Corrida

Gael 3 6 HRZ vence GP Nordeste no Jockey Club de Sorocaba

Publicado

em

Segundo ano de realização do GP Nordeste contou com cinco animais. A expectativa do Jockey Club de Sorocaba é que esse número cresça a cada ano

O sábado, 24 de outubro, foi especial no Jockey Club de Sorocaba, visto que o GP Nordeste reuniu cinco animais de criação nordestina. Disputado nos 301 metros e com R$ 90 mil de dotação, o GP Nordeste realizou sua segunda edição em 2020. Acima de tudo, esse GP faz parte do Grand Prix do JCS.

Quem levou a melhor foi Gael 3 6 HRZ (Tres Seis x Nikita Vista), de criação e propriedade do Rancho Horizonte. Pela baliza 3 ele largou bem e defendeu sua posição nos metros finais. Na cola do macho castanho de três anos estava o favorito Great Reason MV (Good Reason SA x Solid Connection).

Segundo ano de realização do GP Nordeste contou com cinco animais. A expectativa do Jockey Club é que esse número cresça a cada ano

Mas o prêmio de campeão ficou mesmo com Gael 3 6 HR. Treinado por R Rosa e sob a sela de J Santana, cruzou disco final com a marca de 16s88 (IV 87). A saber, uma cabeça de vantagem de Great Reason MV. Em segundo lugar, o macho de três anos, de propriedade de Paulo Otávio Freire Macedo, marcou 16s709 (IV 86).

Em seguida cruzou a linha de chegada Amazonas For Me MV, 16s769 (IV 84). Filha de Corona For Me e Solid Connection, a fêmea castanha é de propriedade  do Haras Isabelita. Iron Wagon MV chegou em quarto lugar, 16s821s (IV 83). Por fim, Misterio Corona RIL, em quinto, com 16s966s (IV 78).

De acordo com a Resolução da Comissão de Corridas (19/2020), a final do GP Taça de Prata foi adiada. A decisão estava marcada para esse sábado, junto com o GP Nordeste, contudo, sem acesso aos resultados dos exames antidoping das classificatórias, a comissão prorrogou a data para 31 de outubro.

Fonte: Jockey Club de Sorocaba
Crédito das fotos: Divulgação/JCS

Veja mais notícias da modalidade Corrida no portal Cavalus

Comentar com o Facebook

Corrida

Brave Granite cruza em primeiro no GP Consagração – III Tríplice

O Jockey Club de Sorocaba recebeu ainda as classificatórias do GP Taça de Ouro e dois páreos especiais

Publicado

em

Por conta da pandemia, os portões do Jockey Club de Sorocaba continuam fechados ao público. Contudo, é possível acompanhar todas as corridas ao vivo, através do canal do Youtube da entidade. Dessa forma, entusiastas de diversas cidades aplaudiram de casa a vitória de Brave Granite no GP Consagração – III Tríplice Coroa no último dia 21 de novembro. Filho de Granite Lake x Jess Because (por Mr Jess Perry) cruzou a linha de chegada em primeiro lugar com 21s636.

Primeiro páreo da tarde, portanto, o GP Consagração reuniu seis craques para a disputa de R$ 90 mil de bolsa nos 402 metros. Favorito, Brave Granite, de criação de Érico Braga e propriedade do Stud Brave Granite (Haras Mantovani /Luiz Meneghel Neto/Erico Braga), não decepcionou. Pela baliza 6, o macho alazão tostado venceu com mais de um corpo de vantagem,  montado por A Andrade e treinador por V Antunes.

Entre outras classificações, Brave Granite (foto) venceu esse ano o GP America Futurity em junho. Em segundo lugar cruzou Eurico For Me JQM (21s806). Seguido por Fantastic Blush (21s857), Guapa Negra (21s085), Ibope Lake (22s150) e Boris Verde (22s174).

A novidade do final de semana ficou por conta do aplicativo oficial de apostas do Jockey Club de Sorocaba. Apostas online através do app estiveram liberadas já para o GP Consagração – III Tríplice Coroa.

As quatro classificatórias do GP Taça de Ouro nos 301 fecharam a programação do dia. Com R$ 45 mil de bolsa, a final acontece no dia 5 de dezembro entre os vencedores de cada páreo e mais dois menores tempos. Os vencedores Fahrenheit For Me (16s720), Moon Roses MRL (16s388) – mais rápida da classificatória; Teller Apollo MRL (16s514), Fascynio Perry (16s754) e mais os dois menores tempos Espirit Seis (16s757); Mister Eagle MRL (16s760) disputam o título.

Brave Granitre cruza em primeiro no GP Consagração – III Tríplice, em dia que o JCS recebeu as classificatórias do GP Taça de Ouro
Swingin Granite

GP Taça de Prata

De acordo com a Resolução da Comissão de Corridas (19/2020), as finais do GP Taça de Prata foram adiadas de 24 para 31 de outubro. Sem acesso aos resultados dos exames antidoping das classificatórias, o JCS prorrogou a decisão. Em nota, o Jockey comentou que sempre prezou pelo bem-estar animal, pela transparência e por iguais condições entre os competidores.

“Isso significa respeito aos proprietários, criadores, apostadores e turfistas em geral. Por isso são realizados exames antidoping em todos os páreos, seguindo rigorosos critérios internacionais. Antes de mais nada, foi uma surpresa quando os resultados dos exames das classificatórias do GP Taça de Prata não chegaram a tempo para a confirmação dos animais na final”, corrobora o Informativo.

Houve um problema no laboratório paulistano. Assim, de forma clara, em respeito a todos, as finais foram prorrogadas, em caráter excepcional. Portanto, a final do GP Taça de Prata nos 275 metros teve vitória de Swingin Granite (Granite Lake x Swingin Jessie, por Mr Jess Perry). De propriedade do Stud LM e criação de Erico Braga, o macho alazão colocou um corpo de vantagem na chegada.

Saindo na baliza 7, venceu com a marca 15s265 (IV-96) deixando em segundo lugar Fantastic Granite (15s438). Treinado A P Melo e guiado por E B Melo, levou pra casa os R$ 21.600,00 da bolsa destinados ao campeão. Em seguida, cruzaram a linha Breeze Wagon FS (15s473); Guzman JQM (15s598); Granite Fly Easy (15s635). “Apesar das adversidades no caminho, com o menor transtorno possível, as disputas puderam ocorrer de forma limpa e clara”, finalizam os responsáveis pelo hipódromo.

Fonte: Jockey Club de Sorocaba
Crédito das fotos: Divulgação/JCS

Veja mais notícias da modalidade Corrida no portal Cavalus

Comentar com o Facebook

Continue lendo

Corrida

No Way José obtém vitória em importante GP no Jockey de SP

Publicado

em

No Grande Prêmio ABCPCC, destaque da programação do Jockey Club de São Paulo,  No Way José mostrou uma história de superação

Logo depois de ultrapassar inúmeros contratempos físicos ao longo de sua campanha, No Way José alcançou a vitória mais importante de sua história nas pistas. Com Michael Silva esbanjando talento em seu dorso, o cavalo de propriedade do Stud JCR cruzou o disco do Grande Prêmio ABCPCC (G1) em primeiro lugar.

O GP da Associação Brasileira dos Criadores e Proprietários do Cavalo de Corrida foi destaque da programação do final de semana passado no Hipódromo Paulistano, em Cidade Jardim. Com vantagem de pescoço sobre o favorito Nantucket, No Way José marcou o tempo de 55s53 para os 1.000 metros da pista de grama macia.

“Que dia especial!! Que emoção!! Uma vitória no Grande Prêmio de velocidade mais importante do Brasil!”, postou seu proprietário em sua página do Facebook. 

No Way Jose, 4 anos, filho de Victory is Ours e Heart of The Ocean (Ocean of Wisdow), tem criação do Haras Vale Verde. Ademais, conta agora com 4 vitórias clássicas em 9 atuações. Antes de mais nada, o animal suplantou dez adversários dos mais qualificados e conferiu emoção aos resultados do páreo.

No Grande Prêmio ABCPCC, destaque da programação do Jockey Club de São Paulo,  No Way José mostrou uma história de superação

Corrida

De acordo com o portal da ABCPCC, o favorito dos apostadores, Nantucket, buscou a ponta logo na largada. Por fora dele, Tácio e Urich Ralph corriam em segundo e terceiro, respectivamente. O veterano Consul American aparecia em quarto, enquanto No Way José acionava na quinta colocação.

Na reta final, o campeão ganhou terreno. Em forte arremate, pela baliza 7, No Way José encostou em Nantucket quando faltavam 200 metros para o final da corrida. A cada galão, já na dianteira, o animal vencedor então deu tudo de si, comandado por seu jóquei. 

Nantucket fechou em segundo lugar, com Yes Champion, que acelerou nos metros finais, em terceiro. Em seguida, Consul American, Nice Lady, Tácio, Itagiba, Ulrich Ralph, Geluve, Icelandic e Newark.

Assista:

Fonte: Jockey Club de São Paulo e ABCPCC
Crédito da foto: Divulgação/Porfírio Menezes

Veja outras notícias no portal Cavalus

Comentar com o Facebook

Continue lendo

Corrida

Mais uma vitória para Fantastic Fly Apollo no Jockey de Sorocaba

Publicado

em

O Jockey de Sorocaba realizou mais uma reunião em que não só definiu o campeão do GP Brasil, como também realizou classificatórias do GP Traça de Prata

Por conta da pandemia da Covid-19, as corridas no Jockey de Sorocaba ainda continuam sendo realizadas sem público, Ainda assim, acompanhando à distância, através da transmissão ao vivo, milhares de amigos puderam vibrar com as disputas ocorridas na reunião do dia 10 de outubro.

Dessa forma, o Jockey de Sorocaba, reduto do Quarto de Milha de Corrida, viveu mais um dia de muitas emoções. Na final do GP Brasil, segunda prova da Tríplice Coroa, quem levou a melhor foi o vencedor do GP Sorocaba Futurity 2020 Fantastic Fly Apollo (foto). O tordilho é filho de Fantastic Corona Jr e Fly Apollo Eyesa. De criação do Haras Fazenda São José, o macho de três anos é de propriedade do Haras Três Climas e Fábio Mattos.

Assim sendo, sob treinamento de Rivail Rosa e J Santana na condução, cruzou o disco final dos 365 metros com a marca de 19s571. Vantagem de 3/4 para Atau JQM, ela que venceu a primeira prova da Tríplice Coroa, o GP São Paulo. Portanto, se ganhasse ficaria a uma corrida de ser colocada em uma galeria especial. Em segundo lugar, a fêmea de três anos cruzou o disco em 19s683.

O Jockey de Sorocaba realizou mais uma reunião em que definiu o campeão do GP Brasil e realizou classificatórias do GP Traça de Prata
Breeze Wagon FS

O vencedor levou pra casa R$ 54 mil do total de R$ 90 mil de bolsa desse GP. Em terceiro lugar Guapa Negra (19s765), seguida por Fantastic Blush (19s786). Completando a lista dos cinco craques desse páreo, por fim, Darlin Lake PK (20s266).

Quatorze animais, divididos em três classificatórias, disputaram seis vagas para a final do GP Taça de Prata em 24 de outubro. Classificaram-se Breeze Wagon FS (15s192); Fantastic Granite (15s215); Swingin Granite (15s226); Sensual Gold (15s260); Granite Fly Easy (15s298); Guzman JQM (15s382). Todas as corridas têm transmissão ao vivo pelo Youtube.

Fonte: Jockey Club de Sorocaba
Crédito das fotos: Divulgação/JCS

Veja mais notícias da modalidade Corrida no portal Cavalus

Comentar com o Facebook

Continue lendo
X
X