Curiosidades

Resgate de cavalo por helicóptero?

Exército da Suíça realiza teste para resgatar seus animais que atuam nas montanhas do país

Publicado

⠀em

Você sabia que na Suíça, em pleno século XXI, o exército do país, o Swiss Army, ainda utiliza tropas montadas especializadas em ações nas montanhas?

O país é uma das poucas nações no mundo a utilizar os cavalos e possui um dos melhores treinamentos para operações em montanhas. O motivo é a versatilidade do animal nestes tipos de ações.

As ações realizadas pela tropa são diversas, desde a contenção de rochas de uma construção anti deslizamento de terras até o impedir o avanço de uma coluna blindada ou derrubar aeronaves que se aventurem pelos espaços das montanhas que cercam o país.

Entretanto, o que fazer com estes animais se eles sofrem algum tipo de lesão? Pois as montanhas de lá possuem mais de 1.700m de altitude.

A Força Aérea da Suíça realizou uma ação que chamou a atenção: um teste para resgate de um cavalo com um helicóptero. O objetivo da ação era testar se a técnica pode ser utilizada para transferir os animais mais rapidamente ao hospital veterinário.

Segundo o site do exército suíço, os testes foram realizados em parceria com a Faculdade de Veterinária da Universidade de Zurique.

Como içar em segurança o animal?

O principal objetivo do teste era saber qual seria a inclinação e velocidades adequadas para transportar o animal em segurança. O primeiro cavalo teve seu corpo quase coberto por uma roupa especial, tapando também seus olhos para evitar pânico durante o trajeto. Foram testadas cordas de suspensão de diferentes comprimentos e redes especiais.

Apesar de balançar com o vento, o animal não ficou agitado.

Na segunda fase dos testes, foram içados três cavalos de uma vez, por um helicóptero Super Puma, usando botas protetoras.

A Suíça é reconhecida internacionalmente pelos seus esforços para resgatar seus cavalos, afirmou o diretor de cirurgia equina da Universidade de Zurique, Anton Fürst.

Os testes concluíram que os animais não podem voar a uma velocidade maior que 130 km/h e agora todos os animais do exército poderão ser resgatados pelo helicóptero, se necessário.

Por: Camila Pedroso

Fotos: VBS/DDPS/Sam Bosshard

Mais notícias no Portal Cavalus

WordPress Ads
WordPress Ads