Três Tambores & Seis Balizas

ANTT prepara final histórica em meio a pandemia

Decisão da temporada 2019/2020 da ANTT acontecerá sem público nas modernas instalações do Haras NSG no interior de São Paulo

Esse ano será diferente. Acostumadas a entrar em uma arena lotada para disputa do título, as finalistas terão o silêncio de uma pista vazia. Não tinha como ser de outro jeito. Mesmo como números melhores, o Brasil, e o mundo, ainda passam pela pandemia no novo coronavírus. Contudo, a diretoria da ANTT está feliz. Depois de todas as incertezas dos últimos meses se prepara para encerrar a 17ª temporada com R$ 85 mil em prêmios e as melhores do Brasil.

Portanto, a final do Circuito RAM Rodeo ANTT está marcada para os dias 25 e 26 de setembro. O evento acontece na arena coberta do Haras NSG, em São Pedro/SP. E não terá a presença de público.

Dessa forma, as competições serão transmitidas ao vivo pelo aplicativo Rodeio Play, parceiro do campeonato. Bem como através das plataformas do Brasil Rural TV, que fará a geração das imagens. “Estamos orgulhosas em poder concluir a nossa temporada mesmo em um ano tão atípico e difícil. Foi um ano de grandes desafios, mas com a união de toda a diretoria conseguimos dar sequência ao campeonato. Assim como tivemos o apoio das nossas filiadas e de nossos parceiros. Essa final certamente entrará para a história”, afirma Flávia Cajé, presidente da ANTT.

Serão três rounds: sexta, 25, a partir das 20h30; sábado, 26, a partir das 10h e a partir das 20h. Sobretudo, quando ocorre também a cerimônia de premiação. Mesmo tendo que alterar a premiação final prevista no início da temporada devido as condições atuais, a ANTT irá distribuir mais de R$ 85 mil neste evento. Assim como nos anos anteriores, as 20 finalistas das categorias adultas e as cinco finalistas da mirim terão premiação garantida de acordo com suas posições finais no ranking. com efeito, a campeã nacional recebe R$ 20 mil.

Campeonato 2019/2020

A atual temporada da ANTT teve início em setembro de 2019. Como resultado, havia realizado quatro etapas regulares e três etapas bônus antes do início da pandemia. Todos os eventos foram paralisados, modificando assim a programação da Associação. Todavia em agosto, a ANTT foi pioneira e retomou as atividades organizando uma etapa própria. Dsse modo, validou também uma etapa bônus e fechou o Circuito RAM Rodeo ANTT com dez etapas antes da final Nacional.

O campeonato contou com a participação de mais de 200 competidoras filiadas. Dessa maneira, a etapa decisiva terá a presença somente das melhores pontuadas ao longo do ano. Em suma, além da premiação citada acima para a campeã, também haverá premiação para o melhor tempo de cada round em todas as categorias. Bem como premiação final para o melhor treinador da temporada.

Na Feminino, as dez melhores do ranking disputam o título nacional na Final Organnact Gold Race. Enquanto as competidoras que estão entre a 11ª e a 20ª posição concorrem ao título da Final Rodeio Play Silver Race. Por fim, pela Mirim, competidoras de até 12 anos, a batalha pela fivela será travada pelas cinco melhores do ranking na Final Boots Horse Mirim.

Decisão da temporada 2019/2020 da ANTT acontecerá sem público nas modernas instalações do Haras NSG no interior de São Paulo

Disputa pelo título 2020 da ANTT será acirrada em todas as categorias

O título nacional da categoria Feminino mais uma vez reserva fortes emoções. A atual bicampeã nacional, Ana Carolina Cardozo, novamente chega a etapa decisiva na liderança. Ana se posicionou entre as dez melhores em todas as etapas que disputou. A paulista de Araraquara soma 560 pontos e depende apenas de seus bons resultados para garantir o terceiro título consecutivo.

Entre suas principais concorrentes, a tetracampeã nacional ANTT Fatiana Ferreira, segunda colocada no ranking. Em seguida, Donata Prata Volpon, terceira colocada, e a campeã mirim de 2019, Luana Lima Bastos. Aliás, em seu primeiro ano exclusivamente na categoria adulta, Luana já entra na briga pelo inédito título. As três somam até o momento 340 pontos e as posições foram definidas pelos critérios de desempate previstos no regulamento.

Na disputa da Feminino Silver Race, assim como acontece em todos os anos, tudo pode acontecer. Todas as classificadas têm chances reais de serem campeãs. Gabriela Sávio e Ana Laura Savini chegam a decisão em condições iguais, ambas com 245 pontos. E são seguidas de perto, então, por Mariana Jubran, 205 pontos, e Giovanna Morato, que está na quarta posição com 190 pontos.

O favoritismo na Mirim é da líder Eduarda Carrero, que venceu duas etapas e subiu ao pódio outras cinco vezes nesta temporada. Duda tem até o momento 370 pontos. Apesar de certa vantagem, Jullya Anthonielly e Maria Manuela Nogueira, ambas com 300 pontos, serão as outras duas principais concorrentes.

Finalistas

GOLD RACE
1 – Ana Carolina Cardozo – Araraquara-SP – 560 pontos
2 – Fatiana Ferreira – Guaíra-SP – 340 pontos
3 – Donata Prata Volpon – Pres. Prudente-SP – 340 pontos
4 – Luana Lima Bastos – Bataguassu-MS – 340 pontos
5 – Giovanna Lasmar – São João Del Rei-MG – 330 pontos
6 – Lisandra Carvalho – Pilar do Sul-SP – 330 pontos
7 – Rafaela Slaviero – Curitiba-PR – 305 pontos
8 – Letícia do Valle – Pres. Prudente-SP – 300 pontos
9 – Laiz Leite – Itapira-SP – 290 pontos
10 – Kelly Caroline – Duartina-SP – 275 pontos

SILVER RACE
1 – Gabriela Sávio – Brotas-SP – 245 pontos
2 – Ana Laura Savini – Botucatu-SP – 245 pontos
3 – Mariana Jubran – Avaré-SP – 205 pontos
4 – Giovanna Morato – Sorocaba-SP – 190 pontos
5 – BrehnaBazanella – Americana-SP – 180 pontos
6 – Heloísa Sá Rezende – Pres. Prudente-SP – 180 pontos
7 – Daniela Andreotti – São Paulo-SP – 170 pontos
8 – Eduarda Peres – Potirendaba-SP – 160 pontos
9 – Thais Munique – Votuporanga-SP – 155 pontos
10 – Ana Flávia Belumat – Sto. Ant. Posse-SP – 155 pontos

MIRIM
1 – Eduarda Carrero – ParaguaçúPta.-SP – 370 pontos
2 – Jullya Vicentini – Jaguariúna-SP – 300 pontos
3 – Maria Manuela Nogueira – Cravinhos-SP – 300 pontos
4 – Julia Pereira da Silva – Vargem Grande Paulista-SP – 270 pontos
5 – Olívia Ianez – Tabapuã-SP – 240 pontos

Decisão da temporada 2019/2020 da ANTT acontecerá sem público nas modernas instalações do Haras NSG no interior de São Paulo

Protocolos

Da mesma forma que aconteceu nas últimas provas realizadas pela ANTT, a etapa decisiva seguirá uma série de protocolos. Normas, sobretudo, que fazem parte de uma cartilha desenvolvida pela própria entidade em conjunto com o NBQM. O documento foi elaborado com a finalidade de evitar a propagação do vírus da Covid-19.

De tal forma que inclui como normas a redução da equipe de trabalho e distanciamento social. Ao mesmo tempo que exige o uso de equipamentos de proteção. Em conclusão, higienização e controle de acesso com medição de temperatura, entre outros.

Realizar a final Nacional e finalizar temporada mesmo em meio a pandemia, antes de mais nada, comprova a competência e comprometimento de toda a diretoria da ANTT. Há 17 anos a entidade trabalha em prol o fortalecimento dos Três Tambores no país. Principalmente nos últimos meses, não mediu esforços para conseguir realizar provas em um ambiente seguro. Acima de tudo, dentro das normas estabelecidas pelas autoridades.

Outras informações: www.antt.org.br | www.instagram.com/estrelasdaantt.

Colaboração: Agência PrimeComm
Crédito das fotos: Divulgação e Lucas Campos

Veja mais notícias da modalidade Três Tambores no portal Cavalus

X