Cinema

Nico, o Unicórnio

Em Nico, o Unicórnio, um menino de 11 anos de idade luta para lidar com uma deficiência, ao mesmo tempo que encontra um pônei que dá à luz um unicórnio que vira seu amigo

Publicado

⠀em

Nico, o Unicórnio, é o nome de um livro de ficção juvenil de 1996. Um romance popular para jovens adultos. O filme, de mesmo nome, foi adaptado para o cinema de 1998. Ademais, o livro foi escrito por Frank Sacks, que também escreveu o roteiro do filme. A película para as telonas foi dirigida por Graeme Campbell.

Então, no enredo de Nico, o Unicórnio, Billy passou por um acidente que resultou em ferimentos permanentes na perna. Um motorista bêbado matou seu pai e quase tirou a vida do menino de 11 anos. Billy e sua mãe Julie se mudam de Boston para uma nova cidade na zona rural de Vermont na esperança de escapar das más lembranças do acidente.

Em Nico, o Unicórnio, um menino de 11 anos de idade luta para lidar com uma deficiência quando encontra um pônei que vira seu amigo

Billy vive sua nova vida enquanto tenta fazer amigos. Assim, ele e a mãe visitam o Starlight Circus, um circo já decadente, na tentativa de distraírem-se. Lá ele conhece um pônei abandonado e a leva para casa. Surpreendentemente, esse pônei fêmea dá à luz um unicórnio, que Billy coloca o nome de Nico. Posteriormente, o pônei é morto por um leão da montanha ao defender a cria.

Dessa forma, o menino sabe que precisará fazer o que puder com seu segredo para proteger seu novo amigo. Nico, o unicórnio, parece ter poderes mágicos. Muitas aventuras pelas montanhas acontecem na sequencia das cenas.

Kevin Zegers faz Billy Hastings. No elenco ainda Anne Archer (Julie), Michael Ontkean (Tom Gentry), Pierre Chagnon (Ben Willett), Elisha Cuthbert (Carolyn Price). Amigos e desafetos que o garoto faz ao longo do filme. As filmagens aconteceram em Eastern Townships do Canadá.

Assista ao trailer:

Fonte: Imdb

Veja mais da editoria Cinema no portal Cavalus

Cinema

Camp Harlow

É um drama religioso que envolve a mudança de comportamento de uma adolescente quando ela vai para um acampamento e tem contato, acima de tudo, com um dos cavalos

Publicado

⠀em

Camp Harlow conta a comovente história de Alex (AJ Olson). Uma adolescente valentona que passa seu tempo atacando colegas de classe e tornando suas vidas o mais miseráveis ​​que pode. Tudo isso porque dentro de casa ela ouve diariamente seus pais brigando por anos e torna-se uma menina revoltada.

Quando o ano letivo termina, Alex aceita o convite para ir ao acampamento de verão com seu namorado, Eric (Andrew Dyer), e escapar de sua vida familiar tensa. Chegando lá descobre que é um acampamento cristão e ela teria que lidar com situações que não está acostumada. Eric e sua conselheira Sam (Monique Hurd) tentam atraí-la para as atividades do acampamento.

Entre elas, o trabalho de doma de um dos cavalos. O contato com os cavalos, então, e a vida no campo, passeios e cavalgadas, amenizam o gênio da garota. O filme mostra ainda o dia a dia simples do campo, momentos como escovar um cavalo ou encilha-lo.

Aos poucos ela aceita o que o namorado e os amigos estão propondo e abre seu coração. Um alerta, sem dúvida, para a mudança de vida que Alex tanto precisa. Mas, será o suficiente para realmente mudar sua vida ou ela apenas retornará aos seus métodos de intimidação quando o acampamento terminar? O convívio com os cavalos do acampamento realmente será decisivo?

Assista o trailler de Camp Harlow:

Fonte: commonsensemedia

Veja mais da editoria Cinema no portal Cavalus

Continue lendo

Cinema

The Horse Boy – O Menino e o Cavalo

É o título de um livro autobiográfico e um documentário que mostra como o cavalo pode curar e mudar a vida das pessoas

Publicado

⠀em

Baseado em um livro autobiográfico, a estreia mundial do documentário The Horse Boy foi em 2009. Antes de mais nada, segue a busca de Rupert Isaacson e sua esposa, Kristen Neff, a fim de encontrar a cura para seu filho autista, Rowan. A família deixa sua casa no Texas em uma árdua jornada para a Mongólia logo depois que descobre que a condição de Rowan melhora no contato com cavalos.

Durante essa viagem do Texas às estepes da Mongólia, os Isaacson’s buscam uma cura descrita como xamânica para seu filho autista. Ao longo do documentário você testemunha as lutas do casal, suas dúvidas, bem como a comemoração das pequenas vitórias. Mas os vemos também no stress dos retrocessos e nos momentos de profundo cansaço e desânimo perante um desafio hercúleo.

The Horse Boy é o título de um livro autobiográfico e um documentário que mostra como o cavalo pode curar e mudar a vida das pessoas

O pequeno Rowan tem uma relação especial com animais, principalmente com os cavalos. Com toda a certeza, esse é o fio condutor, não apenas da experiência, como também do filme. A câmera viajante capta os comentários imediatos dos pais, em vez de reflexões ponderadas a posteriori. Daí um sentido de urgência, temperado pelo lirismo com que se tratam lugares e sentimentos.

Michel Orion Scott dirigiu The Horse Boy, distribuído pela Zeitgeist Films. O documentário ganhou prêmios, como o do Festival de Cinema de Sundance 2009. No mesmo ano, ganhou o Feature Film Audience Award, como melhor Longa-Metragem de 2009 do festival South by Southwest. Enquanto o livro, lançado pela Little Brown and Company, foi best-seller do New York Times.

É um filme muito bonito, tanto pelas paisagens quanto pela mensagem que passa. Assista ao trailler:

Fonte: fimow, wikipedia

Veja mais da editoria Cinema no portal Cavalus

Continue lendo

Cinema

Hope Ranch

Com a ajuda de seu majestoso cavalo, uma viúva e sua filha tramam um plano para salvar o rancho da família

Publicado

⠀em

Hope Ranch começa como todo filme de cavalo que amamos: lindos pastos, cercas, baias e, claro, os cavalos. Mas, à medida que o enredo avança, nos deparamos com a história de superação de Rebecca (Marisa Brown) e sua filha Grace (Grace Van Dien). Mike (John Schneider), marido de Rebecca e pai de Grace, é militar e um dia sai para uma missão e não volta.

Ao lidar com a perda e o luto, elas precisam salvar o rancho da família. Antes de partir para a missão, Mike avisou que estava tudo certo com a propriedade. Contudo, sem a presença física dele, a viúva se vê em posição de ter que vender tudo. A tristeza pela morte do pai ainda leva Grace ao desespero quando percebe que pode ficar sem o seu cavalo favorito. 

Hope Ranch: com a ajuda de seu majestoso cavalo, uma viúva e sua filha tramam um plano para salvar o rancho da família depois da morte do pai

Em outras palavras, só um golpe da sorte para salvá-las. Mas, justamente com uma pequena ajuda de seu majestoso cavalo branco, e amigos, Grace e Rebecca elaboram um plano com o intuito de arrecadar dinheiro suficiente para salvar o rancho. Nesse meio tempo, aprendem a nunca perder a esperança. Aquele enredo de filme ‘seção da tarde’ que não dá para deixar de assistir. Contando ainda com a fotografia.

Entre as curiosidades de Hope Ranch, John Schneider é 18 anos mais velho que a atriz que interpreta sua esposa, Marisa Brown . Ela, por sua vez, é 18 anos mais velha do que a atriz que interpreta sua filha, Grace Van Dien. T.C. Stallings faz o Pastor Williams, enquanto Carter Roy interpreta Luke Star,k e Jimmy Deshler é Chris. O filme estreou em março de 2020 no canal de streaming Netflix. Escrito por Simon K. Parker e dirigido por Paco Aguilar.

Assista o trailer:

Fonte: Cowgirl Magazine, Rotten Tomatos, IMdb

Veja mais da editoria Cinema no portal Cavalus

Continue lendo
X
X