade, se enfrentaram na pista de grama pelo GP Wathba Stallions Cup For Colts I e GP Wathba Stallions Cup For Fillies I. Ao todo, em jogo uma bolsa de R$ 40 mil em premiação, sendo R$ 20 mil para cada páreo.

Abrindo os trabalhos no dia para as partidas do Cavalo Árabe no Jockey Club de São Paulo, seis machos se enfrentaram nos 1.600m. Mesmo largando em último e permanecendo na traseira até a reta final, RG EL BACK, sob o comando do jóquei R. Viana, deu uma arrancada impressionante e, nos 200 metros finais, assumiu a ponteira cruzando em primeiro na faixa final.

RG EL BACK (RG KARAT e ENDORA) é de criação e propriedade de Claudio Roberto Guimarães Ribas e foi treinado por E. Petrochinski. “Ele me surpreendeu, porque a linhagem dele é mais de distâncias longas e essa foi a primeira ou segunda vez que correu na milha. Ele largou em último, eu achei que não ia dar tempo, mas deu e ganhar no GP é uma maravilha”, comemora o treinador.

Disputa acirrada entre as fêmeas da raça no principal evento do turfe paulista

A disputa entre as fêmeas da raça Árabe também foi surpreendente durante o principal evento do turfe paulista. Ao todo, oito exemplares largaram pelo GP Wathba Stallions Cup For Fillies I, nos 1.400m na pista de grama. Na reta final, a decisão ainda não estava certa, mas nos metros finais MARLIZE RACH – sob o comando do jóquei W.Ariel – atropelou e assumiu a ponteira, se consagrando a vencedora do páreo.

MARLIZE RACH (EKSORT RACH e MUSA RACH) é de criação e propriedade do Rach Stud. “Uma corrida muito bacana, bem equilibrada, até o final não sabíamos quem ia ganhar”, conta Ricardo Saliba, do Rach Stud. “Foi muito importante ganhar, porque ganhou uma égua de criação nossa, pura polonesa, ela é irmã materna do Mentor Rach, que correu o páreo anterior, ela é neta do Polonês. O pai é Eksort, que a gente perdeu tem 20 dias. Então, foi uma homenagem bacana ao pai a vitória da filha”.

“A Marlize é uma potranca boa, que tinha uma vitória na distância mais curta e agora voltou a correr muito bem, deu uma atropelada bonita e conseguimos chegar no primeiro lugar. Ela é irmã do Mentor, que tem sete vitórias, e ela será uma futura reprodutora lá do Rach Stud. É um trabalho bem legal, acho que estamos há quase oito anos com as corridas aqui e é muito legal, gratificante quando ganha”, acrescenta Lucas Quintana.

Crescimento das corridas do Cavalo Árabe

Diretor de Esportes da ABCCA, Ricardo Saliba ainda aproveitou o principal evento do turfe paulista para convidar os demais proprietários de cavalo Árabe a entrarem nesse universo eletrizante dos turfes da raça. “Um ano que está começando, que vai ter muita coisa boa pela frente, muita premiação. A gente insiste que os proprietários de cavalo Árabe venham, tragam seus animais ao Jockey Club de São Paulo para prestigiar o programa de Corrida. É bom participar, como é no enduro, no halter. Aqui no Jockey Club de São Paulo é muito emoção e a gente fica gratificado com os resultados”.

Por fim, o Diretor de Corrida da ABCCA, Almir Ribeiro lembra que no próximo sábado (21) o Jockey Club de São Paulo irá sediar mais dois grandes páreos da raça Árabe. “Essa semana é a mais importante do turfe paulista, com esses dois páreos durante o GP São Paulo, e no próximo sábado teremos mais dois páreos, onde teremos todos os nossos animais Árabes em pista. No total, iremos distribuir, no total, R$ 80 mil de premiação e teremos, aproximadamente, 40 animais correndo nos quatro páreos”.

E o Diretor de Corridas da ABCCA ainda acrescenta: “Importante mostrar que o cavalo Árabe faz parte das corridas de cavalo na América do Sul, mais precisamente no Brasil, e que é uma atividade que vem crescendo cada vez mais. No dia 18 de maio teremos uma live, às 20h, pelo Instagram da ABCCA (@abccarabe), onde poderemos conversar um pouco mais sobre o presente e o futuro das corridas do cavalo Árabe no Brasil”, finaliza Ribeiro.

Por: Natália de Oliveira e Verônica Formigoni/Cavalus Comunicação Equestre
Crédito das foto em destaque: Divulgação/JCSP/Porfírio Menezes

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Cavalo Árabe

Corridas do cavalo Árabe devem movimentar mais de R$ 1,2 milhão em prêmios

Estimativa é referente aos páreos da raça realizados no Jockey Club de São Paulo no período de 2020 até o fim de 2022, segundo a ABCCA

Publicado

⠀em

“Atenção… é dada a largada a mais um páreo exclusivo da raça Árabe”. Quando o narrador anuncia o início das corridas no Jockey Club de São Paulo é impossível que os proprietários dos exemplares em disputa não sejam tomados pela emoção e adrenalina que a Corrida proporciona. Afinal, a modalidade por si só já é fascinante, mas se for levar em conta ainda a premiação em jogo a comoção pode ser ainda maior.

De acordo com estimativa da Associação Brasileira dos Criadores de Cavalo Árabe (ABCCA), as corridas do cavalo Árabe devem movimentar mais de R$ 1,2 milhão em prêmios. Esse valor é referente aos páreos realizados a partir de 2020 – quando a ABCCA fortaleceu a parceria com o Hipódromo de Cidade Jardim, incluindo os páreos do Cavalo Árabe no Calendário Mundial de Corrida – até o fim de 2022.

Almir Ribeiro, Diretor de Corridas da ABCCA, conta que esses valores foram obtidos especialmente através da captação de patrocínios internacionais. Entre eles, Sheikh Mansoor Bin Zayed Al Nahyan – UAE, Wathba Stud – UAE, Qatar Racing & Equestrian Club – Qatar, Al Shahania Stud – Qatar, Al Shaqab Racing – Qatar e Umm Qarn Farm – Qatar.

Como resultado dos trabalhos desempenhados pela ABCCA a fim de fomentar a modalidade de Corrida entre os adeptos da raça, houve uma elevação do número de cavalos no Jockey Clube: em 2021 havia 62% mais animais em treinamento e 83% mais proprietários do que em 2019. E a expectativa para essa temporada, ainda de acordo com a ABCCA, é da inserção de mais criadores e proprietários na modalidade.

Grandes Prêmios do Cavalo Árabe no JCSP

Neste sábado (14), a partir das 12h15, acontece o principal evento do turfe paulista e segundo maior sul-americano. Trata-se do Grande Prêmio São Paulo, no qual o cavalo Árabe estará presente com a realização de dois páreos exclusivos, que distribuíram R$ 40 mil em prêmios, graças ao patrocinador Wathba Stud, dos Emirados Árabes.

São eles, o GP WATHBA STALLIONS CUP para machos de 5 ou mais anos de idade, nos 1.600m, e o GP WATHBA SALLIONS CUP para fêmeas de 5 ou mais anos de idade, nos 1.400m. Ambos páreos serão realizados na pista de grama.
Já no dia 21 de maio, a ABCCA irá promover mais dois Grandes Prêmios no Jockey Club de Sâo Paulo. Desta vez, para os animais mais jovens, sendo machos e fêmeas da raça Árabe nascidos em 2018. A premiação será a mesma, de R$ 20 mil para cada GP.

Quem não puder ir até o Hipódromo de Cidade Jardim para acompanhar as corridas, pode assistir ao vivo pelo canal do YouTube do JCSP ou pelo canal 2 da Claro NET, na capital paulista.

Por: Natália de Oliveira/Cavalus Comunicação Equestre
Crédito das fotos: Divulgação/JCSP/Porfírio Menezes

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Quarto de Milha

Rancho Promissão – Ser rancheiro é valorizar o envolvimento com a terra e amor aos animais

Do ponto de vista da família do Rancho Promissão, ser rancheiro consiste em um estilo de vida de quem tem amor à terra, aos animais e a Deus!

Publicado

⠀em

1º Leilão Estilo Rancheiro

No dicionário da língua portuguesa encontramos diversas definições para a palavra rancheiro. Como, por exemplo, dono ou chefe de um rancho.

Contudo, ser rancheiro para a família Bezerra, do Rancho Promissão, localizado em Avaré/SP, vai muito além de uma mera definição. Trata-se de um estilo de vida de quem é, de fato, apegado à terra, aos animais e, acima de tudo, a Deus. Afinal, é Ele que ajuda a todos nessa caminhada.

A palavra rancheiro tem tanto significado na vida da família Bezerra que se tornou uma marca, um slogan do haras: “#EuSouRancheiro. Porque por lá, eles criam mais do que cavalos da raça Quarto de Milha, eles criam uma relação de respeito e amor pela terra, pelas pessoas que fazem parte dela. Ou seja, ser rancheiro é ter paixão pela terra, pelo interior e suas particularidades.

Mas as características de um rancheiro no Rancho Promissão não param por aí. Um dos pontos fortes de quem é rancheiro é o espírito fraterno, bem como o gosto em colaborar e compartilhar. E é uma grande alegria dividir os momentos em família.

“Um rancheiro respeita as pessoas e, principalmente, a sabedoria dos mais experientes. É resiliente e paciente, sabe que não pode vencer o tempo todo e, assim, é tolerante no convívio com as pessoas. Claro, sempre aproveitando as coisas simples e com muita fé”, comenta Fred Bezerra, do Rancho Promissão.

Ser rancheiro é uma semente que foi plantada no DNA da família Bezerra, e eles ressaltam a simplicidade em pequenas coisas. “É reconhecer e valorizar as coisas que parecem simples, mas que possuem um significado imensurável. Como um passeio a cavalo, uma roda de tereré, uma comida boa ou aquele café na hora certa”, comenta Djalma Neto.

Ah!… ser rancheiro é bom demais, não é mesmo?! É um estilo de vida de quem sabe aproveitar, de fato, a vida e reconhecer o quanto ela é maravilhosa, seja nos momentos em família, com amigos, em cima do lombo de um cavalo.

E tudo isso implica em uma criação consciente em parcimônia com a natureza e o instinto dos cavalos, formando um plantel com animais das melhores genéticas que são dia a dia trabalhados a darem o melhor de si no que gostam realmente, isso claro, com bom manejo e o treinamento adequado em cada modalidade.

E com tanto orgulho do #eusouranchiero, o Rancho Promissão realiza no dia 17 de maio, o 1º Leilão Estilo Rancheiro, apresentando um pouco ao mercado alguns animais que realmente passam esse estilo.

Para conhecer mais o Rancho Promissão acesse: www.ranchopromissao.com.br

Por: Equipe Cavalus Comunicação

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Centrais de Reprodução

ENBREQUI reúne principais nomes da área de reprodução equina do país e do mundo

Encontro ENBREQUI será realizado entre os dias 19 e 20 de maio no Haras Raphaela em Tietê/SP

Publicado

⠀em

ENBREQUI

Nos próximos dias 19 e 20 de maio, Tietê/SP será a casa da reprodução equina no Brasil. O Haras Raphaela receberá a 10ª edição do Encontro Brasil de Reprodução Equina (ENBREQUI).

O evento, focado na atualização e aprimoramento dos conhecimentos sobre a área de reprodução equina, reunirá profissionais da área veterinária do Brasil e do mundo.

O encontro, realizado anualmente, promove a troca de experiências, networking entre os profissionais a fim de expandir os conhecimentos.

Palestras com profissionais renomados, como o professor Dr. Júlio Jacob; Professor Dr. Marco Antônio Alvarenga; Dr. Marcelo Pessoa; Dra. Guta Alonso; Dra. Perla Fleury; Dra. Giovana Di Donato Catandi; Dr. Edward Squires, Dr. Claudio Haga, Dr. Juan Francisco, Dr. Eduardo Onoe, Dr. Julhiano Baldan Rossini; Dr. Gustavo Ferrer; Dr. Henrique Favareto; Dra. Ana Claudia Gorino; Dr. Rafael Guedes Goreti; Dr. Gabriel Monteiro; Dra. Ana Claudia Barbosa Fernandes; Dr. Haroldo Vargas; Dr. Robert Douglas; Dr. Claudio Haga; Dr. Eduardo One; Dr. Felipe Pires Hartwing;Dr. José Antônio Della’agua Junior; Dr. Frederico Lança Schimitt; Dr. Juan Francisco; Dr. Luiz Roberto Domingues R. Filho; Dra. Maria de Lourdes de Paiva Palhares; Dr. Julio Jacob; Dr. Marco Antônio Alvarenga e Dr. Rubens Paes Arruda.

Segundo Dr. Márcio Teoro do Carmo, membro da comissão organizadora do ENBREQUI, o encontro reunirá palestras os melhores profissionais da atualidade, abordando diversos assuntos importantes para o setor. “Uma ótima oportunidade dos profissionais da área se atualizarem com as principais novidades do meio, uma troca de experiências incrível e surpreendente”, enfatiza.

Outras atrações Enbrequi

Além das palestras com grandes nomes do meio, os visitantes poderão ainda visitar estandes de empresas e conhecer mais sobre os produtos e serviços, criando uma conexão entre os profissionais em diversas áreas relacionadas à reprodução Equina.

E para deixar o evento ainda mais descontraído, o ENBREQUI terá ainda um show especial no Buteco Enbrequi com Fiduma &Jeca.

As inscrições pela o ENBREQUI estão abertas e podem ser realizadas pelo site: https://enbrequi.com.br.

Serviço

10ª edição do Encontro Brasil de Reprodução Equina (ENBREQUI)

Data: 19 e 20 de maio

Local: Haras Raphaela – Tietê/SP

Mais informações: https://enbrequi.com.br

Por: Camila Pedroso

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Haras Raphaela

3ª etapa do Circuito Barrel Race agita o Haras Raphaela

De 6 a 7 de maio, Circuito Barrel Race conta com mais de 700 inscrições, todos em busca dos mais de R$ 50 mil em prêmios. Etapa recebe animais de todas as raças

Publicado

⠀em

3ª etapa do Circuito Barrel Race agita o Haras Raphaela

Entre hoje e amanhã (6 e 7), Haras Raphaela em Tietê/SP recebe a 3ª etapa do Circuito Barrel Race.

Desenvolvido pela National Barrel Horse Association Brazil (NBHA Brazil), a etapa é oficializada pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha (ABQM) e homologada pela Confederação Brasileira de Hipismo (CBH).

Segundo o presidente da NBHA Abelardo Peixoto, mais de 700 atletas se inscreveram para participar da etapa que oferece mais de R$ 50 mil em premiação.

Circuito Barrel Race recebe todas as raças

A etapa possui o diferencial de receber animais de todas as raças para participar das modalidades de Três Tambores e Seis Balizas. “Trabalhamos arduamente para que o esporte alcance todos os cantos do Brasil por isso atuamos no fomento das modalidades em todas as raças”, afirma Abelardo Peixoto.

O evento já está com 200 baias reservadas, o que aponta o sucesso previsto para essa edição. “Mesmo pós o Congresso, que é um grande evento das modalidades, temos a expectativa que será uma edição com muito sucesso e qualidade dos conjuntos nas pistas”, afirma.

NBHA trabalha em prol do fomento a modalidade

A NBRH possui um trabalho árduo com as crianças, visando a continuação do esporte. Por isso, para essa edição, o Circuito Barrel Race contará com as categorias Kids, Paratambor e Paraequestre.

“Nosso objetivo é despertar nas crianças o interesse pelo animal, elas são o futuro do esporte e precisamos estimular elas’, finaliza Abelardo Peixoto.

O evento será aberto ao público.

Serviço

3ª etapa do Circuito Barrel Race

Data: 6 e 7 de maio

Local: Haras Raphaela – Tietê/SP

Por: Camila Pedroso/Equipe Cavalus Comunicação

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Cavalo Árabe

91 conjuntos Árabes participam da 2ª Etapa do Campeonato Paulista de Enduro

As habilidades dos cavaleiros e as aptidões dos cavalos árabes foram testadas a todo momento devido ao terreno bastante acidentado, deixando a prova bastante técnica

Publicado

⠀em

91 conjuntos de cavalos Árabes participam da 2ª Etapa do Campeonato Paulista de Enduro

Entre os dias 29 de abril e primeiro de maio, o Haras Endurance, recebeu as disputas da 2ª etapa do Campeonato Paulista de Enduro. Ao todo, a prova contabilizou 121 inscrições, sendo 91 de conjuntos formados por exemplares de cavalo Árabe: 70 com Puro Sangue Árabe, 14 com Anglo Árabe e 7 com Cruza Árabe.

Segundo Beto Rossi, Diretor de Enduro da Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA), as condições climáticas na cidade durante os dois dias de provas favoreceram a etapa. Contudo, o terreno com uma topografia mais acentuada e alguns pontos mais acidentados do Haras Endurance deixaram a prova de Enduro bastante técnica, tanto na velocidade quanto na regularidade.

“A topografia da prova tinha um relevo mais acidentado que outras provas, deixando a prova muito técnica. Nas principais categorias, a 120 km Adulto e 100 km, alguns conjuntos sentiram a dificuldade por conta de trechos mais acidentados. Mas isso faz parte da prova de enduro, e os cavaleiros souberam medir a velocidade e as condições do terreno para obter sucesso”, frisa Rossi.

Percurso do Campeonato Paulista de Enduro

84 conjuntos, dos 121 inscritos concluíram a prova. “Na prova principal, de 120 km largaram 13 cavalos e somente quatro cumpriram o trajeto completo, terminando em condições perfeitas. Os demais cavalos tiveram problemas por conta dos trechos mais acidentados do relevo e passagem por trechos com pedras. A prova foi bem sucedida, nenhum cavalo cansou demais. Com as trilhas bem marcadas, fortes, valorizaram a técnica dos cavaleiros e a aptidão dos cavalos”, finaliza o Diretor de Enduro da ABCCA.

As disputas aconteceram em 15 categorias diferentes, entre provas de velocidade e regularidade. Na CEI2* 120KM ADULTO – FEI.

Para conferir os conjuntos campeões de cada categoria da 2ª etapa do Campeonato Paulista de Enduro, clique aqui.

Por: Natália de Oliveira/Cavalus Comunicação Equestre

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Cavalo Árabe

21ª ExpoGrande Arabian Show atrai interesse de novos criadores de cavalo Árabe

Evento reuniu criadores de quatro estados e for organizado pela Associação de Criadores do Cavalo Árabe do Mato Grosso do Sul (ACCA-MS), com o apoio da Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA)

Publicado

⠀em

21ª ExpoGrande Arabian Show atrai interesse de novos criadores de cavalos Árabe

O Parque de Exposições Laucídio Coelho, em Campo Grande/MS, foi palco, nos dias 29 e 30 de abril, da 21ª ExpoGrande Arabian Show. O evento – organização pela Associação de Criadores do Cavalo Árabe do Mato Grosso do Sul (ACCA-MS), com o apoio da Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA) – reuniu criadores da raça de quatro estados diferentes (MS, MT, SP e PR), entre visitantes e expositores.

Walter Dias Ribeiro, Diretor de Exposições da ACCA-MS, conta que a exposição foi de alto nível de qualidade e, com isso, obtive resultados satisfatórios. “Foi a nossa primeira exposição pós pandemia, o resultado foi muito bom, um ambiente de muita confraternização, criadores novamente se animando a preparar animais para as próximas exposições um retorno muito satisfatório”.

Além disso, Ribeiro ressalta que a exposição conseguiu despertar o interesse de novos investidores no Cavalo Árabe. “Tivemos alguns interessados novos, tanto na exposição, como na apresentação no Haras Engenho”, ressalta o Diretor de Exposição da ACCA-MS.

Exemplares de cavalo árabe campeões da ExpoGrande Arabian Show

Como resultado das disputas de Halter, WHAYNAH SHALOM (AG SHALOM x WINNY EL HYLAN, por HYLAN) se consagrou Campeã Égua Ouro da 21ª ExpoGrande Arabian Show. Já KIKAN EL KABURR JQ (KABURR EL KARIM JQ x AF IENA, por AF EDIL) conquistou o título de Campeão Cavalo Ouro do evento.

Para conferir todos os resultados da edição de 2022 a ExpoGrande Arabian Show, acesse.

Por: Natália de Oliveira/Cavalus Comunicação Equestre

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Crioulo

Bocal de Ouro 2022 fecha com médias históricas entre as fêmeas

Parceiros Vetinil, fêmea Oitava Rima da Cabanha Santa Fé com o ginete Fábio Teixeira da Silveira e o macho Campana Echo a Mano com o ginete Fagner Crescêncio Espíndola conquistaram o prêmio Bocal de Ouro 2022

Publicado

⠀em

Bocal de Ouro 2022 fecha com médias históricas entre as fêmeas

O Bocal de Ouro 2022 marca seu nome na história da raça Crioula devido às médias históricas conquistadas pelos conjuntos.

Organizado pela Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Crioulo (ABCCC), o Bocal de Outo aconteceu de 27 de abril a 1º de maio, no Parque Assis Brasil, em Esteio/RS.

O evento – dedicado aos cavalos e éguas inéditos, aqueles que nunca haviam participado do Ciclo do Freio de Ouro anteriormente -, consagrou parceiros Vetnil campeões, com direito a médias históricas entre as fêmeas, ou seja, mais de 20 pontos.

Foi o caso da fêmea Oitava Rima da Cabanha Santa Fé, exposta por Gilberto Rodrigues de Freitas, da Cabanha Santa Fé de Aceguá/RS, que conquistou o título Bocal de Ouro 2022, com a nota final de 21,498. Filha de JA Impulso com Elite da Cabanha Santa Fé, a fêmea foi conduzida pelo ginete Fábio Teixeira da Silveira, que também levou o título de Ginete Destaque da categoria. 

Já entre os machos, outro parceiro Vetnil se consagrou o Bocal de Ouro 2022, com a média final de 20,756. Trata-se do zaino Campana Echo a Mano, filho de Triunfo do Purunã e Campana Ana Terra, que foi conduzido neste Bocal por Fagner Crescêncio Espíndola, indicado como Ginete Destaque da categoria. O animal foi exposto por André Rodigheri, da Cabanha Rodigheri, de Osório/RS.             

Os Bocais de Alpaca, também parceiros Vetnil, foram Quitanda do Ouriço, conduzida por Eduardo Weber de Quadros, e RE Muticura, conduzido por Jardel Finkenauer Pereira. Vale lembrar que os dezesseis classificados das duas categorias – machos e fêmeas -, dos quais nove são conjuntos parceiros da Vetnileles correrão o Freio de Ouro 2022, o evento máximo do Cavalo Crioulo, que acontece durante a Expointer, no período de 27 de agosto a 04 de setembro.

Vetnil, patrocinadora oficial do Cavalo Crioulo no Bocal de Ouro

A parceria da Vetnil e cavalo Crioulo já dura quase oito anos, agregando valor, reconhecimento e visibilidade para a raça e a empresa. Durante os dias do Bocal de Ouro 2022, a Casa Vetnil no Boulevard do Cavalo Crioulo, que funciona dentro do Parque Assis Brasil, ficou aberta para atendimento da equipe técnica a todos os clientes e parceiros, com aquele café ou chimarrão sempre quentinho, um bolo e uma prosa acolhedora.  

“Um acolhimento como a casa da gente, bem simples, mas acolhedor; e que tem tudo a ver com a regionalização do cavalo Crioulo, que é o tratamento de uma família. E ainda todos puderam ter acesso à linha de suplementos e medicamentos da Vetnil, para o cavalo atleta”, finaliza Luciano Picawy, médico-veterinário e integrante da equipe Vetnil que esteve presente durante os dias do evento.

Por: Equipe Cavalus Comunicação Equestre

Fotos: Divulgação

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Cuide bem do seu Cavalo

Vitaminas do complexo B são importantes para a saúde dos cavalos

Incluindo vitaminas como a B1, B3, B5, B6, B9 e B12, o complexo B é importante para todos os animais, por atuarem no metabolismo energético e proteico, sendo ainda mais exigidas por animais atletas

Publicado

⠀em

Vitaminas do complexo B são importantes para a saúde dos cavalos

A ingestão adequada de vitaminas é imprescindível para a saúde dos cavalos. Como parte do cuidado com eles, conte com o médico veterinário para garantir que elas sejam ingeridas em quantidade adequadas, seja pela dieta base, suplementação ou por medicamentos, lembrando que as necessidades podem ser distintas de acordo com a categoria ou idade.

Dentro da gama de nutrientes essenciais estão as vitaminas, que são definidas como moléculas orgânicas necessárias para o funcionamento adequado do organismo.

Elas não são usadas como fontes de energia, mas participam dos processos metabólicos para sua geração.

A adição de vitaminas na alimentação do seu animal pode trazer muitos benefícios. Por exemplo, animais atletas que participam de competições precisam de vitaminas do complexo B para terem um bom desempenho.

Conversamos com o Médico Veterinário e Analista de Desenvolvimento de Produtos da Vetnil, Kauê Ribeiro da Silva, para entender quais são as funções de algumas das vitaminas do complexo B.

Quais são as vitaminas do complexo B?

Segundo Silva, a vitamina B1 (tiamina) participa do metabolismo de carboidratos e no funcionamento do sistema nervoso, tendo efeito no estímulo de apetite e ganho de peso de cavalos.

Já a vitamina B3 (niacina, nicotinamida ou ácido nicotínico), atua em reações bioquímicas essenciais ao metabolismo das células, com participação na transcrição de DNA e apoptose celular.

Metabólitos derivados da vitamina B3 (NAD+, NADH, NADP+ e NADPH) desempenham importante papel no metabolismo energético celular e na reparação do DNA.

A vitamina B5 (ácido pantotênico ou pantotenato de cálcio) atua na formação da coenzima A, essencial para o ciclo de Krebs – uma série de reações químicas que ocorrem para geração de energia celular.

Passando para a vitamina B6 (piridoxina), explica Silva, ela participa da síntese de proteínas e turnover proteico, sendo fundamental para formar proteínas em diversos tecidos e órgãos, como o fígado e a musculatura.

A vitamina B9 (ácido fólico) é fundamental para replicação celular. É especialmente demandada pelo organismo de éguas gestantes, desde o início da gestação, participando do fechamento do tubo neural, até a formação fetal e desenvolvimento final.

Por fim, está a vitamina B12 (cobalamina ou cianocobalamina). Ela participa do metabolismo de carboidratos e lipídios, além do metabolismo dos ácidos nucleicos e da síntese de catecolaminas, afetando também o apetite dos cavalos. É fundamental para os processos de divisão celular, sendo altamente demandada para eritropoiese, por exemplo. Além disso, a vitamina B12 previne danos aos nervos, mantém a fertilidade e promove crescimento e desenvolvimento.

“Com base nisso, pode-se entender o porquê de o uso de produtos que contenham vitaminas do complexo B auxiliar em diferentes casos clínicos, que envolvam equinos com exigências metabólicas que excedam a quantidade das vitaminas presente na dieta ou com enfermidades que afetem sua absorção enteral”, finaliza o médico veterinário Kaue Ribeiro da Silva.

Consulte seu médico veterinário para garantir a saúde e bem-estar dos seus cavalos.

Por: Camila Pedroso

Colaboração: Natália de Oliveira

Fotos: Divulgação/Pixabay

Mais notícias no portal Cavalus

Continue lendo

Categorias

COPYRIGHT © 2021 CAVALUS. TODOS DIREITOS RESERVADOS
ESSE SITE É PROTEGIDO PELO GOOGLE RECAPTCHA
POLÍTICA DE PRIVACIDADE | TERMOS DE SERVIÇO